Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Novo delator confirma R$ 10 milhões a ex-presidente do PSDB para abafar CPI

Por Redação

06 de janeiro de 2016 : 15h27

Carlos Alexandre de Souza Rocha, o Ceará, afirmou à Procuradoria-Geral da República que em 2009 dinheiro foi entregue ao senador Sérgio Guerra (morto em 2014); os primeiros colaboradores da Lava Jato já haviam detalhado repasse milionário ao partido, que nega

por Fausto Macedo, no Estadão

O novo delator da Operação Lava Jato Carlos Alexandre de Souza Rocha, o Ceará, confirmou à Procuradoria-Geral da República o pagamento de R$ 10 milhões ao ex-presidente do PSDB senador Sérgio Guerra (PE) – morto em 2014 – para “abafar” a CPI da Petrobrás de 2009, às vésperas do ano das eleições presidenciais em que Dilma Rousseff (PT) chegou ao Palácio do Planalto.

A revelação sobre o repasse milionário ao então número 1 do PSDB foi inicialmente revelada em agosto de 2014 pelo primeiro delator da Operação Lava Jato, engenheiro Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás. Segundo Costa, o dinheiro foi providenciado pela empreiteira Queiroz Galvão. O doleiro Alberto Youssef, que também fez delação, já havia confirmado o pagamento ao PSDB.

O partido nega ter recebido valores ilícitos. A empreiteira reiteradamente tem negado o repasse.

DELAÇÃO-SERGIO-GUERRA-DESTAQUE-607x350

Ceará fez dezenove depoimentos à Procuradoria-Geral da República, entre 29 de junho e 2 de julho de 2015.

No trecho em que fala dos R$ 10 milhões para o PSDB, ele apontou o ex-deputado José Janene (PP/PR), morto em 2010 e apontado como mentor do esquema de propinas na Petrobrás. “José Janene falou claramente o seguinte: ‘A CPI terminou em pizza’”.

Segundo Ceará, o ex-deputado do PP era um dos cabeças do esquema de corrupção instalado na Petrobrás.

(…)

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

90 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Célia Nadir Anselmi

08 de janeiro de 2016 às 00h23

Uma denúncia do PSDB contra mil do PT.

Responder

Vera Lu Cruz

07 de janeiro de 2016 às 18h59

caça que acha. Deixou herdeiros. Tem sim como rastrear. Só falta vontade de achar e fazer o dinheiro ser aplicado em beneficio do povo.

Responder

Jorge Menezes

07 de janeiro de 2016 às 15h27

Todo mundo sabe que propina paga a integrantes do PSDB não é crime!

Responder

Antônio Pereira da Silva

07 de janeiro de 2016 às 14h23

Só vale para tucano morto.

Responder

Antônio Pereira da Silva

07 de janeiro de 2016 às 14h23

Só vale para tucano morto.

Responder

Claudir Paulo Zantutti

07 de janeiro de 2016 às 12h17

Ah, o PSDB roubou….então o PT pode roubar a vontade, afinal já se roubava antes….

Responder

Claudir Paulo Zantutti

07 de janeiro de 2016 às 12h17

Ah, o PSDB roubou….então o PT pode roubar a vontade, afinal já se roubava antes….

Responder

Vera Lucia Alves Milanez

07 de janeiro de 2016 às 10h31

sua vez ta chegando São Paulo contra o PSDB.

Responder

Larissa Branco

07 de janeiro de 2016 às 09h09

Uai!

Responder

Evandro Carlos Alves Carvalho

07 de janeiro de 2016 às 03h29

Se houver uma investigação profunda, nós BRASILEIROS e BRASILEIRAS saberemos onde tudo começou? Ou não? Não defendo LADRÃO POLÍTICO. Mas são poucos que sobram no BRASIL! Que maldade, só o PT recebe PROPINA, TUCANOS E ASSEMELHADOS SÃO TODOS SANTINHOS NO BRASIL!

Responder

Rodolfo Souza

07 de janeiro de 2016 às 03h11

começo a aparecer os anjinhos do PSDB!!!!

Responder

Dorimar Almeida

07 de janeiro de 2016 às 03h09

Podemos confiar nas CPI que estão aí ? A barganha continua? Que falta de respeito com o eleitor e todos os cidadãos brasileiros

Responder

Rosemary Barros

07 de janeiro de 2016 às 01h03

Cadê a coxada com as panelas?

Responder

Joao Laurentino Cabral

07 de janeiro de 2016 às 00h38

vamos divulgar porque esta delaçao nao sai na imprensa.

Responder

Murillo Paiva

06 de janeiro de 2016 às 23h08

As denúncias contra o ex-líder da tucanalha vazaram só porque se tratava de um tucano morto. Aliás, dois, né? Sérgio Guerra e José Zanene. Daí o Janot disse que não abriria inquérito porque o acusado já havia morrido. Beleza! E OS OUTROS COMPONENTES DA QUADRILHA TUCANALHA, JANOT? Vai alegar que o Aécio é um morto-vivo?

Responder

Josely Brasil

06 de janeiro de 2016 às 22h57

Que bomba bem vinda!

Responder

Dirceu Lopes

06 de janeiro de 2016 às 22h56

O dinheiro foi repassado a alguém já “MORTO”…mas quem são os “VIVOS” que se beneficiaram da mutreta?

Responder

Santos Eddy

06 de janeiro de 2016 às 22h48

Mas já morreu ne? Tucano corrupto, so pode vir a publico se estiver morto.

Responder

Elenara Ribeiro da Silva

06 de janeiro de 2016 às 22h36

incrível que os caras estão mortos!

Responder

Fabio Monteiro

06 de janeiro de 2016 às 22h33

BOA, TEM QUE DIVULGAR MESMO.
MAS DIVULGAR TODOS (Não SEJA COMO A VEJA QUE SÓ COLOCA COISAS DO PT)

No fundo é a mesma tendenciosidade da VEJA.
QUando colocar denuncia dos 2 eu respeito, até lá é só mais um veículo militante que se diz “jornalista”.

Responder

Wagner Nelson de Oliveira

06 de janeiro de 2016 às 22h21

pega esse defunto aí …amigo dos caras da Band ..eh

Responder

Claudemir Melo

06 de janeiro de 2016 às 22h12

Tão decente! Igual aos demais do seu partido: PSDB.

Responder

    Anônimo

    30 de janeiro de 2016 às 16h18

    Nós estamos sendo comandado por uma quadrilha e vcs ficam defendendo essa corja

    Responder

Edilson Fernando Moraes

06 de janeiro de 2016 às 21h47

Temos que investigar e condenar todos envolvidos , TODOS, lembrando que os delatores já falaram o nome do Ex-Presidente Lula e da “Presidenta” Dilma .

Responder

    Murillo Paiva

    07 de janeiro de 2016 às 13h12

    Quando?

    Responder

    Murillo Paiva

    07 de janeiro de 2016 às 13h12

    Quando?

    Responder

    Edilson Fernando Moraes

    07 de janeiro de 2016 às 14h34

    Só ler sobre as delações do Cerveró, Alberto Youssef e Fernando Baiano. Aliás , com todo respeito, é muita ingenuidade achar que não sabiam.

    Responder

    Edilson Fernando Moraes

    07 de janeiro de 2016 às 14h34

    Só ler sobre as delações do Cerveró, Alberto Youssef e Fernando Baiano. Aliás , com todo respeito, é muita ingenuidade achar que não sabiam.

    Responder

João Fernando Figueira Paim

06 de janeiro de 2016 às 21h28

Se você não quer ser preso, seja do PSDB!

Responder

Arthur Bento

06 de janeiro de 2016 às 21h24

Q mentira!!! Foi 5 pra ele e 5 pro outro ainda vivo

Responder

Josefaconceiçao Conceiçao

06 de janeiro de 2016 às 21h10

Com quem ele repartiu esse dinheiro deve esta vivo.

Responder

Marco Ferraz de Araujo

06 de janeiro de 2016 às 20h43

Quem do PSDB participou da divisão dos 10 milhões? Que se investigue.

Responder

Alexandre De Menezes Camurça

06 de janeiro de 2016 às 20h15

Pra quer tanta discussão sobre esses dois partidos corruptos, PT e PSDB ?

Responder

    Jose Aparecido Gonçalves

    06 de janeiro de 2016 às 20h21

    Sou petista tudo que tenho é dó meu trabalho 30anos na mesma fábrica fico chateado e ver vocês compararem o Pt com essa merda

    Responder

Rhodner Paiva

06 de janeiro de 2016 às 20h11

Ele era o que do Lula?

Responder

Tiago Michaelsen

06 de janeiro de 2016 às 20h01

se tivesse investigado lá no começo mas não. com engavetador da república do FHSBC

Responder

Luis Neto

06 de janeiro de 2016 às 20h00

Ele morreu e não levou esta.dinheirama certo? Com quem ficou?

Responder

Ivan Nascimento

06 de janeiro de 2016 às 19h52

Até o Lula ?

Responder

Vanderlei Lima Rodrigues

06 de janeiro de 2016 às 19h51

corrupto ladrão morto

Responder

Ivan Nascimento

06 de janeiro de 2016 às 19h47

De novo com essa história além túmulo ? Por que não exumaram o homem até agora , Petralhas ?

Responder

    Fatima De Lourdes Rodrigues

    06 de janeiro de 2016 às 19h50

    Querem os que sejam investigados todos, não só os de um partido. Mesmo os que morreram, se praticaram crimes queremos saber. Não é pq morreu que virou Santo.

    Responder

Pedro Da Ros

06 de janeiro de 2016 às 19h47

E o Álvaro Dias? Quietinho…

Responder

Paulo Sergio Cruz

06 de janeiro de 2016 às 19h42

Cadeia neles!!!

Responder

Adilson Tenorio

06 de janeiro de 2016 às 19h33

Infelizmente para o Brasil voto nenhum muda este sistema feito para enriquecer e indultar politicos .

Responder

Adilson Tenorio

06 de janeiro de 2016 às 19h33

Infelizmente para o Brasil voto nenhum muda este sistema feito para enriquecer e indultar politicos .

Responder

Alvaro Freitas

06 de janeiro de 2016 às 19h29

ate quando a justiça vai ser seletiva

Responder

Alvaro Freitas

06 de janeiro de 2016 às 19h29

ate quando a justiça vai ser seletiva

Responder

Thanya Teixeira

06 de janeiro de 2016 às 19h29

PSDBosta

Responder

Thanya Teixeira

06 de janeiro de 2016 às 19h29

PSDBosta

Responder

Stephen Gulard

06 de janeiro de 2016 às 19h16

Ricelle Abreu

Responder

Stephen Gulard

06 de janeiro de 2016 às 19h16

Ricelle Abreu

Responder

Nairza Santana

06 de janeiro de 2016 às 19h15

podridão sem fim! prendam esses bandidos!

Responder

Nairza Santana

06 de janeiro de 2016 às 19h15

podridão sem fim! prendam esses bandidos!

Responder

Gustavo Gervásio

06 de janeiro de 2016 às 19h00

Esse 2016 promete

Responder

Joel Araujo

06 de janeiro de 2016 às 18h48

Mas o PSDB é inimputavel!

Responder

Bruno Real

06 de janeiro de 2016 às 16h42

Interessante…
Às vezes as delações não valem nada.
Outras vezes, de repente, valem para condenar alguém.
Entendi…

Responder

Fernando Prado Ferreira

06 de janeiro de 2016 às 18h40

Não vem ao caso. Apaga isso, Miguel.

Responder

EduCarioca Eduardo Monnerat

06 de janeiro de 2016 às 18h31

Vai lá e prende o morto…

Responder

    Paulão

    06 de janeiro de 2016 às 17h41

    Pode aproveitar e prender também quem recebeu os repasses do Presidente do PSDB, que estão todos bem vivos e querendo afastar a Dilma por corrupção.

    Responder

    Murillo Paiva

    07 de janeiro de 2016 às 13h17

    Ou pede a exumação para ver se a grana não está no caixão!

    Responder

    EduCarioca Eduardo Monnerat

    07 de janeiro de 2016 às 13h23

    Já virou herança faz tempo…

    Responder

João Batista

06 de janeiro de 2016 às 18h28

SACANAGEM

Responder

Armando Vasconcelos

06 de janeiro de 2016 às 18h26

Essa história de “delação premiada ” só serve pra preparar a pizza… Denuncia 1, denuncia outro…. Aí acontece um “choque de informações ” e param o processo… E vai se arrastando… E nada acontece…

Responder

    Affonso Moreira

    06 de janeiro de 2016 às 19h00

    Se o denunciado for do PT, acontece!

    Responder

    Armando Vasconcelos

    06 de janeiro de 2016 às 19h11

    Eu diria que se o denunciado for do PT tem mais chances, grandes chances na verdade. Porém, sempre que há um acontecimento polêmico no processo, como é a colaboração premiada, ou delação, eu acredito que o intuito seja apenas ganhar tempo. E o final já imaginamos. Abç

    Responder

Zeca Chabudé

06 de janeiro de 2016 às 18h25

Para esse a maxima vale. Bandido bom é bandido morto.

Responder

Néya Pedroso

06 de janeiro de 2016 às 18h24

caraca! haja grana de propina e desvios viu?, ainda reclamam do bolsa família e programas sociais? caras de pau.

Responder

Glauco Silva

06 de janeiro de 2016 às 18h21

Quando é que o PSDB vai pagar uma multa e devolver o nosso dinheiro?! Quero o dinheiro de volta, isso não é um partido político e uma organização criminosa!

Responder

Amario Loblein Loblein

06 de janeiro de 2016 às 18h21

Ganho bem.

Responder

Leo Sérgio Campos

06 de janeiro de 2016 às 18h13

Mas isso não vem ao caso, não interessa, mas se fosse do PT, com certeza levariam a sério os depoimentos dos delatores, mas isso mostra que estão protegendo os envolvidos do PSDB.

Responder

    Dorival Antonio de Borba

    06 de janeiro de 2016 às 22h22

    vejam o AÉSIM ja foi denunciado duas vezes so na lava jato e nao foi nem convocado para depor se ele fose PT ja estaria preso

    Responder

Max Miller

06 de janeiro de 2016 às 18h09

O Delcídio deles está morto. Culpado no PSDB só morto.Compram tudo e todos…

Responder

Eduardo Ponte

06 de janeiro de 2016 às 18h07

Tem que sair no jornal nacional

Responder

Pedro Gilberto Nichele

06 de janeiro de 2016 às 18h07

Dona Papuda abre as portas da ala inferno pra pegar esses desgarrados…

Responder

Ge Munhoz

06 de janeiro de 2016 às 18h07

Minha nossa, isso nao tem fim……qto mais se movimentam, mas nomes, mais partidos, e onde estavam ate agora? O PT partidinho ladrao escondeu? Tdo culpa do PT entao?

Responder

Victor Cassoli

06 de janeiro de 2016 às 18h06

A questão é: essa grana foi dividida entre quem? Hein Aecio? Rsrsrsrs

Responder

João Bosco Prudente

06 de janeiro de 2016 às 18h04

Responder

Rubem Almeida

06 de janeiro de 2016 às 18h03

Mas isso, pela milésima vez,não vem aí caso

Responder

Jose Cruz de Oliveira

06 de janeiro de 2016 às 18h01

O janene morreu. Duas horas antes.

Responder

Deixe um comentário