Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Vale tudo na delação?Dinheiro para Wagner em 2006 por obra iniciada quase em 2012?

Por Redação

08 de janeiro de 2016 : 20h30

por Fernando Brito, no Tijolaço

Não tenho procuração nem de Jaques Wagner nem de José Sérgio Gabrielli para defendê-los.

Aliás, sequer conheço qualquer um dos dois.

Mas há algo estranhíssimo neste documento de delação de Nestor Cerveró – vazado ilegalmente – apreendido de posse – ilegal – de Delcídio Amaral e, de novo, vazado para o Estadão.

Segundo o texto, Gabrielli teria  decidido transferir para Salvador – uma das importantes sedes da Petrobras, desde sua fundação – uma parte do setor financeiro da empresa. ““Para tanto, foi construído um grande prédio em Salvador, onde atualmente é o setor financeiro da Petrobrás.”, diz o documento. Aí, teria escrito Cerveró, foi construído um prédio e, desta obra, parte dos recursos teria ido irrigar a campanha de Jaques Wagner ao governo baiano em 2006, mas que “não se lembra” por intermédio de que empreiteira teria construído o edifício.

Bem, não sei se Wagner recebeu dinheiro de tal ou qual empreiteira e não tenho como afirmar que tenha sido legal ou ilegal qualquer doação.

Mas, ao que parece, dou capaz de ir procurar informações para saber se isso coincide ou não com os fatos.

Aí encontro na página oficial da Petrobras a cobertura do lançamento da pedra fundamental de seu edifício na capital baiana, é fato. O mesmo em outras publicações baianas.

Só que em 19 de dezembro de 2011. Quer dizer: a obra começou  mais de cinco anos depois da eleição de Wagner ao governo pela primeira vez ao Governo da Bahia e mais de um após sua reeleição.

Por mais que eu tente, não consigo atinar como foram feitos pagamentos – que seriam desviados para a campanha – com mais de cinco anos de antecedência!

Em qualquer lugar do mundo, obra é paga à medida de sua realização e atestada a execução. Pode haver fraude no preço ou na medição (que é como se chama o “confere” que se faz para pagar uma fatura de “X” reais). Nem sequer digo que não haja, porque não conheço propina paga antes de receber-se e com cinco anos de antecedência.

Em sua defesa, Gabrielli mostra – comprovando com reportagem de jornal – que  a  mudança do setor financeiro se deu em 2008, para prédio já ocupado pela empresa, que recebeu reforma a partir de 2007. Cerveró se refere especificamente à construção de “um grande prédio”, o que não é o caso de uma mera reforma em um já existente. E cita como testemunhas duas pessoas que já morreram, convenientemente.

Agora, é de doer que seja aceito como “delação”  para fins de reduzir a pena de um ladrão a história do “não me lembro qual foi a empreiteira, mas todo mundo sabia”.

Ouviu na “Rádio Corredor”?

Passamos ao vale-tudo para atingir a honra das pessoas, faz tempo.

A história não tem densidade para render uma matéria, que dirá para render um processo, como o que há ali.

Muito menos para valer perdão ou redução de penas para quem desviou milhões e menos ainda para atingir outras pessoas na base do “ouvi falar” e  do “todo mundo sabia”.

É preciso que haja um mínimo  de verificação antes de se acusar alguém tão gravemente.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

40 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Francisco M. Carvalho

10 de janeiro de 2016 às 22h25

Delacao Premida…naooo, Delacao Contratada!

Responder

Lurdes Azeve

10 de janeiro de 2016 às 17h28

Wagner leão dê chacara da dilma !

Responder

Hell Back

10 de janeiro de 2016 às 02h14

Eu também ouvi dizer que o Lula e o FHC tinham encontros secretos para fazerem acordos também secretos. he he he

Responder

Carlos Jacob

10 de janeiro de 2016 às 00h46

Depois de MILHÕES DE CUNHA, tudo é possível

Responder

Carlos Girotto

09 de janeiro de 2016 às 22h58

Sérgio moro o fhc é amigo do Lula.

Responder

Carlos Girotto

09 de janeiro de 2016 às 22h58

Sérgio moro o fhc é amigo do Lula.

Responder

Wilson Menezes

09 de janeiro de 2016 às 22h04

imagino se tivesse procuraçao para defende lo …

Responder

Leo Sérgio Campos

09 de janeiro de 2016 às 19h53

Tá muito claro eles tem de manter sempre alguém investigado pra dar manchete seja verdade ou não , isso pouco importa,mas tem de manter os noticiários sempre com novidade, se é verdade pouco interessa, e os bestas da Globo, acham que o povo é trouxa, estão trocando de canal, naõ perceberam estão com audiência, ridícula, logo vai sobrar gente na Globo, vão chorar pra quem ? ah Pro Mendes, então tá, vamos em frente.

Responder

João Rabelo

09 de janeiro de 2016 às 18h43

GLOBISTA e oposicionistas ainda querem salvar o Cunha em outra estâncias usando esta divulgação inflamatório de sempre

Responder

Paulo Rogerio Rogerio

09 de janeiro de 2016 às 18h12

Mentiras premiadas

Responder

Colchões Júnior Franco

09 de janeiro de 2016 às 17h32

Ex governador agora, é a bola da vez. Mais confusão a vista. coisa desse povin piquininin. Q merda!

Responder

Jorge Seraphim

09 de janeiro de 2016 às 17h28

Liobio Seraphim Filho o importante é dar manchete.

Responder

Oliveira Nunes

09 de janeiro de 2016 às 16h52

todos traidores

Responder

Ivan Gomes

09 de janeiro de 2016 às 15h43

o” Desconhecimento- do que” colocam “na mídia -para “Comprometerem ” o Pt-Partido dos Trabalhadores – é completamente fora do, tempo e do espaço de um noticiário que ,comprometa o adversário:..só para” Reverberarem “a sua Ira ,pelos erros dos seus “projetos diabólicos “…inocêntes !!!KKK …repetindo: A direita é “Burra” rrsrsrs

Responder

Solimar Faustino

09 de janeiro de 2016 às 15h31

Um delator disfarçado e irreconhecível. SQN

Responder

Marijo Bueno

09 de janeiro de 2016 às 14h24

Globolixo

Responder

Maria Regina Novaes

09 de janeiro de 2016 às 14h19

Ivo…percebe que a delação é só contra o pt….o resto é sigilo como diria o alckmin.

Responder

Ivo Vanda Reis

09 de janeiro de 2016 às 13h30

Oh Cafezim!!! Se vc não tem procuração dos dois, então vc e movido por outra coisa. Não me interessa saber qual. Vcs estão sempre desmerecendo delação premiada contra o povo do Pt. Por que???? Vc conhece JW? Vc coloca a mão no fogo por ele? Vc conhece SG??? Vc coloca a mão no fogo por ele????? Se sim, leias as denúncias do Cervero. Se não, leias as denúncias do mesmo jeito. Nesta turma , ninguém come capim. Estou achando, com todo respeito , que tem alguém pastando aí e tenho certeza que não e o delator e nem os delatados. Continuo lendo suas matérias que , aliás , são ótimas.

Responder

    Giselda Rodrigues

    09 de janeiro de 2016 às 18h40

    Ivo Vanda Reis por favor Leia logo ai embaixo o que escreveram no comentário

    Responder

Derli Ferreira

09 de janeiro de 2016 às 13h29

Qualquer ação ou motivo que levem os ladrões para a cadeia é válido. Quem luta contra a delação premiada, por exemplo, é conivente com o delito.
À quem é acusado se dá o direito de defesa, é princípio básico do direito.
Tudo o mais que se acerca dos fatos é gerado pelos interesses, conchavos e acertos dos envolvidos.

Responder

    Anônimo

    09 de janeiro de 2016 às 15h56

    Só ignorante que nunca leu a linha de direito faz comentário cretino desses. É como diz um sábio: toda ignorância é atrevida!

    Responder

Flavia Pessoa

09 de janeiro de 2016 às 13h05

A regra é clara: Qualquer respingo de denúncia contra Aécio, muda a pauta.

Responder

Flavia Pessoa

09 de janeiro de 2016 às 13h05

A regra é clara: Qualquer respingo de denúncia contra Aécio, muda a pauta.

Responder

Antenor Nicolau

09 de janeiro de 2016 às 11h53

Da sonegação da globo e da fortuna dos irmãos marinho ninguém fala….

Responder

Tonya de Carvalho

09 de janeiro de 2016 às 11h22

E vergonhoso esta campanha de difamação sem nenhuma comprovação !!

Responder

Leandro Ismael Heck

09 de janeiro de 2016 às 10h58

Isso pode provar que é possivel a viagem no tempo!

Responder

Marcelo Drumstick

09 de janeiro de 2016 às 10h52

Se o “ouvi falar” invalida a delação sobre Wagner, também invalidaria sobre Aécio? Quanto a cronologia, esta não desconstrói uma acusação, se houver uma prova que houve pagamento de propina à Wagner, aí não importa se foi adiantamento, pagamento pelo terreno ou que seja… É propina, nem se a destinação foi para eleição…

Responder

    Rosimar Nunes

    09 de janeiro de 2016 às 14h40

    Parece que no caso de Aécio em Furnas, existe uma lista cuja autenticidade foi comprovada por perícia da PF, que corrobora a notícia feita na delação…

    Responder

Sergio Mallaco

09 de janeiro de 2016 às 10h45

Dilma / Lula lá / Jandira

Responder

Egnaldo Heleno

09 de janeiro de 2016 às 10h30

O desespero é grande

Responder

    Marcelo Drumstick

    09 de janeiro de 2016 às 10h54

    Se o “ouvi falar” invalida a delação sobre Wagner, também invalidaria sobre Aécio? Quanto a cronologia, esta não desconstrói uma acusação, se houver uma prova que houve pagamento de propina à Wagner, aí não importa se foi adiantamento, pagamento pelo terreno ou que seja… É propina, nem se a destinação foi para eleição…

    Responder

Bianca Sabatino

09 de janeiro de 2016 às 10h30

aiaiai

Responder

Eduardo Santtos

09 de janeiro de 2016 às 10h24

Adiantamento?

Responder

Vinicius Farias

09 de janeiro de 2016 às 10h14

E a globo bota em capa de jornal e no jornal nacional como se já fosse certo que ele recebeu propina… Bando de safados!!!

Responder

    Marcelo Drumstick

    09 de janeiro de 2016 às 10h54

    Se o “ouvi falar” invalida a delação sobre Wagner, também invalidaria sobre Aécio? Quanto a cronologia, esta não desconstrói uma acusação, se houver uma prova que houve pagamento de propina à Wagner, aí não importa se foi adiantamento, pagamento pelo terreno ou que seja… É propina, nem se a destinação foi para eleição…

    Responder

      Hell Back

      10 de janeiro de 2016 às 02h19

      Eu também ouvi dizer que o Lula e o FHC tinham encontros secretos para fazerem acordos também secretos. he he he

      Responder

Mauricio Bellini

09 de janeiro de 2016 às 10h14

Responder

Fernando Loureiro

09 de janeiro de 2016 às 10h08

Não é possível que o valoroso povo paulista não vá dar um troco aos meios de comunicação que o serve. Não é possível que ainda não tenha percebido de que foi alvo da campanha mais odienta de manipulação, chegando ao ponto de ir para a rua e espalmar em faixas “somos todos Cunha”! O que a Folha, Estadão, Band e rede esgoto fizeram não existe registro histórico. Às vezes com as mesmas chamadas de capa.
Não precisa pedir perdão à Presidenta pelas vaias do jogo de abertura da Copa. Igualmente, não precisa se redimir pelos milhões de comentários raivosos postados nas matérias dos jornais. Não precisa pedir desculpes por ter preferido os senhores Geraldo Alckmin e Paulo Skaf em detrimento do dr Alexandre Padilha na eleição para o Governo do Estado.
Reflita pq desenvolveram tanto ódio ao PT? Se descobrir terá dado um salto civilizatório e a imprensa marrom paulista vai desaparecer!!

Responder

Concordo em gênero e grau! Já passou da hora de rever o tipo dessas delacoes!

09 de janeiro de 2016 às 07h50

Concordo em gênero e grau.Já passou da hora de rever o modo e tipo de delacoes e esses vasamentos seletivo que vai direto para as primeiros páginas da grande Mídia!

Responder

Marco Aurélio Maia

09 de janeiro de 2016 às 09h44

Eficiência. Planejamento… Afff!!!

Responder

Deixe um comentário