Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Brasília - O ministro da Defesa, Jacques Wagner, participa de audiência pública na Comissão de Relações Exteriores, para falar sobre o decreto sobre militares e Jogos Olímpico (José Cruz/Agência Brasil)

Bastou o ministro Jaques Wagner emergir no cenário político para se tornar alvo de vazamentos da Lava-Jato

Por Redação

11 de janeiro de 2016 : 13h45

Vazamentos colocam como iguais quem praticou crime, quem feriu a ética e quem é inocente. Pedir recurso de campanha a um empreiteiro e tratar com ele de verbas para obras pode passar longe da ética. Mas não é o mesmo que ter propina em conta na Suíça

A mão invisível dos vazamentos

por Helena Chagas, no Fato Online

Bastou o ministro chefe da Casa Civil, Jaques Wagner, botar a cabeça para fora e emergir no cenário político como principal articulador do Planalto contra o impeachment, cacifando-se até como Plano B do PT em 2018, para se tornar alvo preferencial do mais recente vazamento da Lava-Jato. Temos visto esse filme com frequência, num roteiro que alterna personagens diversos – ministros, empresários, banqueiros, pesos-pesados do Congresso e até o vice Michel Temer – e inclui, invariavelmente, um vazamento comprometedor.

Pode ser o trecho de uma delação premiada, gravações de conversas de terceiros, relatórios do Ministério Público ou da Polícia Federal com a transcrição de mensagens de celular ou e-mail, muitas vezes sem contexto ou maiores explicações. Como a cavalo dado não se olha os dentes, nós, jornalistas, publicamos os vazamentos cuidando de checar apenas se não se trata de fraudes ou documentos falsos. Justiça seja feita, isso não vem acontecendo. Mas quase sempre deixamos em segundo plano maiores reflexões sobre objetivos e intenções de quem nos passou o material. É do jogo.

É um jogo que vem funcionando assim desde que a Constituição de 1988 entrou em vigor, dando início a um processo de fortalecimento de instituições de Estado como o Ministério Público, a Polícia Federal, a Receita, o TCU, etc. De lá para cá, uma parceria entre autoridades de investigação e imprensa tem contribuído para denunciar escândalos, botar gente na cadeia, expor atos de corrupção que, num passado recente, eram varridos para debaixo do tapete.

O país se beneficiou disso. Mas, como todo remédio, também esse pode virar veneno quando ministrado sem critério e em doses cavalares. Formulador intelectual da Lava Jato, o juiz Sergio Moro convenceu-se de que a operação, espelhada na Mãos Limpas italiana, só seria bem-sucedida com apoio da imprensa, e montou forte esquema midiático a partir de Curitiba. Os primeiros vazamentos deram base a ações e operações da força-tarefa.

Mas o jogo é perigoso. A Lava Jato, com empreiteiros e políticos no alvo, se tornou uma megaoperação, com centenas de acusados nos mais variados fóruns de julgamento e investigação, e com milhares de nomes citados em depoimentos, que vão se desdobrando em mais e mais depoimentos, citações, investigações. Só as delações premiadas já são cerca de cinquenta, com potencial multiplicador. Nesse contingente, haverá culpados e inocentes, e o ideal, no Estado de Direito, é que se aguarde a Justiça para se saber quem é quem, com calma e sem pré-julgamentos.

Mas a Lava Jato virou um bicho mais ou menos como a Hidra de Lerna, aquele monstro mitológico cheio de cabeças que Hércules teve que matar. No lugar de cada cabeça que cortava, nasciam mais sete. Da mesma forma como se multiplicam depoimentos, acusados, mencionados e investigados, aumenta o número dos que têm acesso – alguns, sabe-se lá como – a esse material. Documentos vazados, a maioria em cópias digitais, circulam entre advogados, autoridades, jornalistas, políticos. Viraram quase símbolo de status na Brasília desses tempos sombrios.

Às vezes, autoridades responsáveis ensaiam alguma reação contra “vazamentos seletivos”, mas a verdade é que governo, oposição, gregos e troianos têm interesse neles. Na semana passada, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, mandou abrir inquérito para apurar vazamento de relatório da PF sobre as mensagens de celular do articulado empreiteiro Léo Pinheiro com políticos – entre eles, o então governador Wagner tratando de recursos para campanhas do PT na Bahia e obras da OAS no estado. Isso entusiasmou alguém, porque no dia seguinte vazou trecho da delação premiada de Nestor Cerveró sobre suposto desvio da Petrobras para campanha do ministro.

E a ciranda vai rodando cada vez mais forte. Nos bastidores, o Planalto suspeita de Eduardo Cunha, que também é alvo de vazamentos múltiplos – até de declaração da Receita Federal – que acusa a PF e a PGR. Enquanto isso, o vice Michel Temer suspeita ter entrado na roda pelas mãos de ministros do PT. Ninguém nunca vai saber ao certo, mas talvez todos tenham razão.

Nessa bagunça, porém, institutos elementares como a presunção da inocência e o direito de defesa podem estar sendo irreversivelmente feridos. Ao expor nomes sem provas, de forma descontextualizada, a mão invisível dos vazamentos da Lava Jato trata como iguais quem praticou crime, quem cometeu delitos éticos e quem é inocente – até prova em contrário, é preciso acreditar que esses existem.

Pedir recursos de campanha a um empreiteiro é um comportamento constrangedor, e tratar diretamente com ele de verbas para obras passa longe da ética. Mas não é o mesmo que ter depósitos oriundos de propina em contas na Suíça ou obstruir investigações.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

130 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Bruno Csuzlinovics Pires

15 de janeiro de 2016 às 14h00

Delação contra o Aécio – Aecio ladrao !!!
Delação contra jaques – judiciário fascista !!!
Essa é a lógica governista …
Fazer o que, acreditar como em uma página que acha que o mensalão não existiu e os ex políticos presos são heróis do povo brasileiro hahaha

Responder

Gilberto Marcos Mendonça Santos

13 de janeiro de 2016 às 08h47

O cafezinho, uma das Minhas tres fontes preferidas de notícias, deveria fazer uma reportagem na Bahia e checar as barbaridades que Wagner fez por aqui…

Foi eleito duas vezes para governador… A primeira uma aposta contra o carlismo… Na segunda um voto de confiança para evitar a volta do carlismo…

Entretanto, foi uma decepção … Tomou atitudes com o funcionalismo que nem mesmo ACM com toda a sua malvadeza o fez.

Meu voto Wagner não terá sequer para síndico.

Responder

J Reinaldo Santos

12 de janeiro de 2016 às 21h01

AH ISSO SEMPRE FOI ASSIM AQUI E ACHO QUE ONDE TEM GENTE SUJA NA POLÍTICA VAI SER SEMPRE ASSIM, ELES SEMPRE TENTARÃO ACUSAR OS INOCENTES PARA PROTEGER OS CULPADOS, TALVEZ POR ISSO NÃO SE POSSA TER PENA DE MORTE NO PAÍS, POIS SEMPRE MORRERÃO INOCENTES PARA LIVRAR OS VERDADEIROS CULPADOS POIS OS MAUS SEMPRE SÃO MAIS FRIOS E FAZEM DE TUDO PARA MANTER SEUS PRIVILÉGIOS, CUSTE O QUE CUSTAR DOA A QUEM DOER.!!

Responder

Edu Marcondes

12 de janeiro de 2016 às 17h53

Suspeito e desqualificador

Responder

Dolores Trindade Braga

12 de janeiro de 2016 às 15h30

O que eles querem mesmo é arrancar a Dilma do poder.

Responder

Vanderlei Jesus

12 de janeiro de 2016 às 15h05

Quando esse governo começar a colocar gente Boa r onesto lá acabou o problema. Agora tira um larápio e coloca outro.

Responder

Hélio Renato Néri

12 de janeiro de 2016 às 14h09

Sabidamente” político”.

Responder

Roberto F. Barreto

12 de janeiro de 2016 às 12h49

Coitado , …. Santo Homem.

Responder

Roberto F. Barreto

12 de janeiro de 2016 às 12h48

Coitado , …. Santo Homem.

Responder

Aildo Lima

12 de janeiro de 2016 às 11h31

Entenda todos da cúpula estão envolvidos na lava jato até o Supremo depois dessa tal delação olha lá se Sérgio Moro…

Responder

João Vieira Soares

12 de janeiro de 2016 às 04h43

Podem ter certeza, estamos muito próximos de ver desnudada, a maior quadrilha já dedmantelada no cenário politico brasileiro, por isso essa desesperada tentativa de manchar a honra e a dignidade de políticos ligados a principal combatente da corrupcao que esta nação ja conheceu, aguardem, quem viver verá !!!

Responder

Guiovane Maria

12 de janeiro de 2016 às 02h04

Tá cheio de babacas julgando por si mesmo

Responder

Jorge Menezes

12 de janeiro de 2016 às 01h50

O PMDB do Rio de Janeiro,que é pro-governo,acabou alvo até da Rede Globo,que como se sabe é beneficiária de relações estreitas com governadores do partido.Jaques Wagner é apenas mais um alvo na tentativa de desmontar o governo na marra,seja ele culpado ou não.

Responder

Fabiano Cano

12 de janeiro de 2016 às 01h08

tadinho!!
inocente :P
e Jota Pereira, não era consenso que ele não prestava? que ele tinha ferrado a Bahia?
até mesmo o sucessor dele já fala isso dele…

Responder

Fabiano Cano

12 de janeiro de 2016 às 01h08

tadinho!!
inocente :P
e Jota Pereira, não era consenso que ele não prestava? que ele tinha ferrado a Bahia?
até mesmo o sucessor dele já fala isso dele…

Responder

Wlademir Sampaio

12 de janeiro de 2016 às 01h06

Sou nordestino com orgulho e Tbm tenho orgulho de nunca ter votado nessa quadrilha do Pt

Responder

Wlademir Sampaio

12 de janeiro de 2016 às 01h06

Sou nordestino com orgulho e Tbm tenho orgulho de nunca ter votado nessa quadrilha do Pt

Responder

Wlademir Sampaio

12 de janeiro de 2016 às 01h04

Vai tomar no teu velho cu sua fedida

Responder

Wlademir Sampaio

12 de janeiro de 2016 às 01h04

Vai tomar no teu velho cu sua fedida

Responder

Gustavo Dias

12 de janeiro de 2016 às 00h32

Macete de sempre: legalize os roubos do pt citando os do psdb
Assim podemos entrar em looping infinito de roubo .
#lacrano13 q tá pouco

Responder

Gustavo Dias

12 de janeiro de 2016 às 00h32

Macete de sempre: legalize os roubos do pt citando os do psdb
Assim podemos entrar em looping infinito de roubo .
#lacrano13 q tá pouco

Responder

Wlademir Sampaio

12 de janeiro de 2016 às 00h15

Só tem ladrão nesse Pt !

Responder

Wlademir Sampaio

12 de janeiro de 2016 às 00h15

Só tem ladrão nesse Pt !

Responder

Francisco Das Chagas Lemos

11 de janeiro de 2016 às 23h53

Agora, Jaques é homem honesto e vai provar que é. A Globo yá sempre inventando ladrão do lado de cá.

Responder

Francisco Das Chagas Lemos

11 de janeiro de 2016 às 23h51

Gente, infelizmente a lei que foi feita pelo congresso, dá direito a qualquer empresa fazer doações para campanha política. as vezes o candidato até nem quer esse dinheiro, mas como todos pegam, só dá nisso. O pior é que a resposta é sempre a mesma, recebi dentro da Lei.

Responder

Vera Lu Cruz

11 de janeiro de 2016 às 22h21

mas qual a novidade. Fosse quem fosse seria alvo de vazamentos. Enquanto o ministro da justiça for subordinado da PF, o rabo abana o cachorro.

Responder

Vera Lu Cruz

11 de janeiro de 2016 às 22h21

mas qual a novidade. Fosse quem fosse seria alvo de vazamentos. Enquanto o ministro da justiça for subordinado da PF, o rabo abana o cachorro.

Responder

Elen Matos

11 de janeiro de 2016 às 21h51

Verdade

Responder

Antônio Pereira da Silva

11 de janeiro de 2016 às 20h44

O PT tem que voltar às origens. Chega de fazer concessões.

Responder

Fernando Hottum

11 de janeiro de 2016 às 20h24

Exatamente. Acontece com todos os chefes da Casa Civil desde Palloci.

Responder

Luciano De Souza Bezerra

11 de janeiro de 2016 às 20h16

Pelo menos esquece do Haddad.

Responder

Raimundo Freitas Freitas

11 de janeiro de 2016 às 20h14

O que não deveria ocorrer. Todos os que convivem no meio político, sabem que o Ministro chefe da Casa ” Covil”, é um Santo!

Responder

Misael B. S. Filho

11 de janeiro de 2016 às 20h03

Enquanto ele era Ministro da Defesa, ninguém abriu a boca, agora na Casa Civil acham de tudo…..pq será….?

Responder

Eduardo Santtos

11 de janeiro de 2016 às 19h52

Se tem culpa no cartório, tem que pagar, ou vocês acham que não?

Responder

Amarilio Dantas

11 de janeiro de 2016 às 19h44

Se ele tem rabo preso, que pague por ele, agora tem que ser do mesmo jeito com a quadrilha tucana.

Responder

Neide D'Orazio

11 de janeiro de 2016 às 19h43

A oposição golpista está dando tiro pra todo. Várias vezes acertaram o próprio pé.

Responder

Marcelo Rovaris Jorge

11 de janeiro de 2016 às 19h40

Prego que se destaca leva martelada… Sempre foi e sempre será…

Responder

Hebe Almeida

11 de janeiro de 2016 às 19h40

Tem jeito não! fazem de tudo pra prejudicar o Governo!

Responder

Everaldo Ferreira

11 de janeiro de 2016 às 19h35

podre é podre nesse setor o fedor é geral… e o pt é 1º lugar…….

Responder

José Santana Bezerra

11 de janeiro de 2016 às 19h30

Falou asneiras deu nisso, tomara que aprenda a lição e cale o bico, tava dando entrevistas como se fosse da Oposição, até áudio dele a Globo mostrou em seus Tlejornais.

Responder

Vera Lucia Alves Milanez

11 de janeiro de 2016 às 18h55

muito engracado ne!

Responder

Zildo Noh

11 de janeiro de 2016 às 18h53

A mídia vê nele potencial para ser candidato, mas já pisou na bola dando entrevista para a folha, dizendo qua o PT se lambuzou, foi a levantada de bola que estavam esperando. Agora vão requentar denúncias todos os dias para coloca lo na berlinda e dar a impressão que ele também se lambuza. Foi tratar a mídia como imparcial começou mau.

Responder

    Gustavo Gervásio

    11 de janeiro de 2016 às 18h56

    Achei válido o comentário dele, o PT precisa fazer uma profunda auto crítica, não da pra achar que o partido não fez nada, quando fez o mesmo que o PSDB

    Responder

    Zildo Noh

    11 de janeiro de 2016 às 19h00

    Auto crítica sempre, mas pela mídia.

    Responder

Ivan Gomes

11 de janeiro de 2016 às 18h32

..Eles (lava jato), já têm” Entrevistas” preparadas …com todos do PT- Partido dos Trabalhadores ?……para ocasionalmente…vazarem é isso ???

Responder

Sandra Pacheco Costa

11 de janeiro de 2016 às 18h29

Eles adoram a Casa Civil

Responder

Antenor Nicolau

11 de janeiro de 2016 às 18h16

Tudo rabo preso

Responder

Angelo Filomena

11 de janeiro de 2016 às 18h12

0

Responder

Angelo Filomena

11 de janeiro de 2016 às 18h12

SIFU

Responder

Titto Carvalho

11 de janeiro de 2016 às 18h11

Não acredito. Agora o delator está mentindo? O mesmo delator citou Aecio e ele, o do ministro é mentira, mas o de Aecio é verdade. PQP kkkkkkk

Responder

    Vicente

    11 de janeiro de 2016 às 17h12

    Aécio foi acusado por mais de um delator de ter recebido PROPINA. Wagner não. Simples assim. A questão é: o cara é do PT e conversou com um criminoso, a imprensa já condena. O cara é do PSDB e foi acusado de receber propina, nada acontece. Não sai na imprensa, não é investigado e não tem revoltado online.

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h50

    Falou o coxinha eleitor do Playboyzinho cheirador senador do Leblon ? ? ?

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h50

    Falou o coxinha eleitor do Playboyzinho cheirador senador do Leblon ? ? ?

    Responder

    Titto Carvalho

    12 de janeiro de 2016 às 00h54

    Impressionante! Quando alguém critica o pt, automaticamente, você é eleitor do playboy cheirador do leblon. Para sua mal informação, eu não sou eleito do psdb, nem do bolsonaro ta. Mas, e minha pergunta? O delator mente sobre jaques e fala a verdade sobre o cheirador? Não seja covarde.

    Responder

    Titto Carvalho

    12 de janeiro de 2016 às 00h54

    Impressionante! Quando alguém critica o pt, automaticamente, você é eleitor do playboy cheirador do leblon. Para sua mal informação, eu não sou eleito do psdb, nem do bolsonaro ta. Mas, e minha pergunta? O delator mente sobre jaques e fala a verdade sobre o cheirador? Não seja covarde.

    Responder

Hebe Oliveira

11 de janeiro de 2016 às 18h07

É incrível como quem tem rabo preso fica guardado dossiês na manga, para que se o nome aparecer poder fazer chantagem e trocas espúrias. Horrível isso. Tomara que todo lixo apareça e assim possamos ficar livre de toda essa podridão. Acaba margem de barganha.

Responder

    Marcelo Escobar

    11 de janeiro de 2016 às 18h12

    Sobre o crime cometido tudo bem? Deixa pra lá?

    Responder

    Hebe Oliveira

    11 de janeiro de 2016 às 18h17

    Marcelo Escobar Tomara que não, né?

    Responder

    Rodrigo Bernardo

    11 de janeiro de 2016 às 18h19

    Que crime? Do ouviu dizer?

    Responder

    Zildo Noh

    11 de janeiro de 2016 às 18h56

    E sim hoje se alguém falar que ouviu dizer que…. Já sai na mídia em primeira página. Quando a Aécio no rodapé no feriado.

    Responder

    Guilherme M. Veroneze

    11 de janeiro de 2016 às 19h36

    Que o diga o PT com o lançamento do livro privataria tucana em 2010. Ficou guardando carta na manga esperando só o timing perfeito… De Dossiês o PT dá aula… ?!!!

    Responder

Marcos Ich

11 de janeiro de 2016 às 18h07

Oque mostra claramente que a lava jato nao é uma missao simplesmente pra acabar com a corrupçao e sim uma metralhadora apontada para o governo para derrubá-lo.

Responder

Ednaldo Rogério

11 de janeiro de 2016 às 18h06

Vai ao Pig dizer que o partido se lambuzou…e sai todo lambuzado. Bem feito.

Responder

Marco Antônio Oliveira

11 de janeiro de 2016 às 18h02

qual é a sua, Cafezinho?? vai defender ladrão agora, é?!
este verme acabou com o estado da Bahia, esmerilhou os cofres públicos do estado.
porco, vagabundo, fdp, aliás toda esta raça do PT!!!

Responder

    Renato Medrado

    11 de janeiro de 2016 às 19h23

    Vai com calma careca, pra que tanto ódio, faz mal a saúde. Wagner expulsou o carlismo corrupto da Bahia que perpetuava no poder a décadas. Você deve ser viúvo de ACM (rouba mais faz)!

    Responder

    Marco Antônio Oliveira

    11 de janeiro de 2016 às 19h27

    da mesma forma que eu odeio o PT, odeio os carlistas…
    sou PCBão, imbecil – vc não me conhece! eu conheço este escroque por nome Jaques Wagner!!!
    o cadeião de Curitiba o espera!!!!

    Responder

    Ailton Oliveira

    11 de janeiro de 2016 às 20h24

    Isso nåo é verdade.Se fosse verdade ele não teria eleito um sussesor na Bahia.Portanto menos…….Odio de mais faz mal.

    Responder

    Marco Antônio Oliveira

    11 de janeiro de 2016 às 20h26

    elegeu um escroque mor, que responde a diversos processos.

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h53

    Mas o Cafezinho não te defendeu não ?

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h53

    Mas o Cafezinho não te defendeu não ?

    Responder

Vivian Jamur

11 de janeiro de 2016 às 17h58

Impressionante.

Responder

Eduardo Oliveira

11 de janeiro de 2016 às 17h55

O sistema da intolerância institucionalizada assim funciona e o ódio seletivo é seu combustível.

Responder

Roger Araujo

11 de janeiro de 2016 às 17h50

a questao nao é ele está no vazamento da lava jato e sim se tem fundamento as acusaçoes.

Responder

    Peroba da Mata

    11 de janeiro de 2016 às 20h33

    Os fundamentos vem com as investigações, se houver. Se for amigo do Lula fazem um escândalo, investigam até os cachorros do cara, mas, mesmo que vários acusados já delataram que iniciaram suas atividades de corrupção na Petrobras no governo FHC e que ele recebia propina, aí não vem ao caso.

    Responder

    Roger Araujo

    12 de janeiro de 2016 às 11h27

    Peroba da Mata mas ai ja é seletividade de escandalo. claramente a midia é bandida, mas o pessoal do governo, tipo delcideo, tem culpa no cartorio, e muita.

    Responder

Rubem Almeida

11 de janeiro de 2016 às 17h45

Esta rotina da lavajato não me surpreende mais

Responder

Cynthia Araujo Pereira

11 de janeiro de 2016 às 17h45

Vergonha desta operação Lava Jato partidária e Parcial, seletiva, NOJO

Responder

    Titto Carvalho

    11 de janeiro de 2016 às 18h14

    Você está com vergonha da operação que recuperou mais de 1 b para os cofres público? Senhora, me responde ai: o delator citou Aecio, você acredita que ele está envolvido?

    Responder

    Terezinha Sanches

    11 de janeiro de 2016 às 18h51

    Senhora você tem vergonha da operação lava jato Sérgio moro está lavando a alma desse país

    Responder

    Terezinha Sanches

    11 de janeiro de 2016 às 18h52

    E tem nojo também porque querem continuar roubando sem ser perturbado

    Responder

    Guilherme M. Veroneze

    11 de janeiro de 2016 às 19h38

    Tenho vergonha é dos envolvidos nela. E palmas para a PF e Sérgio Moro !!!

    Responder

    Terezinha Sanches

    11 de janeiro de 2016 às 20h50

    A senhora devia ter vergonha na cara de defender um partido sem vergonha e ladrão

    Responder

    Cynthia Araujo Pereira

    11 de janeiro de 2016 às 23h54

    Querida Terezinha,eu sou PT Nacional – militância petista e o meu partido não é sem vergonha e nem ladrão. Quem é corrupto e ladrão é o PSDB.

    Responder

    Gustavo Dias

    12 de janeiro de 2016 às 00h30

    Verdade Cynthia Araujo Pereira só gente de bem no pt. Todos heróis nacionais.
    Agora licença que vou copiar uns textos do Wikipedia quero vender pela metade do preço q o filho do molusco vendeu

    Responder

    Gustavo Dias

    12 de janeiro de 2016 às 00h30

    Verdade Cynthia Araujo Pereira só gente de bem no pt. Todos heróis nacionais.
    Agora licença que vou copiar uns textos do Wikipedia quero vender pela metade do preço q o filho do molusco vendeu

    Responder

    Max Miller

    12 de janeiro de 2016 às 07h11

    Sérgio Moro está a serviço de um partido político e é muito bem pago para isso.Inclusive para liberar informações aos conglomerado s de comunicação. Mais um hipócrita diante se tantos… Ciro2018

    Responder

    Terezinha Sanches

    12 de janeiro de 2016 às 18h01

    Ladrão e corrupto e mais algumas cositas Más

    Responder

    Terezinha Sanches

    12 de janeiro de 2016 às 18h07

    O Brasil todo já conhece já sabe que é o partido do PT os maiores ladrões da face da terra nunca nesse país pousaram de pai dos pobres mas sei kkkk pai dos pobre houve um roubo tão assim

    Responder

    Terezinha Sanches

    12 de janeiro de 2016 às 18h09

    Tô falando do PT esse partido nojento que só sabe mamar nas tetas da nação

    Responder

    Terezinha Sanches

    12 de janeiro de 2016 às 18h12

    Você é muito parecida com aquela comunista que que furou os meninos que estavam protestando em Brasília

    Responder

    Gustavo Dias

    12 de janeiro de 2016 às 18h36

    Essa q falam do moro é mto boa. A serviço de um partido. Será q a CIA está envolvida tb, kd aquele gênio do siba para opinar?

    Responder

Vinicius Castro

11 de janeiro de 2016 às 17h43

Coitado!

Responder

Peroba da Mata

11 de janeiro de 2016 às 17h30

COM A PALAVRA, O EX-PRESIDENTE FERNANDO HENRIQUE CARDOSO

“Não tenho a menor ideia da matéria. Na época o presidente da Petrobrás era Francisco Gros, pessoa de reputação ilibada e sem qualquer ligação politico partidária. Afirmações vagas como essa, que se referem genericamente a um período no qual eu era presidente e a um ex-presidente da Petrobras já falecido, sem especificar pessoas envolvidas, servem apenas para confundir e não trazem elementos que permitam verificação”.

Responder

Ewerton Carvalho

11 de janeiro de 2016 às 17h26

Outro bandido ptralha que vai pra papuda kkkkkkkkkk

Responder

    Terezinha Sanches

    11 de janeiro de 2016 às 18h55

    E tomara que seja logo Guilherme Lula com

    Responder

    Terezinha Sanches

    11 de janeiro de 2016 às 18h57

    Tomara que seja logo e leve o Lula com ele

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h54

    Falou o coxinha do nordeste! Maldita inclusão social do PT! ? ?

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h54

    Falou o coxinha do nordeste! Maldita inclusão social do PT! ? ?

    Responder

    Ewerton Carvalho

    12 de janeiro de 2016 às 15h02

    Sou nordestino sim,com orgulho, me inclua fora dessa,não dependo de político nem de programas sociais,trabalho desde os 10 anos ,não preciso de um esmolas do governo que provavelmente VC deve receber.
    PS:cuidado com as balas perdidas ae nesse lixo de lugar que VC mora.

    Responder

Marcus Vinicius Meschini

11 de janeiro de 2016 às 17h19

Petistas e os sites que recebem do PT chegam a ser hilários !!!
Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
Essa reportagem é de 4 dias atrás, nela O Cafezinho, acreditava e dava crédito aos delatores, obvio, ele citou Tucanos !!
Passados 4 dias, quando delatores citam Jaques Wagner, tudo é duvidoso, enfim, bastou ele emergir e blá, blá blá…. kkkkkkkkkkkkkkk.
Vocês não tem cara, e nem vergonha na mesma….
Vocês acreditam em delatores ou não !?????
.

Responder

    Brian Zimma

    11 de janeiro de 2016 às 17h24

    Tucanos sao citados a mais de uma decada.. e NADA!!!

    Responder

    Mazinho Moraes

    11 de janeiro de 2016 às 17h24

    vc recebe de quem ?? rs rs rs

    Responder

    Marcos Brito

    11 de janeiro de 2016 às 17h25

    Contra o dito cujo ai existem provas materias e contra o Jaques só uma delação com fatos contraditorios..kkk

    Responder

    Ewerton Carvalho

    11 de janeiro de 2016 às 17h27

    E pegue mortannnndelas

    Responder

    Marcus Vinicius Meschini

    11 de janeiro de 2016 às 17h27

    Mazinho Moraes !! Só por que questiono seus heróis eu tenho de receber de alguém !??? Rs,rs,rs.
    E estendo a pergunta á você, Você da credito á delatores ou faz como muitos daqui ou como o próprio site, MUDA DE OPINIÃO DEPENDE DO DELATADO !????

    Responder

    Lailinha Nascimento

    11 de janeiro de 2016 às 17h33

    Mazinho não dê voz aos analfabetos políticos … eles não sabem o que dizem … só se preocupam em destilar seu ódio e frustrações de derrotados !!!

    Responder

    Marcus Vinicius Meschini

    11 de janeiro de 2016 às 17h34

    Brian Zimma !! Vá lá valente, se tem provas contra Tucanos, faça uma denuncia ao MPF, e á PF, eles são obrigados a investigar, se vc tem provas faça.
    Aqui não disse culpa, ou falta de culpa, o que eu disse, é que quando se cita um Tucano o site da credito ao delator, quando se cita um Petista, o site não da credito.
    E vocês ainda acompanham essa malandragem aqui.
    Sites como esse não querem ver o Brasil passado a Limpo, querem é defender partido.

    Responder

    Marcus Vinicius Meschini

    11 de janeiro de 2016 às 17h34

    Marcos Brito !! Vá lá valente, se tem provas contra Tucanos, faça uma denuncia ao MPF, e á PF, eles são obrigados a investigar, se vc tem provas faça.
    Aqui não disse culpa, ou falta de culpa, o que eu disse, é que quando se cita um Tucano o site da credito ao delator, quando se cita um Petista, o site não da credito.
    E vocês ainda acompanham essa malandragem aqui.
    Sites como esse não querem ver o Brasil passado a Limpo, querem é defender partido.

    Responder

    Marcus Vinicius Meschini

    11 de janeiro de 2016 às 17h35

    Lailinha Nascimento !! Falou a politizada que vota em uma quadrilha e é conivente com roubos !!! Kkkkkkkkkkkkk.

    Responder

    Julio B. Hildebrand

    11 de janeiro de 2016 às 17h49

    Mitou!!

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h52

    Ewerton Carvalho melhor que comer calango né? ???

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de janeiro de 2016 às 00h52

    Ewerton Carvalho melhor que comer calango né? ???

    Responder

Ge Munhoz

11 de janeiro de 2016 às 17h16

Ele é do PT?

Responder

Roberto Oliveira

11 de janeiro de 2016 às 17h12

É pq ele não é o Zé, ele bate de frente. Por isso, essa “justiça” esta atacando ele. Ele não é o frouxo do Zé (que tb foi citado na lava jato).

Responder

Bolsaria da Adri

11 de janeiro de 2016 às 17h11

ISSO!!! QUE COINCIDÊNCIA NÃO ACHAM???

Responder

Newton Bello

11 de janeiro de 2016 às 17h09

A “grande” imprensa brasileira faz o que seu público também faz: maledicência; informação, nada.

Responder

FranciscoeAnelise Fajreldin

11 de janeiro de 2016 às 17h02

Ba!

Responder

Deixe um comentário