Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Empresa de lobista que favoreceu ex-amante de FHC foi contratada pelo Planalto no governo do tucano

Por Redação

22 de fevereiro de 2016 : 06h03

Políticos próximos a Fernando Henrique Cardoso confirmar que Fernando Lemos, dono da Polimidia nasceu e floresceu na década de 1990

no Brasileiros

A empresa de comunicação Polimidia, de propriedade do lobista Fernando Lemos, manteve contratos com o Palácio do Planalto durante o governo do tucano, entre 1993 e 2010. Lemos, morto em 2012, intermediou pagamentos da Brasif à ex-amante de Fernando Henrique Cardoso, a jornalista Mirian Dutra.

Pelo menos três políticos próximos a FHC confirmaram o contrato suspeito durante o período em que ele presidiu o Brasil. Um deles garantiu que os dois eram amigos, informa a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo.

Segundo Mirian, o ex-presidente ajudava a sustentá-la por meio de pagamentos feitos pela Brasif a pedido de FHC, cujos detalhes seriam acertados por Lemos, ex-marido da irmã da jornalista.

Um dos aliados de Fernando Henrique garantiu que os dois eram muito próximos, o que o ex-presidente nega. Coincidentemente, a Polimidia, nascida em 1993, se tornou uma das mais influentes empresas do ramo durante o governo tucano. A própria Brasif foi a responsável pela contratação dos serviços de consultoria da Polimidia até o ano de 2010.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário