Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Sempre pode piorar: Temer cancela a contratação de 2 milhões de unidades do Minha Casa, Minha Vida

Por Miguel do Rosário

20 de maio de 2016 : 09h56

Foto: Jornalistas Livres

As más notícias envolvendo o governo ilegítimo se acumulam.

O Cafezinho noticiou, na última quarta-feira, que a gestão Temer cancelou a construção de mais de 11 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida.

Agora, vem a notícia de que o presidente interino jogou no lixo a contratação de 2 milhões de casas até 2018 – as quais haviam sido autorizadas pela presidenta Dilma Rousseff.

Para aqueles que duvidavam, eis a prova de que o golpe visava muito mais que uma simples substituição na Presidência.

Durmam com esse barulho.

Governo suspende 3ª fase do Minha Casa Minha Vida, diz ministro ao Estadão

Na Reuters

O governo do presidente interino Michel Temer suspendeu por completo a terceira etapa do programa habitacional Minha Casa Minha Vida e abandonou a meta traçada pela presidente afastada Dilma Rousseff de contratar 2 milhões de moradias até o fim de 2018, disse o ministro das Cidades, Bruno Araújo, em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo publicada nesta sexta-feira.

Segundo o ministro, a nova meta para o Minha Casa Minha Vida vai depender da análise das contas públicas pela nova equipe econômica do governo, chefiada pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e o prazo para essa avaliação deve ficar em torno de 40 dias.

“É preferível que identifiquemos os reais limites do programa e que os números anunciados sejam o limite de contratação”, afirmou o ministro ao jornal, acrescetando que “metas realistas” não geram expectativas falsas.

 

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

8 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Geysa Helena Dantas Guimarães

20 de maio de 2016 às 16h56

Acabo de ler que o ministro já voltou atrás, vai continuar o programa.

Responder

Antonio Paulo Costa Carvalho

20 de maio de 2016 às 15h12

Moro vai ficar desmoralizado no Mundo se não tirar os ministros que estão no Lava Jato.

Responder

Theophilo

20 de maio de 2016 às 15h03

A ordem lá de fora ao temer é claro: destrua tudo.

Responder

Jorge Graciano Graciano

20 de maio de 2016 às 12h28

Está ótimo.O povo brasileiro tem DNA de Judas,deu as costas para um governo voltado para o social,então está bom demais.Que façam mais.O povo gosta de chicotada,eles sabem.

Responder

Eli

20 de maio de 2016 às 12h09

Volta Querida!

Responder

rogeriobezerra

20 de maio de 2016 às 11h55

Prá que tanta mansão de 50 m² prá pobre! Os bilionários precisam desse dinheiro.

Responder

Adriano

20 de maio de 2016 às 12h16

Amigo, será que isso atinge as pessoas que já deram entrada na papelada e etc? que já foram aprovadas?

Um forte abraço e parabéns pelas postagens

Responder

Macau

20 de maio de 2016 às 11h08

Será que agora vão todos para a rua de verdade em vez de ficar no blablablá? Porque uma leitora disse bem na outra notícia de corte do MCMV que não está havendo mais do que ações isoladas de gente da cultura.

Responder

Deixe um comentário