Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Eleonora Menicucci ao Cafezinho: Consenso de Washington dá as cartas no Brasil

Por Miguel do Rosário

23 de outubro de 2017 : 13h54

Eleonora Menicucci, ministra das Mulheres no governo Dilma, socióloga e professora universitária, deu uma entrevista exclusiva ao blog O Cafezinho, onde falou do processo movido contra ela pelo ator Alexandre Frota.

Segundo a ministra, sua condenação reflete o mesmo pensamento que levou ao golpe. É fruto do mesmo ódio político, do mesmo desprezo pelas liberdades, da mesma indiferença pela democracia, além de ser uma agressão direta a luta histórica da militância feminista contra a cultura do estupro.

***

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

46 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Benvinda Rosalina Dos Santos

24 de outubro de 2017 às 10h46

#SOMOS TODAS ELEONORA

Responder

Edna Silva

24 de outubro de 2017 às 09h29

Eleonora Menicucci obrigada querida por sua valentia e coragem Estamos com vc

Responder

João Estevão

24 de outubro de 2017 às 03h57

Maria Eugênia Galhardo sobre seu post do frota

Responder

Raphael Pellecchia

24 de outubro de 2017 às 03h38

Estupro não é só contra mulheres, o Temer foi eleito exatamente por quem chama o impeachment de golpe, a palavra presidente é unissex, usar a palavra estupro não é violência contra mulher especificamente, se o juiz fosse homem ela claramente falaria em machismo, se acredita em liberdade de expressão e pensamento pq reclamou de palavras alheias quem nem eram direcionadas a vc, analisar a legislação não significa ser a favor do estupro, ter a palavra estupro não significa q a mulher é obrigada a ganhar a ação essa geração. Essa geração é tão cheia de mimimi q me irrita.

Responder

Monica Passos

24 de outubro de 2017 às 03h12

#SOMOSTODASELEONORA

Responder

Maria Dilma Carvalho Rousseff

24 de outubro de 2017 às 02h36

Estamos com vc, Eleonora. Com vc e contra os fascistas de plantao.

Responder

Clovis eDos Santos

23 de outubro de 2017 às 23h00

infelizmente, toda manifestação política no brasil desde 1988, falhou. Construiram um povo inbecil nos ultimos 20 anos, Não prepararam a base social para entender que jamais poderiam permitir que a democracia fosse aviltada e estuprada. Do que reclamam agora? Não bastasse os assassinatos políticos da história do brasil, ainda permitiram a continuidade do processo de imbecialização da massa? Pois bem, estamos sendo fudidos até o talo pelo obelisco fascista todos os dias. Parabens Lula e Dilma, parabens a todos que permitiram que o povo voltasse a escravidão, a sujeição, a impotência, ao vexame e viverem como animais adestrados. A esquerda (isso tivemos outrora quando tombaram homens e mulheres que o brasil não foi digno de ter) não é esquerda, é sim, um parceiro do poder e nada mais. Se houvesse um pensamento de dignidade política no brasil, temer estaria morto e todos os traidores do povo. Não é o caso hoje. O brasil nunca será livre.

Responder

Victor Jadiel

23 de outubro de 2017 às 22h17

Tem que pegar mesmo. Para falar de merda.

Responder

Victor Jadiel

23 de outubro de 2017 às 22h16

Uma velha sem vergonha.

Responder

    Marcos Videira

    24 de outubro de 2017 às 00h38

    Victor, a “velha” está defendendo a honra de mulheres como a sua mãe, sua irmã, sua esposa, sua filha, sua neta, sua vó…

    Responder

Wilmer Paiva

23 de outubro de 2017 às 22h08

Essa justiça Nossa de dar vômito

Responder

Otavio L Neto

23 de outubro de 2017 às 21h02

Eleonora Menicucci Já que o assunto é estupro vamos lembrar o seu querido amigo marginal Lula. Que Lula é um tipo peculiar de cidadão brasileiro não é novidade pra ninguém, mas como eu disse, algumas coisas devem ser lembradas, principalmente se o intuito for esfregar na cara da esquerda a sua insensatez, cinismo e falta de caráter (não que eles se incomodem com isso).
Já que estupro é pauta, quem não se lembra do relato de Cesar Benjamin, cientista político, jornalista e um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores; que em 2009 em sua coluna na Folha de São Paulo, descreveu o episódio relatado pelo próprio Lula, dizendo que quando esteve preso no regime militar tentou violentar um companheiro de cela? Um rapaz de apenas 20 anos da MP uma antiga organização de esquerda, ele bateu, chutou e até tentou amarrar as mão do moço, existem muitas testemunhas do fato que estavam presas na época, inclusive esta no livro do Romeu Tuma.

Responder

    Serjão

    24 de outubro de 2017 às 04h46

    huahuashuashuashuahs
    Tem mais piadas dessas por aeh?
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Responder

    Terezinha Gama

    24 de outubro de 2017 às 08h35

    Isso já foi desmascarado como falso! Se atualize.

    Responder

    Carrie Coleman

    25 de outubro de 2017 às 04h23

    Otavio L Neto Deixa de ser canalha. Vai te catar cara!

    Responder

Creuza Helena Neves

23 de outubro de 2017 às 19h18

Apoio totalmente.

Responder

Silene Balassiano

23 de outubro de 2017 às 19h15

nossa como a dilma envelheceu!

Responder

Isabel Luiza Piragibe

23 de outubro de 2017 às 19h04

SOMOS TODAS ELEONORA

Responder

Pedro Jorge

23 de outubro de 2017 às 16h54

Estamos juntos!!!

Responder

Alex Danilo Franco

23 de outubro de 2017 às 18h08

somos todos Eleonora!

Responder

Regina Chaves

23 de outubro de 2017 às 18h00

Viva Eleonora! ✊✊❤❤

Responder

Regina Melo

23 de outubro de 2017 às 17h53

Grande respeito à Ministra Eleonora!

Responder

Sônia Barbosa

23 de outubro de 2017 às 17h03

#SomostodasEleonora!

Responder

Antonio Passos

23 de outubro de 2017 às 14h28

Um país onde um vagabundo como esse, se reúne com ministro da cultura, já desceu latrina abaixo. O Brasil está num inferno que nem Dante concebeu. Nenhum país na história humana, fez opção pela merda de forma tão resoluta quanto o nosso.

Responder

Lamartine Mendes Santos

23 de outubro de 2017 às 16h23

Responder

Debora Sufia

23 de outubro de 2017 às 14h40

Força, Eleonora, estamos contigo! ❤️

Responder

Marilene Nascimento

23 de outubro de 2017 às 14h35

Samos todas Eleonora contra cultura do estupro !!

Responder

Margarida Pereira da Silva

23 de outubro de 2017 às 14h18

Eu só Leonoura nós somos Leonoura

Responder

Sandra Justiniano Ribeiro

23 de outubro de 2017 às 14h05

Cultura porra nenhuma , a grande maioria dis idioras tem nem tamanho nem erecao pra nada disso, dusfarcam essa deficiencia com violencia fisica!

Responder

Pietro Azzulk

23 de outubro de 2017 às 13h44

Muito bom.

Responder

Beatriz Luiz

23 de outubro de 2017 às 13h43

#SomosTodasEleonora

Responder

Roberto Moore

23 de outubro de 2017 às 13h40

É lindo ver uma senhora nessa idade com tanta garra, com tanta lucidez e lutando por uma grande causa…parabens Cafezinho.

Responder

Humberto Donizeti De Faria Faria

23 de outubro de 2017 às 13h29

Corrigindo quem comete este crime uma pessoa estrupada e não estrelada.

Responder

Humberto Donizeti De Faria Faria

23 de outubro de 2017 às 13h26

Nem animal usa desta forma para matar sua vontade tem quer ser penalizado quem comete o estrago infelismente a nossa lei e aplicado para pobres e preto neste Brasil temos que mudar. Eu sou a favor da pena de morte uma pessoa estrelada nunca mais viverá como uma pessoa normal.

Responder

João Humberto Zago

23 de outubro de 2017 às 13h22

Duas mulheres lindas e maravilhosas !!!❤️

Responder

Neiva Schlickmann

23 de outubro de 2017 às 13h10

Julia Martin, Eleonora Menicucci, Dilma Rousseff, SOMOS TODAS UMA!✊✊✊✊✊✊. A mulherada tem que se unir contra todos os retrocessos. VOLTA DILMA!!!!!

Responder

Cláudia Garcia

23 de outubro de 2017 às 13h06

Todo apoio e solidariedade a Eleonora Menicucci!

Responder

Zarah Zoul

23 de outubro de 2017 às 13h04

VENCEREMOS !!!

Responder

Mara Ramos Santos

23 de outubro de 2017 às 13h03

Cultura do estupro? Desde quando isso é cultura? Isso deve se crime e penalizado com a lei como em qualquer democracia, depois quando a mulherada começar a se defender matando a violadores que nao se queixem, esses vagabundos costumam subestimar-nos e ta na hora de dar o trôco.

Responder

    Lívia Estêvão

    23 de outubro de 2017 às 14h13

    Exatamente o q eu falo e as pessoas acham um enorrrrrme absurdo!!!!! Essa “modinha” denominada “cultura do estupro” é a coisa mais absurda q já li e ouço as pessoas falarem. E digo mais: a grande maioria nem sabe q merda tá falando (desculpa o palavrão). Caramba!!! Estupro é estupro e fim. Crime hediondo??? SIM!!!! Tds sabemos disso. E deve ser punido nos rigores da lei. Agora dar o nome a isso de “cultura” realmente não entra na minha cabeça JAMAIS!!!!! Acho q tem mta gente ai precisando ler um dicionário urgentemente, pq esqueceram o significado literal da palavra. Pelo amor de Deus né??? É mto bla bla bla, mto mi mi mi pra definir o q já tinha definição desde q o mundo é mundo. Preguiça dessa gente idiota!!!

    Responder

    Mariane Fernandes

    23 de outubro de 2017 às 17h08

    Acredito que a palavra ” cultura” esteja sendo usada no sentido negativo. Algo que vai se arraigado na sociedade até acharem que faz parte dela.

    Responder

    Marcos Videira

    24 de outubro de 2017 às 00h51

    Mara, a filósofa Marcia Tiburi escreveu um artigo refletindo sobre a cultura do estupro. Sugiro a leitura no endereço: https://revistacult.uol.com.br/home/estupro-em-potencial-para-pensar-cultura-do-estupro/

    Responder

Maria Helena

23 de outubro de 2017 às 12h57

Apoio total!!!

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?