Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

STF, puxadinho jurídico da Globo, autoriza prisão e sequestro de curador do Queer Museu

Por Miguel do Rosário

19 de novembro de 2017 : 11h19

O STF acaba de autorizar a prisão e sequestro de um curador de museu.

Quem assinou a autorização dessa barbárie?

Alexandre de Morais, o ministro do STF nomeado por Temer após a misteriosa (e oportuna para os golpistas) morte de Teori Zavaski.

E quem levou Temer ao poder?

A Globo.

O que se tornou o STF?

Um puxadinho jurídico da Globo.

Portanto, quem é o responsável pelo regime de exceção vigente no país?

A Globo.

***

No Sul 21

‘Ato autoritário’, avalia curador da Queermuseu sobre decisão do STF de manter condução coercitiva em CPI

Da Redação

A decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, de indeferir o pedido de habeas corpus e manter a condução coercitiva de Gaudêncio Fidélis, curador da exposição Queermuseu, para depoimento na CPI dos Maus Tratos no Congresso, “consolida mais um ato autoritário do estado de exceção que estamos vivendo”. Essa é leitura do próprio Gaudêncio sobre a negativa do ministro para anular a sua condução.

Em nota à imprensa, Gaudêncio disse que “causou enorme choque” a notícia da decisão. Ele explica que, o pedido de condução coercitiva, emitido pelo presidente da Comissão, senador Magno Malta (PR/ES), no dia 09 de novembro seria desnecessário, já que no dia 04 de outubro o próprio curador já havia entregue uma carta notificando a CPI de que prestaria depoimento voluntariamente. Gaudêncio acusa ainda o senador de “recorrer a expedientes típicos de terrorismo de estado”.

Na nota, ele reitera que participaria da reunião no Congresso, “mesmo reafirmando minha convicção de que tal convocatória desviava-se integralmente do objeto desta CPI”. A CPI tem o objetivo de investigar “maus tratos a crianças e adolescentes”. “Para tanto, o senador se utiliza de dinheiro do contribuinte para mover perseguições a profissionais honestos da classe artística e outros relacionados à exposição, o que não é condizente com uma instituição como o Senado Federal, que prima pelos direitos do cidadão e pela cidadania”.

A convocação de Gaudêncio para depoimento na Comissão foi motivada pelos protestos conservadores contra a exposição Queermuseu – Cartografias da Diferença na Arte Brasileira, que esteve em cartaz no Santander Cultural, em Porto Alegre, até setembro. A mostra que reunia artistas brasileiros de diferentes épocas e vertentes, em torno da temática da diversidade, foi distorcida no discurso de grupos que acusaram algumas obras de incitarem “pedofilia” e “zoofilia”. O próprio Ministério Público, investigando as acusações, negou qualquer conteúdo do tipo.

Confira abaixo a nota na íntegra:

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

12 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Aurelio Mayorca

21 de novembro de 2017 às 12h56

Fidélis! Sabemos das demagogias, jogos de poder e atos abomináveis feitos por essas pessoas que te perseguem. Mas, tudo essa sujeira está sendo descoberta e ficará na história.
GAUDÊNCIO FIDELIS você entra para história das pessoas justas, que lutam por democracia, respeito à vida e à liberdade.

Responder

Carlos

20 de novembro de 2017 às 02h29

Grupos de pessoas inspecionando o ânus uns dos outros é a arte preferida dos petistas e esquerdistas em geral !

Responder

jose carlos vieira filho

19 de novembro de 2017 às 19h13

Não seria a Globo o puxadinho midiático do consório judiciário/ mpf/ pf?

Responder

gustavo

19 de novembro de 2017 às 19h08

Um sujeito como MAGNO MALTA com qualquer poder é perigosíssimo para o país. Esse canalha usa os poderes próprios do mandato para fingir que protege crianças. Ora, nas favelas, crianças são brutalizadas e mortas a todo tempo, e MAGNO MALTA nada fala.

Responder

    Carlos

    20 de novembro de 2017 às 02h30

    E o seu petê, o que fez/faz ?

    Responder

      Jojo

      20 de novembro de 2017 às 08h30

      E o seu mito, o que fez/faz?

      Responder

    Aurelio Mayorca

    21 de novembro de 2017 às 12h57

    Concordo

    Responder

Helena Rodrigues Ortiz

19 de novembro de 2017 às 18h31

Mais um absurdo, no velho estilo q levou o Reitor da UFSC ao suicídio. Eis a tática dos tiranos para combater os resistentes.

Responder

C N Morais

19 de novembro de 2017 às 12h38

O nobre meteóriquissimo ministro Alexandre apenas está mantendo a velha tradiçāo fascista. Imagina o que ele deve ter embaixo daquela toga, para nos surpreender nos próximos 23 anos…

Responder

Irion

19 de novembro de 2017 às 12h12

Alguém ainda acredita que não estamos sob uma férrea ditadura?

Responder

Reginaldo Gomes

19 de novembro de 2017 às 11h47

A globo já está com a moral na lama , desmoralizada; então acredito na hipótese dela se aliar a forças internacionais ainda mais terríveis para atacar o povo e todos os políticos .

Responder

    leonardo-pe

    19 de novembro de 2017 às 15h02

    todos os políticos não. a globo é cínica e TEM PARTIDO. O PSDB.

    Responder

Deixe um comentário

O 2021 de Bolsonaro O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade