Sabatina de Manuela na Carta Capital

TSE não pode barrar candidatura de Lula, diz Carmem

Por Redação

21 de Maio de 2018 : 21h30

Publicado no Globo:

— O Judiciário não age de ofício. O Judiciário age mediante provocação — disse. Na semanada passada, a Globonews deu a informação de que ministros do TSE estariam se articulando para impedir a candidatura do petista “por ofício”, ou seja, antes de mesmo que o partido anuncie oficialmente o nome do ex-presidente para concorrer às eleições.

— Não sou capaz de responder essa pergunta com segurança por uma circunstância. Hoje nós temos um período muito curto entre a convenção, registro, campanha e eleição. Mas nós temos também prazos muito curtos e rápidos na Justiça Eleitoral. Então eu acho que não [fará a campanha] — argumentou.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Pedro Vieira

22 de Maio de 2018 às 10h46

Essa ministra mais parece uma mocinha de recado do judiciário, o seu partido político, que é aliado do psdb e demais partidos golpistas e, é lógico em sintonia com a grande mídia!
Na verdade ela que fazer o jogo da mídia, caso contrário vai chegar ao jn e no bosta do fantástico aí será o fim do partido político do judiciário!

Responder

henrique de oliveira

22 de Maio de 2018 às 09h43

Essa vaquinha amestrada da mídia golpista , é uma covarde não disse nada com nada , ela quer ser protagonista para barrar LULA nas urnas e assim ficar de bem com a mídia e com os golpistas sem falar que se caga de medo de juizeco de primeira instância.

Responder

Leandro_O

22 de Maio de 2018 às 09h07

Já falei, enquanto os “cabeças” não decidirem a estratégia final e deixarem para os eleitores e partidários difusamente ficarem discutindo o que é melhor, as chances de dar errado são muito grande. Por exemplo, pode ser que decidam lá na frente aceitar ou barrar a candidatura de Lula com as urnas já lacradas, sem possibilidade de alteração de foto por exemplo. Além de bagunçar toda a estratégia de unificar votos em alguém progressista. A esquerda parece que nunca ouviu falar na estratégia do dividir para conquistar – ou se ouviu fica só na filosofia, não entende que a direita usa e abusa sempre disso, coloca em prática real.

Responder

    Gina Eugênia Girão

    22 de Maio de 2018 às 10h44

    Exato. Alerto para isso há quase 2 anos. Mas, como diz Crioulo, “a esquerda vira isca no anzol da direita.” Depois de um tempo, a gente começa a ver que tem esquerdista que gosta. :/

    Responder

Pedro Vieira

22 de Maio de 2018 às 08h37

Essa senhora ministra foi a um canal de tv aberta fazer campanha política do seu partido psdb!

Responder

Deixe uma resposta

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com