Haddad no Ceará, ao vivo

A semana em que o governo arreganhou os dentes

Por Pedro Breier

08 de fevereiro de 2019 : 08h21

Sergio Moro e Paulo Guedes mostraram, com suas ações e falas da findante semana, quem são os alvos do governo Bolsonaro.

Para fazermos justiça, o primeiro alvo do novo governo foi estabelecido logo no primeiro dia do ano. Os povos indígenas foram marcados para desaparecer com a transferência da competência para demarcação de terras da Funai para o Ministério da Agricultura.

Agora, Guedes e Moro escancaram os demais alvos: trabalhadores, pobres e negros. Ou seja, os desde sempre excluídos.

Guedes não deixa espaço para nuances. Menos direitos para os ingressantes no mercado de trabalho. Nada de sindicatos ou Justiça do Trabalho.

Para combater a crise econômica, menos direitos para os trabalhadores. Espoliar ainda mais os desde sempre espoliados. Sobre o rentismo ou a sonegação de impostos da elite econômica, o governo, obviamente, pratica um silêncio ensurdecedor.

O projeto apresentado por Moro, por sua vez, pode até passar por benfazejo para os incautos. Mas só para estes.

Acrescentar à lei excludentes de ilicitude totalmente subjetivos como “medo”, quando temos uma polícia altamente truculenta e autoritária, especialmente no seu contato com os marginalizados – os pobres e negros referidos acima -, é sádico. E absolutamente fora dos marcos do Estado de Direito, assim como diversos outros pontos do projeto, muito bem analisados pelo Rogério Dultra neste artigo. Como diz o Rogério, chamar a proposta de fascista é truísmo.

Uma mentalidade medieval, desumana e estúpida pretende dar proteção legal a incabíveis fetiches autoritários.

A nova condenação de Lula é a cereja podre do indigesto bolo servido ao país nesta semana macabra. E tem, evidentemente, tudo a ver com o governo Bolsonaro. É o seu ministro da Justiça, afinal, o símbolo do que deverá ser lembrado, no futuro, como o período da caça às bruxas do Judiciário brasileiro.

A juíza Gabriela Hardt, fiel discípula de Moro, produziu mais uma sentença que não aponta o crime cometido pelo ex-presidente. As reformas no sítio são claramente um desvio ético. Utilizá-las, contudo, para fazer uma ligação esdrúxula com crimes cometidos na Petrobras é uma linha jurídica deploravelmente mesquinha e desavergonhadamente parcial.

Lula é a representação máxima de outros alvos que a furiosa máquina repressiva da direita têm em mente ao levar à cabo o seu projeto de poder: políticos e partidos de esquerda. Lula, um ex-presidente que acertou e errou na presidência mas que é amado por milhões de brasileiros, foi reduzido a um troféu humano. É uma vergonha nacional que esteja trancafiado em uma cela.

O desejo sórdido desse pessoal foi explanado por Bolsonaro na reta final da campanha: que Lula apodreça na cadeia.

Eu apostaria que isso não vai acontecer. Um governo tão profundamente antipopular deve fazer com que a conjuntura vire mais rápido do que podemos vislumbrar daqui, do olho do furacão em que estamos metidos.

De resto, se as correntes espirituais que acreditam no karma estiverem corretas, tenhamos piedade de figuras como Moro, Guedes e Bolsonaro. A quantidade de sofrimento humano que provirá dos seus atos e, segundo a lei do karma, retornará a eles, não é pouca, não.

Pedro Breier

Pedro Breier, colunista d'O Cafezinho, é formado em direito mas gosta mesmo é de jornalismo. Nasceu no Rio Grande do Sul e hoje vive em São Paulo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

68 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Jorge

11 de fevereiro de 2019 às 07h34

Enquanto negros, indios e outras minorias forem tratados como coitadinhos, eles continuarao sendo coitadinhos. Quando eles forem tratados com respeito, igualdade e como seres humanos ao inves de seus rótulos definidos pelas esquerdas, ai sim eles serao realemtes integrados em nossa sociedade.
Incentivo do governo SIM, separacao por racas, cor, sexo… NAO.

Responder

carlos

10 de fevereiro de 2019 às 14h24

Eu acho que o bolsonaro, cometeu mais crime, em 43 dias do que o PSDB em SP em 20 anos.

Responder

Rivelino

09 de fevereiro de 2019 às 22h46

O PT e manezões como esse escritorzinho Pedro Breiro vivem de enganar e seduzir as muitas gentes com frasinhas mentirosas e textos picaretas como o de cima. Ao estilo de:

«Viva toda a velocidade do 4.5G, Vivo» (quá-quá-quá]

«O que nós podemos fazer por você, hoje? Santander.» [buá, buá, buá]

«Não é cliente? Então vem! Itaú» [mi, mi, mi. Conte outra mentira].

Me engana que eu compro o barangaço do PT!

Responder

    Nostradamus ( banquinho & bacia )

    10 de fevereiro de 2019 às 07h51

    Lula livre !

    Responder

Rivelino

09 de fevereiro de 2019 às 03h58

Breier o manezinho:
“Me engana, que eu compro.”

Esse tal de “Lula Livre®”, isso é marketing. Clichê comercial. Frase publicitária, pra você comprar o “produto” lula®.
É tal qual a frase: “Coca-Cola® dá Mais Vida”, pra vender o produto Coca-Cola©. Fazer tua cabeça com frases de impacto.

Eis o jeitão VAZIO publicitário do PT® e do Petismo. Veja:

PT vive de clichês publicitários elaborados por marqueteiros. Nada espontâneo. Mas apenas um frio slogan (tal qual “Danoninho© Vale por Um Bifinho”/Ou o: “Fiat Touro®: Brutalmente Lindo”).
Não tem nada a ver com um Projeto de Nação. Eis:

0.
“Coração Valente©” [breguice].

1.
Pátria Educadora© [Huá, huá, huá].

2
“A Copa das Copas®”

3.
“Fica Querida®”

4.
“Impeachment Sem Crime é Golpe ©”

5.
“Foi Golpe®”

6.
“Fora Temer ®”

7.
“Ocupa Tudo©”

8.
“Lula Livre®”

9.
“eleição sem Lula é fraude®” [kuá!, kuá!, kuá!].

10.
“O Brasil Feliz de Novo ©”

11.
“Lula é Haddad Haddad é Lula®”

12.
“Ele não®”.

13.
“Haddad agora é verde-amarelo©” [rsrsrs].

14.
“Luz para todos®” (kkkkk).

——
Mais um recente clichezaço publicitário do PETISMO (Religião) e, também, do PT, — estilo “SKOL© a Cerveja que desce RedondO”.
Ei-lo:
15.
“Ninguém Larga a Mão de Ninguém®”.
16.
“Skol®: A Cerveja que desce RedondO”.

______
É o tal de “me engana que eu compro”.
O Petismo vive de ótimos e CALCULADOS mitos publicitários.
PT© é vigarista.
É exatamente igualzinho a “SKOL®: A Cerveja que desce RedondO”.

Responder

Molusco Metralha

09 de fevereiro de 2019 às 01h32

Voces nao se cansam dessa ladainha do negro, pobre e oprimido? Foram humilhados nas duas últimas eleições e nao percebem que o povo acordou para a realidade: o Lula é um corrupto e lavador de dinheiro!!!

Responder

Ultra Mario

08 de fevereiro de 2019 às 21h42

Se passar tudo, vamos agonizar por muitos anos. Quem tentar revogar essas deformas vai sofrer desgaste político pra proteger uma população que, honestamente, não merece ser protegida.

Esse é o meu medo, ninguém vai querer tentar revogar até que seja consenso que “deu ruim” daqui a algumas décadas. Ou seja, tarde de mais.

Responder

A FOICE DA MORTE

08 de fevereiro de 2019 às 17h54

Já eu não tenho dentes, sou mais antiga que qualquer rompante. Ando calma e lentamente… mas sou infalível, fatal e incorrigível. Muitos me conhecem mais por esse símbolo da foice do fantasma negro. Mas eu venho de dentro da criatura! Alguns tem um ódio catalizador interno cancerígeno imenso… que vem da inveja de um líder autêntico, geralmente. Levo gente que não chamei. Não entendeu ? Chamo e vou levar o coiso e a coisarada ruim vai juntar-se como formiga para lamentar o meu mal feito… e morrerão algumas pessoas pisoteadas como aquelas sete no portão de ferro no Cemitério de São João D´El Rei em Minas, no sepultamento do Tancredo.

Responder

    Paulo

    08 de fevereiro de 2019 às 22h18

    Adélio by PCC ou PSOL?

    Responder

      Carlos Eduardo

      09 de fevereiro de 2019 às 10h31

      By Queiroz

      Responder

        Renato

        09 de fevereiro de 2019 às 18h06

        By Rosãngela Barbiere/PT/André Ceciliano !

        Responder

Justiceiro

08 de fevereiro de 2019 às 16h07

Um governo impopular, Pedro?

Como alguém disse lá em baixo, volte para o gol que você só faz merda na linha.

Responder

    Ataulpho Andrade

    08 de fevereiro de 2019 às 16h57

    Bote um milhão de pessoas na rua para um comício do Bolsonaro. Não rola.

    Já o Lula sempre reunia uma multidão, pois é um verdadeiro líder popular, ao contrário desse rato de esgoto que a burguesia transformou em presidente através das maiores maracutaias.

    Responder

      Renato

      08 de fevereiro de 2019 às 18h13

      E quando foi que Lula botou um milhão de pessoas na rua em seu apoio ? A única capaz de tal proeza foi a ex-presidenta. Dilma botou um milhão de pessoas na Paulista………….contra si ! kkkkkkk

      Responder

        mariocinelli

        09 de fevereiro de 2019 às 01h40

        Renato, me explique uma coisa: você está rindo do que?

        Responder

          Renato

          09 de fevereiro de 2019 às 18h12

          Se você necessita de uma explicação é porque não adianta eu explicar ! kkkk

          Responder

      Rosemary Lula

      09 de fevereiro de 2019 às 01h27

      O Lula tá preso, babaca!

      Responder

        cabra retado

        09 de fevereiro de 2019 às 10h35

        e o temer tá solto babaca…
        o geddel tá solto babaca…
        o jucá com stf com tudo tá solto babaca…
        o aecin tá solto babaca…
        o helicoca tá solto babaca…
        o paulo preto tá solto babaca…
        o beto rixa tá solto babaca…
        e vc, pobre di direita defendendo a elite que caga na tua cabeça, babaca!

        kkk

        Responder

          Renato

          09 de fevereiro de 2019 às 23h14

          Lindbergh está solto, babaca :
          Zé Dirceu está solto, babaca ;
          Gleisi Hoffomann está solta, babaca;
          Os filhos de Lula estão soltos , babaca;
          Paulo Bernardo está solto, babaca;
          Dilma está solta , babaca ;
          Guido Mantega está solto, babaca;
          Sérgio Gabrielle está solto, babaca;
          e Geddel ( ex-ministro de Lula ) está preso ( e não solto ) babaca !

          Responder

            Renato

            10 de fevereiro de 2019 às 07h50

            E você, cabra do reto arrombado, pobre de esquerda, defendendo essa elite que caga na sua boca , babaca !

            Responder

Justiceiro

08 de fevereiro de 2019 às 16h05

Quem vai exterminar os índios? Pelo fim das famigeradas demarcações de terra? Mas isso existe desde sempre, essas demarcações, e ainda precisa mais?

Os índios tem 13% do território brasileiro. É quase uma Bahia e Minas Gerais para 700 mil índios. E todo tempo eles Reivindicam mais terra?

Quanto a acabar com sindicato, até que é um ótima ideia, mas não é isso que se propõe, o que se tem que fazer é quem quiser se sindicalizar, que o faça e contribua para a sua manutenção.
Tem que deixar de engordar os Wagner Freitas da vida.

Quanto a excludente de ilicitude, acho que tem que melhorar. E vai melhorar. Mas as propostas pra mandar corrupto pra cadeia está ótima. Só é contra quem tem corrupto de estimação preso.

Responder

    AS MORTES DO BRASIL

    08 de fevereiro de 2019 às 16h30

    Quem tem corruptos de estimação são vocês seu fdp!!!

    Responder

      Justiceiro

      08 de fevereiro de 2019 às 19h23

      KKKKKKKKKKKKKKK

      Vestiu a carapuça, menina?

      Responder

        Renato

        08 de fevereiro de 2019 às 19h50

        Lula, preso político. Flávio Bolsonaro, perseguido político. Dois mártires perseguidos pela sanha punitivista do judiciário e do MP ! kkkkkkkkkkkkkk

        Responder

    Carlos Eduardo

    09 de fevereiro de 2019 às 10h37

    Pra que índio? Bora exterminar tudo e colocar a Vale lá!

    Responder

Zé Maconha

08 de fevereiro de 2019 às 14h10

Marchinha do pobre de direita.
Mamãe eu vou compar uma arma
O Bozo já facilitou
Quero atirar nos comunistas
Sou pobre de direita e odeio professor
Mamãe não deu pra comprar arma
Me dá o liquidificador
E traz a mamadeira de piroca
Vou preparar um suco violento e opressor
Goiaba , açai e laranja por favor

Responder

Elias

08 de fevereiro de 2019 às 13h43

O Brasil liberal e fascista é também o brasil das tragédias. Uma tragédia atrás da outra.
Desta vez dezenas de familias perderam seus filhos mortos em um incendio no Rio de Janeiro; Os jogadores da base durmiam em conteineres. O futebol é mega corrupto, todo mundo sabe. As estrelas de amanhã são tratados como animais desde cedo. Jogadores são submetidos a contratos e condições de trabalho análogo a trabalho escravo. Propriedade privada dos clubes.

Responder

    Hilda

    08 de fevereiro de 2019 às 13h59

    Assim como no “desastre” da Vale estes jovens não tiveram a menor chance de escapar.

    Responder

Renato

08 de fevereiro de 2019 às 13h26

“Nada de sindicatos”
Uè, o governo Bolsonaro proibiu a existência dos sindicatos ??

Responder

Renato

08 de fevereiro de 2019 às 13h22

“A quantidade de sofrimento humano que provirá dos seus atos e, segundo a lei do karma, retornará a eles, não é pouca, não.”
Deve ser por isso que Lula está apodrecendo no cárcere e Dilma tomou um pé na bunda ao tentar a eleição para o senado. É implacável Karma ! kkk

Responder

Renato

08 de fevereiro de 2019 às 13h09

“Sobre o rentismo ou a sonegação de impostos da elite econômica, o governo, obviamente, pratica um silêncio ensurdecedor.”.
Saudades do governo do Petê, de Lula e Dilma, quando o rentismo e a sonegação de impostos da elite econômica eram alvos de debates constantes no governo; quando milhares de rentistas morreram de fome e a sonegação de imposto da elite econômica sofreu duros golpes graças a implacável vigilância e às duríssimas penalidades impostas pelo governo petista. Ah, que saudades ! kkkk

Responder

Amauri

08 de fevereiro de 2019 às 13h02

Outra coisa absurda da esquerda pelega é essa insistência em se opor a um maior aperto no combate ao crime. É versão 2019 da oposição ao Plano Real, só que multiplicada por 1000. Um erro histórico sem precedentes, de ficar contra algo que a maioria absoluta da população brasileira apoia com entusiasmo, só porque o proponente principal é o juiz que enjaulou o cachaceiro. Até o Haddad tentou dar a dica, separando o Moro juiz do Moro símbolo do combate ao crime, mas para a pelegada é “Lula ou nada”.

Responder

    Ataulpho Andrade

    08 de fevereiro de 2019 às 16h22

    Acho impressionante quem usa as palavras sem conhecer o seu significado. Vá a um dicionário e procure: “pelego”.

    Esquerda não defende repressão, ponto. Isso é política da direita. Se você apoia isso, você é de direita.

    Quem acha que a criminalidade é alta porque falta sadismo juciário, policiais sanguinários, leis duras, porque se prende “pouco” (3ª ou 4ª maior população carcerária do mundo), é de direita, ponto.

    A esquerda entende o crime como um problema social, e não como um desvio individual, como um mero “desvio de caráter”. A população é violentada pela polícia, não tem acesso à moradia, ao emprego, à educação, à cultura, à renda, e aí tem gente que fica surpresa com a criminalidade…

    Responder

      Paulo

      08 de fevereiro de 2019 às 22h01

      “Esquerda não defende repressão, ponto. Isso é política da direita. Se você apoia isso, você é de direita.” E a China, a ex-URSS, Cuba? Venezuela, Nicarágua? Lênin, Stálin, Pol Pot?

      Responder

        Ataulpho Andrade

        08 de fevereiro de 2019 às 23h13

        Tire suas próprias conclusões

        Responder

          Paulo

          09 de fevereiro de 2019 às 10h58

          Minha conclusão é que os extremismos – à direita e à esquerda – são sempre tendentes à concentrar, crescentemente, poder, e a utilizá-lo arbitrariamente. Nesse sentido, fascismo e comunismo, historicamente, são faces da mesma moeda…

          Responder

            Ataulpho Andrade

            09 de fevereiro de 2019 às 14h50

            Então sua conclusão é ignorante. “Os extremismos – à direita e à esquerda – são sempre tendentes à concentrar, crescentemente, poder, e a utilizá-lo arbitrariamente.”

            Em qualquer época histórica, quem concentra o poder é a classe dominante: seja a aristocracia que rodeia o monarca, os sacerdotes que rodeiam o faraó, o estamento militar que rodeia o senado romano. No capitalismo, nossa época histórica, a burguesia que rodeia o estado é a classe dominante.

            O que concentra o poder é a luta pelo poder. O poder não é algo regulado de forma normativa, isto é, ditribuído de forma cavalheiresca e racional por um pretenso acordo comum de uma sociedade. O poder é, isso sim, tomado e mantido à força. Isso mesmo, força bruta.

            Inclusive, vivemos num país em que a burguesia, vendo o risco de perder poder, tomou o regime político de assalto por um golpe militar (1964). E manteve o poder com a mais fascista repressão policial. Mais à frente, depois do “crescendo” das manifestações de 2013, a burguesia novamente se sentiu ameaçada em suas posições e fez uma intervenção de força no regime político (golpe de estado), removendo o governo eleito e introduzindo artificialmente a extrema-direita no regime político.

            Dizer que fascismo e comunismo são as faces de uma mesma moeda é assinar um atestado de ignorância política, é admitir que você não faz idéia (além das idéias extremamente superficiais que circulam por aí) do que é o fascismo e o que é o comunismo.

            Inclusive, comparar, como você fez, “China, a ex-URSS, Cuba, Venezuela, Nicarágua, Lênin, Stálin, Pol Pot” é coisa de esquizofrênico. Cada uma dessas palavras que você citou designa coisas que, em primeiro lugar, não são EQUIVALENTES (China é um império asiático milenar, Cuba é uma ex-colônia espanhola caribenha, Lênin foi um líder revolucionário que teve que inventar um método de ação política inédito), e em segundo lugar, se referem a contextos específicos.

            O que tem a ver Pol Pot com o fato de, no Brasil, existir um verdadeiro apartheid social contra a classe operária pobre? NADA! O Brasil tem a sua própria esquerda, com suas organizações específicas, com sua história específica.

            É muito superficial e cretino ficar equivalendo coisas absolutamente diferentes, e tentar reduzir um diagnóstico político específico (a situação da repressão social brasileira) a um preconceito político (“a esquerda e a direita são iguais porque são extremistas”; ou “a esquerda matou sei lá quantas pessoas sei lá onde e por isso não pode dizer nada sobre nada”).

            Responder

              Paulo

              09 de fevereiro de 2019 às 21h57

              Bem, se tudo se “refere a contextos específicos”, então o que vale é a teoria, é a abstração? Mas, será que esses “contextos específicos” não seriam, precisamente, fruto de determinado entendimento teórico, ou ideologia? “Em qualquer época histórica, quem concentra o poder é a classe dominante: seja a aristocracia que rodeia o monarca, os sacerdotes que rodeiam o faraó, o estamento militar que rodeia o senado romano.” Então, na Venezuela, a classe dominante, hoje, são os militares pró-Maduro? Na ex-URSS, seria a”nomenklatura”?

              Responder

                Ataulpho Andrade

                10 de fevereiro de 2019 às 14h59

                Sim, é por aí o raciocínio.

                Só que na Venezuela a classe dominante é a burguesia.

                A imprensa distorceu a tal ponto o entendimento do que é a Venezuela que as pessoas não entendem que a estrutura social de lá é muito parecida com a do Brasil.

                Tem uma burguesia monopolista, uma classe média subalterna e uma imensa maioria de pobres. Igual aqui, mas em escala reduzida.

                Responder

ari couto

08 de fevereiro de 2019 às 12h28

Segundo Trotsky, a essência do fascismo é a destruição dos instrumentos de luta do trabalhador, como sindicatos, associações ou mesmo partidos. Ainda conforme o mesmo Trotsky, a causa imediata do fascismo na Itália e na Alemanha foi a omissão dos partidos de esquerda da época, o PCI, o Partido Comunista Alemão e a Social Democracia.
Infelizmente quase toda nossa esquerda vem caminhando nessa mesma linha, acreditando que com atuação no congresso e discursos, entrevistas, notinhas e twitter barrarão governo Bolsonaro. Que ninguém se iluda, caminhamos para o pior dos mundos possíveis e, como sempre, quem pagará a conta será o povo. Como aliás já vem acontecendo

Responder

    Ataulpho Andrade

    08 de fevereiro de 2019 às 16h03

    Nem toda a esquerda brasileira é mentecapta, e temos a chance de não cometer o mesmo erro dos italianos e alemães.

    Temos boa parte do PT, da CUT, o PCO, uma parte do PSOL, o MST, enfim… Temos instrumento, mas precisamos ter a bússola política que nos habilite a utilizá-lo corretamente.

    Um abraço!

    Responder

Nilton

08 de fevereiro de 2019 às 11h07

Desgoverno liberal bozonazi quer liberar tratamento psiquiátrico de eletroterapia;

Responder

    B17

    08 de fevereiro de 2019 às 11h27

    Esta com medo do que? Inovação tecnológica.
    Tudo sera aprovado de acordo com a constituição.

    Responder

      Zé Maconha

      08 de fevereiro de 2019 às 11h38

      Hahahaha dar choque em pacientes psiquiátricos virou “inovação tecnológica” hahaha
      Vocês nem sabem mais o que dizem hahahaha

      Responder

    Renato

    08 de fevereiro de 2019 às 13h19

    É até possível que eletroterapia seja uma boa alternativa para se tentar aumentar o, diminuto, número de neurônios com que a natureza dotou os petistas ! kkkkk

    Responder

      Zé Maconha

      08 de fevereiro de 2019 às 14h18

      Que hilário Renato.
      Está orgulhoso do que escreveu?
      Parabéns.
      Vira comediante , quem sabe isso te tira da pobreza.

      Responder

      mariocinelli

      09 de fevereiro de 2019 às 01h43

      E aí renato, você sabe o que é um arco reflexo? Porque você só tem 2 neurônios…

      Responder

Zé Maconha

08 de fevereiro de 2019 às 10h42

Pedro vai dizer que você não vai ficar feliz vendo essas bestas , como o Paulo e a Juraci(será que homem ou mulher essa coisa) perdendo seus direitos trabalhistas e ficando mais pobres do que já são?
O povo brasileiro precisa de uma lição pra deixar de ser burro.
Eu felizmente nunca mais vou trabalhar , sinto pena apenas das pessoas decentes que perderão seus direitos.
Agora esse povo que acredita em mamadeira de piroca é tão burro que merece morrer de fome na velhice , o que vai acontecer se a esquerda não voltar ao poder.
Terão que trabalhar 52 anos ininterruptos para se aposentar com salário mínimo hahahaha

Responder

    EDSON GOMES DOS SANTOS

    08 de fevereiro de 2019 às 11h07

    O Brasil foi a falência com a esquerda no poder! Por que não fizeram as reformas que o Brasil precisava durante os 13 anos que ficaram no poder? Agora querem sabotar a reforma aveia!?

    Responder

      Zé Maconha

      08 de fevereiro de 2019 às 11h19

      Edson o único governo de esquerda foi o do PT , antes a centro-direita governou.
      Vai acreditando nessa conversa de que matar os pobres de fome é necessário.
      Se você quer perder dinheiro , problema seu.
      Se você quer se aposentar com meio salário mínimo vá em frente.
      Eu felizmente tenho uma boa grana guardada em LTs , e advinha o governo Bolsonaro já falou em diminuir a alíquota máxima do IR , vou ganhar ainda mais dinheiro se isso se concretizar.
      Enquanto isso você perde direitos , ou seja renda.
      Se você quer ser generoso com rentistas como eu votando na extrema-direita , vai na fé.
      Mais grana pro meu haxixe e minhas prostitutas de luxo.
      Obrigado.

      Responder

      Alan Cepile

      09 de fevereiro de 2019 às 10h40

      Edson, mostre fontes que mostram que o Brasil estava falido em abril de 2016.

      Responder

Roque

08 de fevereiro de 2019 às 10h37

Pedrinho, quanta mágoa… Eu sei que deve tá sendo humilhante para vc a surra que o Bolsonaro deu no Andrade. Por isto tantas palavras rancorosas e mentirosas. Quer um conselho? Aceita que dói menos… Outra coisa, pode ir comer a papinha que sua preparou. Menino ou menina, sei lá o que vc é, criado pela vovó tem estes ataques de raivinha muito fácil…

Responder

    Zé Maconha

    08 de fevereiro de 2019 às 10h49

    Você acha que ele se ofendeu?
    Deve estar rindo de você.
    Na verdade você é que está dando um xilique aí.
    Roubaram sua mamadeira de piroca?

    Responder

      Roque

      08 de fevereiro de 2019 às 12h15

      Vixe… Mirei num militonto e acertei numa biba escandalosa, kkkk. Pelego, continue babando nos bagos do bebum condenado, este é o seu serviço sujo.

      Responder

Ju

08 de fevereiro de 2019 às 10h25

Ótimo Pedro.

Responder

Paulo

08 de fevereiro de 2019 às 09h45

“As reformas no sítio são claramente um desvio ético.”
—————————————————————————————
Não tinha mais esperança de ver um petista afirmar q Lula não é a pessoa mais honesta deste mundo.

Responder

    Zé Maconha

    08 de fevereiro de 2019 às 10h33

    Já a minha esperança de achar um bolsonarista com cérebro , acabou há muito tempo hahaha
    Você nem pensa sozinho , sr carta del lavoro hahahaha

    Responder

      Geraldo

      08 de fevereiro de 2019 às 10h46

      Desvio ético de cu é rola. O calango bebum condenado vai apodrecer na cadeia mesmo, para apreender a não roubar o nosso dinheiro. Vou dizer de novo, quem defende este bandido são, blogs e jornalistas pixulequentos, militonto pelegos ávidos por um pão com mortadela, terroristas disfarçados de movimentos sociais (CUT, UNE, MST) e políticos bandidos tipo Renan, Gleisi, Lindbergh, Cabral e Cunha.

      Responder

      Alan Cepile

      08 de fevereiro de 2019 às 10h48

      Petezada e bozominions, semelhanças enormes, duas faces da mesma moeda, um precisa do outro pra se sentir alguém.

      Responder

    Paulo

    08 de fevereiro de 2019 às 10h42

    Pois é, xará, enfim, temos um, mas deu uma bela dourada na pílula. “Desvio ético”, rsrsrs…

    Responder

      Alan Cepile

      08 de fevereiro de 2019 às 10h52

      O “desvio ético” da matéria é o mesmo que o “ele já pediu desculpas” do moro pro onyx…

      Como eu disse em outro comentário, petistas e bolsominions tem muito em comum.

      Responder

        Pedro Breier

        08 de fevereiro de 2019 às 11h03

        Po Alan, chamar de petista tudo bem (apesar de não fazer sentido), mas me comparar com o Moro é sacanagem!

        Responder

          Renato

          08 de fevereiro de 2019 às 11h36

          Realmente, é uma baita sacanagem com o Moro ! kkk

          Responder

          Alan Cepile

          09 de fevereiro de 2019 às 02h20

          Não te comparei com o moro, comparei os termos, sacou? Abs!

          Responder

JURACI ADÃO DOS SANTOS

08 de fevereiro de 2019 às 09h21

É esdrúxula e inconcebível suas palavras. Devem ser todas jogadas ao vento. Jornalista parcial e mesquinho. Deve ter perdido a teta; um inconsequente somente para quem não sabe interpretar o momento; não era para escrever uma palavra; que dirá uma frase. Fique só no Direito que é sia formação mal formada; já que sai a fazer o que gosta e não o que sabe. É igual aquele cara que sabe jogar bem no gol e quer se meter na linha.

Responder

    Pedro Breier

    08 de fevereiro de 2019 às 09h58

    Pior que eu jogo muito na linha, Juraci…

    Responder

Paulo

08 de fevereiro de 2019 às 09h16

Bolsonaro poderá oferecer um crescimento econômico (que já vem, timidamente, ocorrendo, só por conta de expectativas do capital). Mas, despidos dos direitos trabalhistas, a renda dos trabalhadores vai cair. Terão ocupação, mas ganharão menos. Ao contrário de Vargas, que promulgou a CLT baseada na Carta del Lavoro, de Mussolini, Bolsonaro vai na direção contrária. Até mesmo para a direita…

Responder

    Zé Maconha

    08 de fevereiro de 2019 às 10h30

    Você é um retardado sem cérebro Paulo.
    Cada bobagem nova que você escuta um imbecil de extrema-direita dizer , sai repetindo.
    Direitos trabalhistas existem nos EUA , na Alemanha , na Suiça , no Canadá ,, nada disso tem a ver com o Fascismo.
    Agora o anti-comunismo , o ensino religioso cristão , essas sim eram caracteristícas do Fascismo.
    Você deve acreditar que a Terra é plana e o Nazismo é de esquerda.
    Vai tomar mamadeira de piroca sua besta quadrada.

    Responder

Deixe uma resposta