História: Brizola na Unicamp em 1987

Árabes se juntam à China na “Rota da Seda”

Por Tulio Ribeiro

20 de abril de 2019 : 02h13

Pequim assinou acordos de cooperação pela Iniciativa Rota da Seda (BRI, na sigla em inglês), com 17 países árabes, informou a agência estatal de notícias chinesa, citando os resultados do Fórum Sino-Árabe.
O segundo Fórum de Cooperação China-Árabe sobre Reforma e Desenvolvimento, realizado em Xangai na terça-feira(16/04), atraiu mais de cem empresários, políticos e acadêmicos da China e de países árabes, incluindo Egito, Líbano, Djibuti e Omã. A reunião deste ano, apelidada de “Construir o cinturão e a Rota, o desenvolvimento de ações e a prosperidade”, foi dedicada a impulsionar o projeto.

Os países árabes demonstraram grande interesse na cooperação com Pequim. Além de ingressar na iniciativa Belt and Road, 12 estados árabes estabeleceram parcerias estratégicas e, mais abrangentes, com a China. Segundo a porta-voz da chancelaria chinesa, Lu Kang, em entrevista coletiva na quarta-feira:

“Os representantes árabes disseram que a cooperação da BRI com a China traz imensas oportunidades para os países árabes avançarem nas reformas e acelerarem o crescimento”.

A cooperação sino-árabe no projeto deve receber outro “forte impulso”, já que muitos líderes árabes devem participar do segundo Fórum de Cooperação Internacional, que será realizado em Pequim no final deste mês, segundo a diplomata.

Há algumas semanas, Kamal Hassen Ali, secretário-geral adjunto da Liga Árabe já demonstrava seu otimismo com a parceria:

“A parceria estratégica China-Árabe se desenvolverá em um relacionamento duradouro e estável além do tempo e do espaço. Nós definitivamente procuraremos melhorar a cooperação com a China na construção da Rota da Seda, tanto em terra quanto no mar…”. Eu estou muito otimista sobre a futura cooperação entre a China e o mundo árabe sob o BRI, pois a cooperação beneficiará os dois lados e até mesmo o resto do mundo ”

A China é o segundo maior parceiro comercial do mundo árabe, com um volume de negócios de 190 bilhões de dólares a partir de 2017, segundo o secretário-geral adjunto da Liga Árabe, Khalil Thawadi. O funcionário observou que 21 estados árabes assinaram memorandos de entendimento sobre a nova Rota da Seda, ainda em 2018.

O ambicioso projeto de infraestrutura comercial global da China está se expandindo globalmente. Esta semana, a Suíça mostrou sua intenção de se inscrever para o BRI. Em março, a Itália enfrentou críticas de seus aliados europeus ao se tornar oficialmente a primeira nação do G7 a aderir à iniciativa. Pouco depois, o Luxemburgo assinou um memorando de entendimento sobre a participação no projeto. Os memorandos de entendimento também foram assinados por Grécia e Portugal em agosto e dezembro do ano passado, respectivamente.

Tulio Ribeiro

Túlio Ribeiro é graduado em Ciências econômicas pela UFBA,pós graduado em História Contemporânea pela IUPERJ,Mestre em História Social pela USS-RJ e doutorando em ¨Ciências para Desarrollo Estrategico¨ pela UBV de Caracas -Venezuela

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

18 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

gabriel

22 de abril de 2019 às 11h11

òtimo texto e atual

Responder

Paulo

21 de abril de 2019 às 10h38

Boa Páscoa a todos os frequentadores do Blog, assíduos e ocasionais! E ao Miguel e equipe também, claro!

Responder

    lucio

    21 de abril de 2019 às 16h24

    para vc tambem.
    na europa a sexta feira nao é feriado… sempre achei antropologicamente interessante o fato que aqui se festeja mais a sexta que o domingo. brasileiro gosta mesmo de morte, kkkk

    Responder

      Paulo

      21 de abril de 2019 às 20h35

      A Ressurreição é bastante festejada, mas a entrega de Cristo pela humanidade também merece lembrança, e, como ocorreu numa sexta, é justa a lembrança (e agradecimentos) e o feriado consequente…

      Responder

Gildo Ribeiro da Silva

20 de abril de 2019 às 20h48

Estes ataques á China é demonstraçáo clara que o projeto Sino já está incomodando. O outro lado só tira, ñao oferece nada.

Responder

Alan C

20 de abril de 2019 às 14h40

Rota da seda? Aí Zé Maconha, esse assunto te interessa! rs

Responder

LUPE

20 de abril de 2019 às 13h01

Caros leitores

Enquanto aqui a trupe de lesa pátria
no Poder
faz tudo para a China ser afastada,
a custo de bilhões de dólares de prejuízo.

Brasileiros sendo demitidos,
empresários ganhando menos,
ou, mesmo, indo à falência,
governo arrecadando menos…………

Beleza ! !

E a trupe de lesa pátria
ainda tem os bandidos
pagos em dólares
para virem ao Cafezinho
jogar os leitores contra a China.

Neste post,
(até agora)
os manjados bandidos
a serviço de nossos inimigos >>>>
>>>> Paulo
>>>>> Sérgio Araújo

MAS, ,,,, A CULPA É DO PT ! ! ! ! !

Responder

Luis Campinas

20 de abril de 2019 às 12h52

Um propõe retirar até a ultima gota de sangue de todos os povos: uropeus, árabes, asiaticos e toda a América. Sua arma? A persuasão através do poder da moeda, dos conglomerados financeiros, das comunicações e da indústria bélica. Vender medo é essencial para anestesiar ideias e postergar utopias. O outro: emprego, renda e desenvolvimento. Quem levará melhor sorte?

Responder

Paulo

20 de abril de 2019 às 09h54

É, o gigante chinês caminha a passos largos (já não é preciso dar um passo atrás para dar dois à frente) para enfrentar os EUA, e, talvez, até superá-lo, para gáudio dos esquerdistas do blog…só espero que estejam – pra ser coerentes com seus anseios e desejos mais recônditos – preparando seus filhos para falar mandarim e aceitar uma “meia-democracia” como ideal de vida, além de ter um chinês como patrão…

Responder

    WG

    20 de abril de 2019 às 10h19

    No momento temos menos de meia-democracia, rumando celeremente para uma ditadura, e o pais sendo transformado em uma colônia pré-industrial.

    Responder

    Sergio Araujo

    20 de abril de 2019 às 10h31

    Duro vai ser se acostumar a comer cachorros e ratos, o resto a gente dà um jeito…Rsrs

    Responder

      Paulo

      20 de abril de 2019 às 10h40

      Mas, se der ruim, ainda tem o pênis ou testículo de tigre para dar aquela força, rsrs…

      Responder

        Sérgio Araújo

        20 de abril de 2019 às 19h49

        Eheh

        Responder

    lucio

    20 de abril de 2019 às 19h36

    paulo,
    1) o que tem de mal em falar mandarim?
    2) se a china é 50% democracia, brasil é 25%
    3) patrao brasileiro é pior que chines (alias, ta ficando marxista para ter medo do patrao hein? kkkk)

    Responder

      Paulo

      20 de abril de 2019 às 23h53

      Não, meu caro! É que patrão bom é patrão dos outros, rsrs…

      Responder

        lucio

        21 de abril de 2019 às 06h07

        o salario chines medio em dolares é maior que o brasileiro, 900 contra 600.
        mas, pois o custo de vida é menor que no brasil (pode verificar os pib per capita á paridade poder de compra), o poder de compra do salario chines é o dobro que o brasileiro.
        sem contar casa, escola e saude de graça e de qualidade.
        entao mim parece que o patrao chines é bem melhor que o brasileiro OBJETIVAMENTE. questao encerrada.

        Responder

          Paulo

          21 de abril de 2019 às 10h36

          Então boa sorte pra você e seus descendentes! Mas cuidado que se não trabalhar direito entra na chibata, hein?

          Responder

            lucio

            21 de abril de 2019 às 16h22

            obrigado, para vc tambem.
            eu aqui nao tenho patrao, nunca teve e nunca vou ter, deus me livre de patrao brasileiro.
            meus filhos vamos ver…

            Responder

Deixe uma resposta

x
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com