Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

A deputada federal Joice Hasselman e o presidente Jair Bolsonaro. Ambos estiveram em posições bastante divergentes e bélicas no passado recente. Foto: Reprodução / Instagram.

Joice acredita ser a melhor opção para Bolsonaro na eleição paulistana

Por Redação

20 de agosto de 2020 : 15h27

Joice Hasselman (PSL-SP), pré-candidata à prefeitura de São Paulo, afirmou à Rádio Bandeirantes que é a melhor opção para Jair Bolsonaro (sem partido) nas eleições municipais de São Paulo.

A deputada federal pode ser substituída pela deputada estadual Janaína Paschoal, ou, segundo conversas oriundas no Planalto, pelo deputado federal Luiz Phillippe de Orleans e Bragança, ambos do PSL.

Ela defende compor uma chapa com Marcos Cintra (PSL-SP), ex-secretário da Receita do presidente.

Joice reclamou de “deputados ligados a Jair Bolsonaro” que tentam desidratar sua candidatura.

Ela reclamou de supostas imposições relativas ao retorno do presidente ao PSL. Segundo Hasselman, interlocutores estariam condicionando a volta de Bolsonaro ao partido à “exposição em praça pública” de sua cabeça.

Joice já foi alvo do chamado “gabinete do ódio” e foi uma das mais atuantes parlamentares na CPI das Fake News, o que lhe colocou em situação de grande atrito com o presidente e seus aliados de primeira hora.

“Para Jair Bolsonaro, eu sou a melhor opção”, disse. “Eu não sou tucana, eu não sou petista, eu não sou de partido do centrão”, continuou.

“Eu sou a Joice da direita racional desde sempre. Então mesmo com as pendengas que tive com o presidente, se ele olhar o quadro inteiro, a melhor candidata para ele sou eu”, afirmou.

“Não sei se é tanto ele ou se são os filhos, mas têm que fazer um tratamento freudiano e me esquecer um pouco, me deixar trabalhar”, pediu a deputada.

Ela se referiu aos que deixaram o partido como “traidores” e afirmou que “se quisessem voltar” deveriam fazê-lo “de cabeça baixa”.

Hasselman também teria convidado o ex-juiz e ex-ministro Sérgio Moro para construir o programa de segurança pública da candidata.

Uma ala do PSL sonha com filiar Moro ao partido mirando as eleições de 2022.

A entrevista completa na qual ela deu as declarações pode ser assistida abaixo.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe um comentário

O 2021 de Bolsonaro O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade