Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

ACM Neto emplaca aliado para assumir o Ministério da Cidadania

Por Redação

12 de fevereiro de 2021 : 19h41

O presidente Jair Bolsonaro oficializou a nomeação do deputado João Roma (Republicanos-BA) para assumir o Ministério da Cidadania. O parlamentar é aliado e indicado do presidente Nacional do DEM, ACM Neto.

A nomeação é fruto de um acordo entre Bolsonaro e o Centrão após a vitória de Arthur Lira (PP-AL) para a presidência da Câmara. Já Onyx Lorenzoni (DEM-RS) deixou o comando da pasta para assumir um ministério no Planalto.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

John Jahnes

12 de fevereiro de 2021 às 21h58

ACM agora diz não quer aliado do DEM com o Bozo, mas ele sempre foi aliado e admirador do pior presidente do Brasil em todos os tempos CARA DE PAU, SEM-VERGONHA.

Responder

Paulo

12 de fevereiro de 2021 às 19h51

A farra da velha política começou. Ou será que nunca acabou? Hummm…

Responder

    Batista

    13 de fevereiro de 2021 às 11h26

    Mais uma obra de fôlego da Lava Jato, como os, em torno de, R$150 bilhões de prejuízos e lucros líquidos não realizados, na Petrobras, conforme balanços anuais disponíveis, durante o período em ‘atuou’ sobre a mesma, para inicialmente eleger Aécio, depois, ao falhar, possibilitar o golpe de 2016 e impedir Lula de candidatar-se em 2018, tendo por saldo financeiro, a recuperação de quase R$4 bilhões de propinas pagas pelas multinacionais brasileiras da indústria da construção pesada, destruídas em outra obra de fôlego, e por saldo político, o Centrão de volta, devidamente com TUDO DOMINADO e um desgovernante fora do eixo para chamar de seu, como o diabo, digo o Centrão, gosta.

    “Que beleeeeeza!”

    Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?