Fundador do Instituto Ideia vê chance de Lula vencer no 1° turno

Foto: Reprodução

Felipe Neto critica Gusttavo Lima

Por Redação

31 de maio de 2022 : 22h46

Nesta terça-feira, 31, o Youtuber Felipe Neto fez duras críticas ao cantor sertanejo Gusttavo Lima após ele ter gravado um vídeo chorando após saber que está sendo investigado devido a um contrato de R$1,2 milhão com a prefeitura de Conceição do Mato Dentro (MG).

Felipe Neto chegou a dizer que o cantor bolsonarista queria se “beneficiar de dinheiro público”.

“Esses bolsonaristas não aguentariam meia hora se tivessem que enfrentar tudo que eu, Porchat, Adnet, Luisa e tantos outros temos que enfrentar há quatro anos. E contra nós eles só usavam mentiras”, declarou Neto no Instagram.

“Sabe o que eu acho engraçado? Estou há quatro anos sendo massacrado pela opinião pública, Anitta, Porchat, outros artistas. Fui acusado de pedofilia, corrupção de menores, polícia veio na minha casa a mando da família Bolsanaro. Aí, um cantor sertanejo passa uma semana sendo atacado por se beneficiar de dinheiro público para fazer shows e já faz live chorando falando falando que vai desistir”, prosseguiu.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Fanta

31 de maio de 2022 às 23h04

Os brasileiros se auto destroem, se canibalizam todos os dias, não vivem em uma sociedade mas em bandos. Come conseguem ser tão cretinos ?

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina