Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Democrata esquerdista registra vitória esmagadora em NY

Por Miguel do Rosário

06 de novembro de 2013 : 08h49

Foi uma vitória dos pobres, dos negros, dos latinos. Segundo o New York Times, o prefeito comemorou a vitória numa festa bagunçada no Brooklyn, com seus filhos adolescentes, negros, dançando hip hop no salão.

Em homenagem a esta vitória, publico abaixo um vídeo de hip hop:

ScreenHunter_2875 Nov. 06 08.33

ScreenHunter_2874 Nov. 06 08.26

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

11 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Ricardo

07 de novembro de 2013 às 09h14

O mais impressionante, para mim, foi o tamanho da sova, especialmente considerando que, segundo a imprensa, o cara fez campanha de dizendo socialista, o que nos EUA é mais ou menos o mesmo que se declarar drogado+gay+fdp+satanista.
Se, de fato, o cidadão tem algum estofo verdadeiramente esquerdista – diferentemente da maioria de seu partido, em que ser de esquerda significa ser alguma coisa politicamente próxima de F. Roosevelt e JFK – talvez seja uma novidade alvissareira num país onde a política se divide entre direitistas e ultradireitistas.
Vamos esperar pra ver.

Responder

Alan Melo

06 de novembro de 2013 às 19h20

Não tenho nada a ver com o que acontece em Nova York. Não sou colonizado.

Não tenho nenhuma simpatia por qualquer membro do Partido Democrata, que já comandou tantas vezes o imperialismo norte-americano, inclusive com o presidente democrata Lyndon Johnson, que era o presidente dos EUA quando do golpe militar de 1964 no Brasil, tendo ele autorizado a CIA a apoiar o golpe aqui.

Também não tenho nenhum apreço por hip hop, um ritmo gringo que nada tem a ver com a cultura brasileira. Prefiro meu samba.

Deixo o hip hop para as mentes colonizadas do auto-denominado “movimento negro”, que só representa a si mesmo, enquanto lobby organizado, e não à população negra brasileira, e que quer impor ao Brasil o modelo norte-americano de políticas raciais, baseado em coisas totalmente alheias à nossa realidade, como cotas raciais, em um país altamente miscigenado. Aproveito para expressar meu total repúdio ao governo da presidente Dilma, em quem votei, por capitular ao lobby do auto-denominado “movimento negro”, enviando projeto de lei ao Congresso que institui as esdrúxulas cotas raciais nos concursos públicos.

Responder

Virginia Muniz

06 de novembro de 2013 às 16h07

<3 <3

Responder

Ronaldo Pimenta

06 de novembro de 2013 às 16h01

O jeito Haddad de governar chega à Nova Iorque. Valeu, Haddad!!!

Responder

Tom Ribeiro Pereira

06 de novembro de 2013 às 15h19

<3

Responder

Adriano Bezerra

06 de novembro de 2013 às 15h01

PARABÉNS! DEUS TE ABENÇOE…

Responder

Diego Rafael

06 de novembro de 2013 às 14h07

Top!

Responder

Fernando Ferreira

06 de novembro de 2013 às 12h40

Negros na presidência e na maior cidade dos EUA.

Responder

Tania Fer

06 de novembro de 2013 às 12h13

Abaixo o capitalismo!!!!!!!!!

Responder

Costa Lino

06 de novembro de 2013 às 11h12

TÁ COM CARA DE FUTURO PRESIDENTE!!

Responder

Marco Espirito Santo

06 de novembro de 2013 às 10h58

Pronto, virou “comunista”na terra do Tio Sam. Os coxinhas vão morrer de raiva…….Parabéns, Prefeito Bill de Blasio.

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?