Analista da Ideia fala sobre “voto útil” dos eleitores de Ciro a Lula no 1° turno

Miruna escreve a Genoíno

Por Miguel do Rosário

26 de junho de 2014 : 01h20

25/06/2014

Meu Papai amado,

Logo que o ministro Barroso falou as duas primeiras frases eu já soube que o resultado seria a derrota. Infelizmente, depois de todos estes anos de tortura emocional e psicológica meus ouvidos já sabem ler muito rapidamente a guilhotina da covardia e da injustiça subindo bem rápido, se preparando para degolar a gente, bem ali, onde dói. Porque dói muito, dói demais, ouvir da boca de alguém que representa algo importante no nosso país, que existem muitas provas de que você não tem nada grave, quando eu, você, nós, sabemos de um jeito tão duro e real, que a vida quase te levou, que você precisa de cuidados e que as coisas não estão bem aí na Papuda.

Ai, Papai, me doeu fundo no peito ouvir que a justificativa para você estar em um presídio e não em casa, mesmo com sua saúde debilitada, é o fato de existirem muitos outros presos nessa mesma situação. Que mundo é esse, meu Deus, em que as pessoas querem igualar a injustiça e não a justiça? Que mundo é esse em que queremos castigar você porque existe gente em uma situação tão horrível quanto a sua? Que mundo é esse…

Em um primeiro momento a minha maior raiva foi do novo relator, claro. Raiva de ter sentido esperança com a chegada dele e raiva do seu jeito técnico e jurídico de nos dar essa punhalada injusta. Mas na verdade não tenho raiva dele não, ou ao menos não totalmente. Tenho raiva de todos aqueles que em maior ou menor medida contribuíram para que essa decisão de hoje fosse tomada de forma tão vergonhosa.

Tenho raiva do cara, sim, ele, que foi construindo essa trama de mentiras ao redor da sua doença. Tenho raiva dos médicos de laudos, que contrariaram seus necessários princípios éticos e deturparam a sua condição de saúde. Tenho raiva da imprensa, que mesmo tendo ficado na porta do hospital, vendo boletins médicos e sabendo de tudo, foi colocando as notícias de forma a criar a dúvida sobre o que você tem. Tenho raiva dos covardes da câmara, que não quiseram dar o que era seu de direito, por medo, por covardia por pura injustiça. Tenho raiva de todas as
pessoas que poderiam ter feito algo para que a verdade aparecesse e não fizeram, preferiram olhar para o lado. Tenho muita, muita raiva.

Mas vou vencer esse sentimento.

Ontem, Papai, escrevi aos meus amigos e amigas que eu não tinha esperanças sobre a decisão de hoje e recebi mensagens que nem sei como descrever, permeadas de amor, de presença, de carinho, de amizade e de muita, muita esperança. Não sei como essas pessoas estão se sentindo hoje, porque toda aquela corrente acreditando que sua situação ia melhorar viu hoje o muro da injustiça colocar mais um tijolo na sua história, mas acho que elas continuarão nos mandando da forma que for possível, sentimentos verdadeiros de paz, de fraternidade, de verdade, e de luz. E com isso me sinto esperançosa.

Mas hoje, depois que a realidade se fez presente eu senti um buraco no fundo do peito e pensei: de onde é vou tirar forças para acreditar na vida? No bem? Em que vale a pena fazer coisas boas?

De onde? Como educar duas crianças, meu filhos, para que acreditem, lutem, vivam a verdade e a bondade? Como? E não conseguia encontrar a resposta… Foi olhando as nossas fotos que encontrei o caminho… Achei uma foto linda, linda, de você segurando a Paulinha pela primeira vez. Que foto linda meu Papai lindo, que foto linda…

Era 2006, você tinha acabado de conseguir se eleger para a câmara dos deputados depois de toda essa tragédia na nossa vida, e finalmente conseguia ir me encontrar para conhecer sua neta, sua primeira neta. Lá na foto o que existe é isso. Vida, muita vida, emoção e alívio, muito alívio. Alívio por ver que a vida nos reserva esses pequenos grandes milagres que fazem tudo ter algum sentido. Alívio por saber que tínhamos conseguido vencer 2005 e sermos fortes para viver o nascimento da nossa Paulinha em 2006. Alívio por ver que a vida segue, e que de alguma forma existe uma força maior que sempre mostra que por maior que seja a maldade, sempre o que é bom, e justo, busca uma forma de se fazer presente. Alívio.

Essa é a foto que eu evoco hoje, Papai, a foto da vida, da vitória, da esperança. Você me ajudou a vencer o medo que passei com todos os meus problemas e angústias relacionados à maternidade e me fez ter forças para acreditar que eu ia realizar o sonho de ser mãe.

Agora, está aí dentro, e mesmo assim, longe de mim, consegue me mandar de alguma forma suas mensagens de fé e de esperança, de luta e de paz, e de verdade e coragem, porque existem duas crianças aqui lutando desesperadamente para seguir em frente, para ver sua família bem, para um dia reencontrar o avô.

Termino essa minha carta 53 mandando a você, Papai, todo meu amor, todo meu afeto, e toda minha saudade, mas termino principalmente essa carta com as palavras da sua netinha querida: eu acredito que um dia tudo vai ficar muito bem.

Te amo… Semana que vem estou aí para te visitar.

Muitos beijos da sua sempre,

Mimi

3dez2013---o-entao-membro-do-pcdob-jose-genoino-discursa-na-chamada-guerrilha-do-araguaia-em-1972-no-interior-do-para-ele-havia-ido-para-regiao-em-1970-para-participar-do-movimento-que-foi-organizado-1386105639806_564x4

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

63 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Leny Rose

27 de junho de 2014 às 13h29

Tanto ladrão solto, que nem está na domiciliar. Me engana stf, quen” justiça” injusta essa…

Responder

Vitor

27 de junho de 2014 às 00h41

Da filha não se poderia esperar outro comportamento ou outro tipo de sentimento. Coitadinho do Genuíno, pobrezinho, tão frágil e inocente…

Responder

    Miguel do Rosário

    27 de junho de 2014 às 02h38

    Não é frágil, é um homen idoso e doente. Não é pobrezinho, é o deputado que mais fez leis para os trabalhadores. Não é inocente, é um homem completo com seus acertos e erros, mas não com os erros dos quais lhe acusam.

    Responder

Jose Bernardes Neto Bernardes

27 de junho de 2014 às 01h59

Força Miruna!!!!! Estamos com o seu pai….

Responder

Jose Bernardes Neto Bernardes

27 de junho de 2014 às 01h59

Força Miruna!!!!! Estamos com o seu pai….

Responder

Jose Bernardes Neto Bernardes

27 de junho de 2014 às 01h59

Força Miruna!!!!! Estamos com o seu pai….

Responder

Paulo Roberto Magalhães

26 de junho de 2014 às 23h29

Ou seja ele é um injustiçado. Nos poupem.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 20h10

…Há poucos dias, o ministro Luis Roberto Barroso afirmou, peremptoriamente: “Quem está preso tem pressa!”

Senhor ministro Luis Roberto Barroso, para um paciente nas condições do egrégio e ilibado José Genoino Neto [do Brasil], um horizonte [incerto] de daqui a dois meses significa uma eternidade!…

RESCALDO: ao que parece, ‘as [torpes, sórdidas, canalhas e covardes] mãos invisíveis de sempre’ deram alguns cascudos no “supremo” ministro Barroso!…

EM TEMPO DE GOLPE JURÍDICO-MIDIÁTICO: como podemos inferir, no ‘braZil’, a “Corte Suprema” é absolutamente ÍNFIMA! O que não deixa de ser um risco iminente à nossa subdemocracia de bananas, republicanismo de fachada!

Força, resignação e paciência José Genoino Neto [do Brasil]! A VERDADE VOS LIBERTARÁ!

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia
República de ‘Nois’ Bananas

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 18h08

E, no caso concreto de Genuíno, o direito à prisão domiciliar é evidente e inegável também em razão de ser ilegal e inconstitucional a aplicação de pena superior à condenação sofrida pelo apenado.
(…)

Comentário postado por MAAR
em Denúncias
Miruna: “Que mundo é este em que querem igualar a injustiça e não a justiça”
publicado em 26 de junho de 2014 às 10:03

FONTE: http://www.viomundo.com.br/denuncias/miruna-que-mundo-e-este-em-que-querem-igualar-a-injustica-e-nao-a-justica.html#comment-793544

Responder

Roberto Wagner Rufino

26 de junho de 2014 às 21h08

Filha é filha tem acreditar no pai até o fim!!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 17h58

… Será que – “para dourar a pílula da desmoralização e do ostracismo do joaquim barbosa” – o ministro “supremo” Luis Roberto Barroso se permitiu referendar e chancelar possíveis homicídios culposos?!… Ou seriam [homicídios] dolosos?!…

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 16h26

SOBRE [MAIS] PARADOXOS SUPREMOS!

Entre outras prerrogativas, a jurisprudência – estabelecida há mais de uma década no Brasil – de que os condenados ao regime semi-aberto não precisam cumprir 1/6 da pena para terem direito ao trabalho externo vai ao encontro da tese da prevenção da superpopulação carcerária… Daí, a decisão do STF!
Em paralelo, a preservação da injustiça em manter milhares de condenados acometidos de patologias severas colabora para este processo perverso da superpopulação carcerária! Ora bolas, o entendimento do ministro Barroso poderia ser no sentido de a Justiça começar a rever/corrigir esses abomináveis equívocos – seja pela proteção à vida, seja para evitar o número de condenados cumprindo a pena em Unidades Prisionais…

Responder

    Messias Franca de Macedo

    26 de junho de 2014 às 16h32

    errata: … seja para evitar o aumento no número de condenados cumprindo a pena em Unidades Prisionais…

    Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 16h10

… Não duvidemos de que estes “supremos” argumentem também que o José Genoino Neto [do Brasil!] – paciente de 68 anos e acometido de cardiopatia grave – deva ser mantido no cárcere, objetivando a ‘ressocialização’ dele! E/ou no sentido de proteger a sociedade de possíveis atrocidades perpetradas pelo réu em comento!…

… Tudo em nome da preservação do status quo!… ‘Capiche’?!…

Respeitosamente,

Saudações democráticas, progressistas, civilizatórias e nacionalistas,

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia
República Destes Bananas

Responder

Vitor

26 de junho de 2014 às 15h58

Vou tomar porrada aqui, mas achei de mal gosto a exposição pública de uma carta íntima dessas… Parece que a Miruna está escrevendo muito mais para os outros lerem que para seu pai… Na minha opinião, só contribui ainda mais para o caso se tornar mais e mais midiático…

Os sentimentos parecem verdadeiros, mas deveria estar em uma carta fechada para o pai e não nos veículos de comunicação…

Responder

Danilo Rocha Furst

26 de junho de 2014 às 17h09

” o stf determina a jurisprudência. decidindo em favor de genoíno, teria dado sinal para que tribunais inferiores se portassem de maneira mais humanista e justa em relação a milhares de presidiários em todo país” realmente Miguel tenho que concordar e retiro o que eu disse.

Responder

Danilo Rocha Furst

26 de junho de 2014 às 17h08

É mais facil justificar o fato de sempre colocarmos os mesmos no poder dizendo que todos são corruptos assim tira a nossa responsabilidade por não se interessar por política e votar errado. Vejam o Sarney todos sabem que é corrupto é está ate os dias atuais inserido na política sempre eleito, poderia citar muitos outros como Aecio neves e etc…

Responder

Danilo Rocha Furst

26 de junho de 2014 às 17h05

Esse papo de que todo político é ladrão so serve para desviar o foco daqueles que realmente se Locupletaram e vivem roubando nosso país.

Responder

Marcus Rogeres

26 de junho de 2014 às 16h52

Todo político e ladrão apenas uns tem mais habilidade que outros

Responder

O Cafezinho

26 de junho de 2014 às 16h50

marcus rogeres, infelizmente não é isso que acontece no país. deixam bandidos soltos (vide arruda, demostenes, etc) e prendem inocentes (genoíno)

Responder

O Cafezinho

26 de junho de 2014 às 16h48

o stf determina a jurisprudência. decidindo em favor de genoíno, teria dado sinal para que tribunais inferiores se portassem de maneira mais humanista e justa em relação a milhares de presidiários em todo país

Responder

O Cafezinho

26 de junho de 2014 às 16h47

danilo rocha, não é assim que se faz justiça. não se iguala pelo pior. os outros presos, se seu caso chegar ao conhecimento do stf, devem receber também o direito de prisão domicilar

Responder

O Cafezinho

26 de junho de 2014 às 16h47

jorge couto, a dna tinha conta das estatais desde 1994. o grosso de seus contratos é no governo fhc. no gov lula é defenestrado pelo mensalão logo no segundo ano de governo

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 13h10

DA [FATÍDICA] SÉRIE “Os nossos ‘supremos'”! ENTENDA

“A situação [de Genoino] não é diversa da de outras centenas de detentos. Em rigor, há outros em situação mais dramática”
Declaração proferida pelo ‘miniSTRO’ “supremo” Luis Roberto Barroso

Pergunta-se: qual destes apenados foi julgado sob “o privilégio” da égide do tal ‘domínio do fato’, tese esdrúxula, cujo ineditismo [seletivo!] potencializou as guilhotinas sórdidas e impiedosas do PIGolpista/fascista?!…

EM TEMPOS DE GOLPE JURÍDICO-MIDIÁTICO: quando o *STF voltará a “desengavetar” a Teoria do alemão Claus Roxis?!…
*”supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas! [Portanto] Podemos inferir que, no ‘braZil’, “a corte suprema” é, absolutamente, ÍNFIMA! O que não deixa de ser um risco iminente à nossa subdemocracia de bananas, republicanismo de fachada!…
Lá isso é Justiça, sô?!…

Certo esteve o poeta Manuel Bandeira: *”Vou-me embora para Pasárgada!”…

*http://www.releituras.com/mbandeira_pasargada.asp

Responder

    Messias Franca de Macedo

    26 de junho de 2014 às 13h12

    errata: Claus Roxin

    Responder

Charles Coelho

26 de junho de 2014 às 12h49

É uma pena um pai de família estar na condição onde ele está. fico triste pela família. Mas infelizmente ele fez parte de toda a sujeira, queiram ou não acreditar ou aceitar.
O que fico com mais raiva, é de ver os outros políticos, independente de partidos, não estarem junto com ele. Isso sim é injustiça. O Brasil tinha que começar algum dia a prender os políticos culpados por corrupção. Infelizmente ou felizmente começaram com vocês.
Não julgo o pai, o lutador etc…
Falo pelo bem do país que um dia, quero ver como exemplo de país com menos corrupção, ou pelo menos que puna os que cometeram atos corruptos ou foram coniventes com eles.
Mas não se preocupem, com a bancada atual do STF, é certo a mudança dos julgamentos. Até no máximo depois da eleição, estarão todos “cumpanheiros” soltos, e se bobear, ganhando indenizações pagas por nós, pois eles são uns injustiçados.
Pena da família, mas infelizmente é a justiça, e ela tinha que começar a valer um dia, pelo bem do país e de todos nós.

Responder

    Miguel do Rosário

    26 de junho de 2014 às 12h57

    Melhor se informar melhor. Genoíno apenas assinou um empréstimo ao PT, legal, que foi pago e aprovado pelo TSE. Não corrompeu ninguém.

    Responder

Eduardo Lemos

26 de junho de 2014 às 12h47

Como educar duas crianças, meu filhos, para que acreditem, lutem, vivam a verdade e a bondade? Como? E não conseguia encontrar a resposta . Eu consegui, pra você, Miruna, encontrar a resposta; é só mantê-las afastadas do vovô corruPTO!

Responder

    Miguel do Rosário

    26 de junho de 2014 às 12h58

    Corrompida é sua consciência, meu caro, pelos meios de comunicação. Sinto-lhe informar.

    Responder

      Eduardo Lemos

      26 de junho de 2014 às 13h42

      Placar do julgamento de um corrupto : STF 9 x 1 Cagão do Araguaia !

      Responder

        Odete

        26 de junho de 2014 às 18h54

        O senhor é uma pessoa extremamente desagradável.

        Responder

Jorge Couto E Silva

26 de junho de 2014 às 15h06

Ah essas estatais

Responder

Jorge Couto E Silva

26 de junho de 2014 às 15h05

Em contrapartida marcos valerio recebe conta das estatais

Responder

Jorge Couto E Silva

26 de junho de 2014 às 15h05

Esse contrato de financiamento foi com a agencia de marcos valerio sim fez parte do esquema de corrupçao.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 12h04

“A Direita é implacável! A Direita é desprovida de escrúpulos e de ética! A direita não respeita valores!…”
Por [eterno] presidente Lula – declaração proferida recentemente!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 11h54

Médicos que entregaram cabeça de Genoíno à Barbosa são os mesmos de antes

(…)

Luiz Fernando Junqueira Júnior,

professor de cardiologia da Universidade de Brasília e presidente da junta:
Consegui reunir pouco material sobre sua pessoa, mas obtive indícios do ambiente em que vive. Há uma página no Facebook dedicada à turma Luiz Fernando Junqueira Junior – Medicina UNB.
O administrador é Paulo Machado Ribeiro Junior.
A página de Ribeiro Junior é repleta de acusações contra médicos cubanos, ódio contra o PT, festejos pela prisão dos “mensaleiros”. Essa é a turma do chefe da junta que foi examinar Genoíno.

Cantídio Lima Vieira,

cardiologista e especialista em perícia médica:
Esse aí tem uma história interessante. É um dos “marajás de jaleco” do Senado Federal. Médico do serviço público do Senado, Cantídio Lima Vieira possui clínicas privadas que oferecem serviços aos… senadores. Denúncia da *Istoé foi logo abafada.
Trecho da matéria: “Duas unidades médicas dos funcionários operam no Sudoeste, outro bairro nobre de Brasília. Uma delas pertence ao médico Cantídio Lima Vieira (foto). Ele tem participação em mais quatro clínicas. Duas delas, a Policlínica Planalto e a Cordis são prestadoras de serviço da mesma associação de médicos contratada pelo Senado.”

*http://www.istoe.com.br/reportagens/256069_MARAJAS+DE+JALECO

***

Fernando Antibas Atik,

especialista em cirurgia cardiovascular:
Fernando Atik tem um Twitter, no qual tem 16 seguidores e segue 33 arrobas. Destas 33, as únicas fontes de informação são Jornal Nacional, Globo, G1, Globonews, CBN, Veja e Conselho Federal de Medicina. Seus últimos 2 tweets aconteceram no dia 16 de novembro, quando respondeu a uma pergunta da Veja a seus leitores:

Alexandre Visconti Brick, professor de cirurgia cardiovascular:

Esse aí tem um histórico legal. Ganhou o título de cidadão honorário de Brasília por indicação do deputado distrital Junior Brunelli. Brunelli é o deputado da “oração da propina”, religioso exemplar.

Hilda Maria Benevides da Silva de Arruda,

a mais nova e tem atuação mais discreta. Como a maior parte dos médicos brasileiros, odeia o programa Mais Médicos. E faz questão de deixar isso bem claro em sua página no Facebook.

(…)

Por jornalista Miguel do Rosário

FONTE: https://www.ocafezinho.com/2013/11/27/barbosa-contratou-medicos-antipaticos-ao-pt-para-tratar-do-caso-genoino/#sthash.5aLf4GvA.dpuf

Responder

Marcus Rogeres

26 de junho de 2014 às 13h24

lugar de bandido é na cadeia

Responder

    Leonardo

    26 de junho de 2014 às 11h35

    É verdade, Marcus, Genoíno roubou ou ajudou a roubar a tua privacidade nos aeroportos, naas universidades, nos shoppings. Genoíno ajudou a “roubar” dos patrões, a redução da jornada de trabalho para 44 horas na Constituinte, “roubou” deles para que você pudesse ter o abono de 33% do seu salário base quando você tira férias (o Serra votou contra ou se omitiu); Genoíno foi realmente um “bandido”, pois além disso, sempre esteve ao lado dos trabalhadores enquanto que os patrões (globo, psdb e dem) estavam sendo “roubados” do seu direito de explorar o povo.

    Tá certo, Marcus. Você deve ser um grande empresário que tem que pagar esses malditos 33% do salário para cada trabalhador seu que tem a “moleza” de tirar férias e de trabalhar 44 horas semanais; aquele que acha que paga muitos impostos, mas que está sempre enriquecendo (quero isso também!); ou quem sabe, você seja um dos grandes sonegadores que acham que impostos não são para se fazer justiça social, mas que acham que são roubados pelos “Genoínos” da vida.

    Tem razão, Marcus! Como grande empresário, latifundiário ou milionário (que nunca expropiou a força de trabalho de ninguém, como todo capitalista, não é mesmo?) pensa que Genoíno é um bandido.
    … mas só um detalhe, Marcus, se você não for nada disso, meu caro, sinto informar que você é mais um coxinha “antenado” nas ondas da “matrix” do pig, o qual repete tudo e ainda recheado com o ódio oriundo do seu egoísmo e pequenez.

    Responder

Danilo Rocha Furst

26 de junho de 2014 às 13h17

Infelizmente com muito pesar tenho de admitir que a decisão do Ministro Barroso foi acertada no sentido de que o Genoino não está acima de outras centenas de presos senão milhares que estão com graves problemas de saúde. Justiça de fato seria que todos esses detentos tivessem direito a prisão domiciliar incluo ai o Genuíno.

Responder

Maria Luiza Sitya

26 de junho de 2014 às 13h03

Jorge Couto E Silva, o Genoíno não assinou nenhum contrato com o Marcos Valério, ele foi condenado por assinar, como presidente do PT, um empréstimo obtido pelo partido junto ao Banco Rural. E, diga-se de passagem, este empréstimo foi pago. Informe-se.

Responder

Marina

26 de junho de 2014 às 09h58

Barroso ao manter Genoíno preso sob o argumento de há centenas de outros presos na mesma condição ou pior, instituiu a pena de morte no Brasil. Antes sabia-se pela boca pequena que a prisão era, em muitos casos, a morada da injustiça. Agora ao vivo e a cores um ministro do supremo anunciar a existência de centenas de presos aguardando a morte na prisão e faz uso disso para justificar a manutenção de Genoíno na prisão. Uma covardia sem tamanho, mesmo porque ele sabe que Genoíno é inocente.

Responder

    Messias Franca de Macedo

    26 de junho de 2014 às 10h22

    “…mesmo porque ele [o ‘miniSTRO’ Barroso – adendo nosso!] sabe que o Genoíno é inocente.”

    Por Marina

    Prezada Marina, parabéns pela sua análise lapidar – e acachapante!

    Felicidades!

    Respeitosamente,

    Messias Franca de Macedo
    Feira de Santana, Bahia
    República de ‘Nois’ Bananas

    Responder

O Cafezinho

26 de junho de 2014 às 12h50

Jorge Couto E Silva esse contrato assinado por Genoino, foi pago pelo PT, e aceito pelo TSE.

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 09h48

… ‘E TUDO ACABOU NA QUARTA-FEIRA’ [do miniSTRO “supremo”] Barroso! Por Miruna Genoino

“Mas na verdade não tenho raiva dele não, ou ao menos não totalmente. Tenho raiva de todos aqueles que em maior ou menor medida contribuíram para que essa decisão de hoje fosse tomada de forma tão vergonhosa.
Tenho raiva do cara, sim, ele, que foi construindo essa trama de mentiras ao redor da sua doença. Tenho raiva dos médicos de laudos, que contrariaram seus necessários princípios éticos e deturparam a sua condição de saúde. Tenho raiva da imprensa, que mesmo tendo ficado na porta do hospital, vendo boletins médicos e sabendo de tudo, foi colocando as notícias de forma a criar a dúvida sobre o que você tem. Tenho raiva dos covardes da câmara, que não quiseram dar o que era seu de direito, por medo, por covardia por pura injustiça. Tenho raiva de todas as
pessoas que poderiam ter feito algo para que a verdade aparecesse e não fizeram, preferiram olhar para o lado. Tenho muita, muita raiva.”

Prezada Miruna Genoino,

a história do seu egrégio pai orgulha a todos e todas nós que lutam pela decência, pela democracia, pela ética… A VERDADE VOS LIBERTARÁ! Paciência e resignação!

“Eu não odeio os homens maus: apenas, os desprezo!” Arthur Schopenhauer

Messias Franca de Macedo
BRASIL – em homenagem à honrada e valorosa família Genoino!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 09h38

… É esse o ‘padrão FIFA’ da nossa *”corte suprema”!…

*”supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas! [Portanto] Podemos inferir que, no ‘braZil’, “a corte suprema” é, absolutamente, ÍNFIMA! O que não deixa de ser um risco iminente à nossa subdemocracia de bananas, republicanismo de fachada!…

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 09h25

EM TEMPO: entre outros muitos, faltou incluir o MÉDICO MONSTRO ESTUPRADOR DO NOME DIFÍCIL!…

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 09h23

… ‘As vozes da ruas’ perguntam para o Barroso e os demais “supremos”: em qual regime carcerário estão cumprindo pena os ilibados (sic) Robson Marinho, Paulo Maluf, Daniel Dantas, José Roberto Arruda, Carlinhos Cachoeira, DEMÓstenes Torres, Eduardo Azeredo?!… São pacientes acometidos de cardiopatia gravíssima, e, portanto, cumprem “as penas” em regime de UTI hospitalar?!…

RESCALDO: no, ‘brazil’, “a corte suprema” é, absolutamente, ÍNFIMA!

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 09h21

… Verdade: se o ministro Barroso fosse um verdadeiro humanista, teria aproveitado a oportunidade díspar, para provocar, concretamente, a uma revisão da Lei concernente à prisão domiciliar! Ganhariam a civilidade, a Justiça, os condenados, o STF e o ministro Luiz Roberto Barroso! Mesmo porque manter a injustiça em nome da logística é, no mínimo, um contrassenso! Ou a prisão domiciliar é mais onerosa e dispendiosa para o Estado em comparado ao encarceramento em Unidades Prisionais?!…

Oremos: por todos ‘nois’!

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia
República de ‘Nois’ Bananas

Responder

Messias Franca de Macedo

26 de junho de 2014 às 09h19

… E se o réu fosse um da Casa Grande?!…

Exceção
foi a farsa
do MENTIRÃO!…

Força, resignação e paciência José Genoino Neto [do Brasil]!

Messias Franca de Macedo
Feira de Santana, Bahia
República de ‘Nois’ Bananas

Responder

Vitor

26 de junho de 2014 às 09h15

Miguel, acho que o site está com problemas… Meu comentário sumiu…

Responder

Elton Fernandes

26 de junho de 2014 às 11h13

O medico dele disse que “seria mais adequado a prisão domiciliar”. Neste aspecto, vale para ele ou qualquer preso. Lamento. Sem essa de julgamento político.

Responder

Elton Fernandes

26 de junho de 2014 às 11h13

O medico dele disse que “seria mais adequado a prisão domiciliar”. Neste aspecto, vale para ele ou qualquer preso. Lamento. Sem essa de julgamento político.

Responder

Elton Fernandes

26 de junho de 2014 às 11h12

Não é fácil para ela como filha, claro, mas a decisão parece ACERTADA. Nem o medico particular dele justificou adequadamente o pedido.

Responder

Elton Fernandes

26 de junho de 2014 às 11h12

Não é fácil para ela como filha, claro, mas a decisão parece ACERTADA. Nem o medico particular dele justificou adequadamente o pedido.

Responder

Cida Jube

26 de junho de 2014 às 11h08

Força guerreira Miruna, infelizmente a mídia calhorda ainda tem muito poder sobre o STF, até para cumprir o que determina a Constituição ele têm que sacrificar alguém para aplacar a sede de sangue desse monstro que dominou o Brasil.

Responder

Cida Jube

26 de junho de 2014 às 11h08

Força guerreira Miruna, infelizmente a mídia calhorda ainda tem muito poder sobre o STF, até para cumprir o que determina a Constituição ele têm que sacrificar alguém para aplacar a sede de sangue desse monstro que dominou o Brasil.

Responder

Miguel Cerqueira

26 de junho de 2014 às 07h08

O preço a pagar pelos bons e politicamente corretos, que se interessam pelo desenvolvimento social, muitas das vezes é muito caro, porque os que detêm interesses já enraizados, ao se deparar com uma força de mudança, relutam em não querer sair e não se deixam arrancar.
Mas essas raízes prejudiciais à nação estão se enfraquecendo e a liberdade virá ainda que tardia. Vocês estão muito bem politicamente e terão um lugar de destaque na vida pública desse país.
A vitória está se aproximando.
Muitos são os exemplos dos que sofreram e que depois foram vitoriosos, saindo da condição de perseguidos para o comando da situação.
Não é fácil, o preço a pagar é alto, mas é assim que se faz a mudança, persistindo e nunca perdendo a esperança.
26/06/2014.

Responder

Henrique

26 de junho de 2014 às 02h13

Entregue a Deus, moça.Aqui, com os homens, nada mais resta a fazer.

Responder

Diego Rafael

26 de junho de 2014 às 04h30

Paciência, calma e fé, Genoino… Agosto chega em breve.

Responder

Beto Mafra

26 de junho de 2014 às 04h26

Os que ainda se indignam com a injustiça hoje tiveram um dia de cão.
A negação da prisão domiciliar ao Genoíno e a “complacência” dos ministros em “permitir” o direito ao trabalho do Zé Dirceu.
Permanece de pé a farsa que deu origem a esse linchamento.
E alguns até se sentem aliviados…

Responder

Livia Vieira

26 de junho de 2014 às 04h23

*_* Deus lhe dê força e fé, Miruna.. Estarei orando por vocês! Sinto muito! <3

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador de Minas Gerais O Xadrez para Governador de São Paulo O Xadrez para Governador do Rio de Janeiro Novo Presidente da PETROBRAS defende preços altos Cadê o churrasco do povo, Bolsonaro? Preço explodiu! Conservadores? A atual juventude brasileira O Indulto sem Graça de Bolsonaro Os Principais Eleitores de Lula Os Principais Eleitores de Ciro Gomes Os Principais Eleitores de Bolsonaro