Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Brasília - O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, o ex-presidente da Fernando Henrique Cardoso, e governadores tucanos em reunião na sede da Executiva Nacional do PSDB (Valter Campanato/Agência Brasil)

Após pesquisas, Aécio desiste de tocar fogo no circo

Por Redação

12 de fevereiro de 2016 : 13h09

“Pautada em pesquisas que apontam a necessidade de ter uma postura mais propositiva do que a de tocar fogo no circo, a oposição lança seu novo discurso, com o qual pretende atravessar 2016; o presidente do PSDB, Aécio Neves, procurou o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), e pediu um conselhão de senadores para discutir e elaborar uma pauta legislativa consistente”, afirma o colunista Ilimar Franco; Renan teria acolhido a ideia e chamou os parlamentares para um encontro na próxima terça-feira

no Brasil 247

Pautada em pesquisas que apontam a necessidade de ter uma postura mais propositiva do que a de tocar fogo no circo, a oposição lança seu novo discurso, com o qual pretende atravessar 2016. Segundo o colunista Ilimar Franco, o presidente do PSDB, Aécio Neves, procurou o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), e pediu um conselhão de senadores para discutir e elaborar uma pauta legislativa consistente.

O presidente Renan Calheiros acolheu a ideia de Aécio e chamou os parlamentares para um encontro na próxima terça-feira (16), quando tentará traçar uma agenda que ganhe a simpatia de senadores governistas e opositores.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Norma De Mello Massa

20 de abril de 2016 às 14h33

PELA DEFESA DE NOSSO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO! FORA DISSO, TUDO É GOLPE!

Responder

Enio

13 de fevereiro de 2016 às 20h28

Seu Boneco manda lembranças ao Alkimin:
“Ligadão nas quebradas, chefia, mas… que hora é a merenda?”

Responder

Túlio Almeida

13 de fevereiro de 2016 às 11h29

Pra não esquecer a motivação do caos.
Querem voltar para poderem roubar a vontade. No fundo de tudo isso (golpe na democracia) se acha petróleo, no fundo do pré-sal. A grande motivação para desestabilizar o governo é o petróleo, então vão agredindo a coluna vertebral do país: A PETROBRAS. O “mercado” tem fome e a fome é tanta que nossos traidores não se importam de entregar nossas riquezas e nem mesmo nossa DEMOCRACIA por migalhas. O petróleo no contexto atual é de imprescindível importância ao país. O meta é o pré-sal, depois o restante. Petróleo é uma “commodity” finita, a desvalorização mundial é temporária e está atendendo interesses geopolíticos, esse preço baixo é artificial e não se manterá por muito tempo, mas que o manterão para enfraquecer os emergentes, ah isso eles tentarão, os grandes oligopólios estão se alinhando para derrubar os mercados emergentes.
https://www.youtube.com/watch?v=p3fE8ue0ViY Aqui não falam do Brasil por omissão, mas o interesse é claro.
A rede globo junto com o “mercado” externo tenta desvalorizar nossos recursos naturais para retirá-los das mãos dos brasileiros:
https://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/210379/Para-Globo-'bilhete-premiado-de-Lula'-pr%C3%A9-sal-%C3%A9-in%C3%BAtil.htm

Responder

Thila

12 de fevereiro de 2016 às 14h23

Eu não acredito nisso. Vão se reunir para tramar.

Responder

Mauricio Gomes

12 de fevereiro de 2016 às 14h16

Essa foto não seria uma prova de formação de quadrilha?

Responder

Deixe um comentário