O Cafezinho

terça-feira

12

dezembro 2017

6

COMENTÁRIOS

Dos EUA, Gilmar lança nova ameaça contra a soberania popular

Escrito por , Postado em Redação

Gilmar é inacreditável.

Não falou nada das viagens de João Dória, prefeito de São Paulo, e agora fala das viagens de Lula, que não exerce nenhum cargo?

A própria comparação com Bolsonaro é descabida. Bolsonaro é deputado federal. Lula é só um cidadão.

Abuso de poder econômico?

O governo Temer, aprovado por menos de 3%, está despejando centenas de milhões de reais na grande imprensa governista e conservadora, para fazer propaganda de reformas rejeitadas pela população.

Isso sim é abuso de poder econômico!

Essa imprensa governista é contra Lula e a favor do PSDB.

Isso sim é abuso de poder econômico!

Temer acaba de nomear ex-mulher de Gilmar para uma sinecura em Itaipu.

Isso sim é abuso de poder econômico!

As caravanas de Lula são financiadas, com grande dificuldade, pelo partido dos trabalhadores.

Quem financiou as viagens de ministros do STF, incluindo a de Gilmar Mendes, ao Wilson Center, think tank da CIA?

***

No Jornal GGN

Gilmar agora diz que pode cassar Lula por abuso de poder na campanha

TER, 12/12/2017 – 09:55
Foto: Agência Brasil

Jornal GGN – Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal e presidente do Tribunal Superior Eleitoral, disse na segunda (11) que Lula, se eleito, pode vir a ser cassado não apenas por questões envolvendo a legalidade de seu registro de campanha, mas também por alguma denúncia de abuso de poder econômico.

Antecipando um eventual terceiro turno – da mesma forma que ocorreu quando da reeleição de Dilma Rousseff – Gilmar disse que será preciso apurar quem anda financiando as caravanas e outras agendas públicas de Lula.

“Há estruturas aí que já passam da linha, jatinhos, deslocamentos de caravanas, ônibus, reunião organizada de pessoas e tudo mais. Tudo isso precisa ser avaliado. Acho que esse vai ser o tema do tribunal já em fevereiro”, comentou.

O mesmo serviria para o deputado federal Jair Bolsonaro, que tem feito até viagens internacionais.

“Aqui não há só essa pergunta sobre a legalidade. Quem está financiando? Isso pode levar ao reconhecimento de abuso de poder econômico, que pode levar à própria cassação do diploma. É preciso ter muito cuidado com isso. Mas isso está sendo registrado, embora nós tenhamos evitado –eu fui voto vencido– a aplicação de uma sanção”, disse.

Gilmar fez referência a uma ação rejeitada pelo TSE que cobrava medidas contra a antecipação de campanha por parte de Lula e Bolsonaro.

Os comentários de Gilmar foram feitos durante sua passagem por Washington, para assinatura de um convênio com a Organização dos Estados Americanos, para que a instituição acompanhe as eleições de 2018 no Brasil. Segundo reportagem da Folha, a OEA deve “conhecer melhor o sistema brasileiro e apresentar contribuições para o seu aperfeiçoamento.

terça-feira

12

dezembro 2017

6

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 COMENTÁRIOS

  1. Luiz Gonzaga
  2. Gustavo Horta
  3. Luiz
    • Eloiza Augusta
  4. Mar
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com