Entrevista de Lula à Revista Forum

O grito dos argentinos contra Macri

Por Tulio Ribeiro

02 de março de 2019 : 14h25

Os argentinos soltaram um grito de sofrimento pelos anos Macri. Nem mesmo a histórica condição de país com melhor índice de desenvolvimento humano da América do Sul se sustentou ao se confrontar com o paradigma do governo e o extremo liberalismo do presidente.

A atual administração devolveu o país aos anos noventa, endividada e sem a soberania, hipotecada ao FMI. Os ‘tarifaços’ e a dolarização fizeram ascender a lucratividade das companhias que adquiriram as empresas estatais subvalorizadas . O dólar de 9 pesos ascendeu ao patamar dos 40, enquanto a inflação ao nível de 50%, em subida. Esta engenharia financeira serviu para solapar os salários sem defesa de correção equivalente, golpeando o poder de compra e empobrecendo ‘los hermanos’, que lutam para pagar o aluguel e manter os filhos na escola.

Maurício Macri sorri ao capital financeiro, enquanto envolvido em corrupção com seu primo Calcaterra acumula dólares no Panamá. Mais do que uma história triste, é uma” película” de terror, assassinando o maravilhoso cinema argentino.

Mas enfim, o barulho na praça! O protesto noturno avança pela décima sexta-feria. O protesto nos portões da Casa Rosada, sede do governo, trás um grito contido pelo sofrimento crescente de cada dia.

No que concerne sua condição , os argentinos não aguentam mais descer a ladeira, dentre os aspectos que podem servir como exemplos, os consecutivos aumento das tarifas e políticas de ajuste. É um jogo de perde-perde que não combina com a coragem platina.

Foi neste sentido que cantos ecoaram chegando à Plaza de Mayo. O barulho carregado por milhares de pessoas que não aceitam mais trabalhar para comer, e viver do modo que os financistas permitem.

O novo “ruidazo nacional” contra as políticas econômicas do governo de Cambiemos tomou a capital do país. O protesto foi repetido em diferentes bairros e outras cidades além de Buenos Aires, tomou a forma de uma resposta ao discurso do Presidente Mauricio Macri perante o Congresso durante a abertura das sessões ordinárias. Um discurso antinacionalista, que vende a pátria e hipoteca o futuro dos argentinos as decisões dos EUA e União Europeia, representando seu banqueiros.
O sangue latino e o peso do sofrimento não permitiu esperar pela convocatória das 20 horas, desde 18:30, organizações políticas, sociais e sindicais e setores mais vulneráveis começaram a se concentrar em frente à Casa Rosada com cartazes e bandeiras argentinas. O dia foi entendido como como um basta contundente das falsas conquistas do governo. Alardeadas por Macri na Assembléia Legislativa, soou como um falácia enorme pra quem se elegeu com a proposta de saber administrar. Quebrou o país e mata, a cada dia, mais argentinos de fome, de desespero, o que não combinam com sua história de lutas.

“As bandeiras de lutas eram muitas diante da destruição do Estado, da cadeia social. Médicos reclamavam da condição da saúde, professores contra os planos recorrentes de demissões . Ouvir Macri discursar é lidar com uma imensa força provocativa ao trabalhador e a massa de desempregados. Seu mundo não existe para o argentino comum, a livre circulação de moedas permitiu os grandes grupos depois de privatizarem o país á preços aviltados, alcançar grandes lucros e por fim, escoar o capital que serviria ao desenvolvimento.

Em verdade, a imensa fortuna de Macri e dos financistas precisa ser repatriada para beneficiar os argentinos, e além disso ele precisa sair na eleição de 2019. Deste modo que vençam os argentinos, para reconstruir toda grandeza de sua valorosa nação.

Tulio Ribeiro

Túlio Ribeiro é graduado em Ciências econômicas pela UFBA,pós graduado em História Contemporânea pela IUPERJ,Mestre em História Social pela USS-RJ e doutorando em ¨Ciências para Desarrollo Estrategico¨ pela UBV de Caracas -Venezuela

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

61 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Heitor

05 de março de 2019 às 09h43

Quem se da bem no liberalismo são os filhos e filhas dos banqueiros.
Anota aí: é o que vai acontecer com o Brasil. Quebrar. E depois de quebrar o Brasil vão jogar a culpa no PT, LULA E DILMA.
A turma lesa a pátria vende empresas públicas por ninharia. Afinal, a empresa não é deles ou da família deles. Vende por ninharia e leva um belo troco por baixo dos panos. Todos deixaram o governo ricos. Tem uns que roubam até o leite das criancinhas. Muitos são capez disso.
Bom é ser ladrão rico e de direita que pode roubar sem ninguém nunca incomoda-lo.
Tinha que por todos no paredão e fuzilar.

Responder

Nelson

05 de março de 2019 às 01h35

Ainda que estejamos rodeados de tantos absurdos e de tanta merda, é Carnaval e devemos abrir algum espaço, pelo menos, para o riso, para uma boa gargalhada.
Então, lá vai. Tem gente que não vai gostar, mas, é Carnaval.

S-E-N-S-A-C-I-O-N-A-L !

Quando Deus fez o mundo, para que os homens prosperassem decidiu dar-lhes apenas duas virtudes.

Assim:
– Aos Suíços, os fez estudiosos e respeitadores da lei.

– Aos Ingleses, organizados e pontuais..

– Aos Japoneses, trabalhadores e disciplinados.

– Aos Italianos, alegres e românticos.

– Aos Franceses, cultos e finos.

– Aos Brasileiros, inteligentes, honestos e seguidores de Bolsonaro.

O anjo anotou, mas logo em seguida, cheio de humildade e de medo, indagou:

– Senhor, a todos os povos do mundo foram dadas duas virtudes, porém,

aos brasileiros foram dadas três! Isto não os fará soberbos em relação aos demais povos da terra?

– Muito bem observado, bom anjo! exclamou o Senhor.

– Isto é verdade!

– Porém, saiba que os brasileiros, povo do meu coração, jamais poderão utilizar mais de duas simultaneamente, somente duas como os demais povos.

– Assim, o brasileiro que for seguidor de Bolsonaro e honesto, não pode ser inteligente.

– O que for seguidor de Bolsonaro e inteligente, não pode ser honesto.

– E o que for inteligente e honesto, não pode ser seguidor de Bolsonaro.!!!!!!

Palavras do Senhor !!!

kkkkkkkkkkkkkkkk

Responder

Sergio Araujo

04 de março de 2019 às 09h43

Falando em Cuba…os carrapatos vermelhos esqueceram de lembrar que todas as vagas do programa mais medicos foram fechadas por medicos brasileiros que receberào integralmente o salario.

O Brasil parou de escravizar os medicos cubanos (que infelizmente continuam escravos mas pelo menos perto das familias) e de financiar a familia Castro e sucessores.

Responder

    Alan Cepile

    04 de março de 2019 às 11h16

    Tão verdade como a mamadeira de piroca da bozofamily….

    Tenho amigos médicos que estão no programa, falta médicos em tudo quanto é lugar, além das desistências, que são altíssimas. Meus amigos que querem ficar no programa mudam de cidade a cada mês para ficarem cada vez mais próximos de casa.

    Isso sem contar que os médicos brasileiros não tem, em geral, especialidade em PSF, coisa que os cubanos são os melhores no mundo.

    Responder

      Sergio Araujo

      04 de março de 2019 às 11h30

      Foi comunicado pelo Ministerio da suade, se voce sabe mais ligue là.

      Voce tem plano de saude nào precisa se preocupar com isso.

      Responder

        Alan Cepile

        04 de março de 2019 às 16h43

        Aham, vou ligar sim, fica esperando aí que já te falo

        :-))

        Responder

      Sergio Araujo

      04 de março de 2019 às 11h32

      Sò do Mundo nào por favor, de Marte e Jupiter tambèm !!

      Responder

    ari couto

    04 de março de 2019 às 11h47

    Imbecil, antes de falar bobagem, procure conhecer os fatos
    1) Na semana passada, faltavam 2 mil médicos no programa;
    2) Vc certamente não mora em área atendida pelo programa. Se morasse, veria que os brasileiros, em sua esmagadora maioria, são profissionais jovens, recém formados, com pouquíssima experiência e que entram no programa para fazer currículo, não chegando nem mesmo a completar um ano (este dado é do próprio programa)
    3) Se vc fosse atendido por um cubano entenderia o que é m médico de verdade. Aliás, os profissionais brasileiros deveriam fazer um estágio em Cuba para aprenderem como se cuida de um paciente

    Responder

      Sergio Araujo

      04 de março de 2019 às 12h56

      Imbecil è a puta da sua mae que te pariu pelo cu.

      Responder

Patrick

04 de março de 2019 às 01h58

Anos e anps anos de política populista dá nisso. Afunda o país e deixa o monte de bosta pro Macri limpar. Ai têm que fazer esses malacostumados.
Sim, que patético, cristina cobria parte da conta de luz com dinheiro publico lra fingir que era mais barata. Que coisa de fracassado!!!! Por isso vivem na merda esses argentinos, pq nao largam a teta do estado. A vaca esta magra, pra morrer e eles seguem querendo mamar deitados.

Responder

    ari couto

    04 de março de 2019 às 11h50

    Patrick, vc já pensou em publicar? Que capacidade de síntese! Que estilo! Que profundidade de análise! Depois de você, o mundo não será mais o mesmo. Quem ligará para os Marx ou Weber da vida? Imbecil!

    Responder

    lucio

    04 de março de 2019 às 19h55

    vcs de direita sao assim: se o governo de direita vai mal a culpa é do governo anterior (pode ser tambem 30 anos anterior, kkk), se o governo de direita vai bem o merito é dele.
    ridiculo.

    Responder

Bianca

03 de março de 2019 às 13h29

CFK voltará em breve.
Cuenta con nosotros hermanos!

Responder

    Patrick

    04 de março de 2019 às 02h05

    Bianca, sua tapada… Cristina só volta quando tiver dinheiro pra gastar com pobre pra manter aquele pais medíocre. Se foi o tempo em que a Argentina era uma potencia exportadora. Isso aconteceu antes do peron. Agora estão nadando no xorume deixados pela cristina e pelo nestor. O mesmo que faz todo governo esquerdista, suga ate quase matar e depois tentanvoltar pra matar de novo quando ta tudo funcionando. Vcs são um cancer pro nosso país

    Responder

      ari couto

      04 de março de 2019 às 11h54

      Idiota, pelo menos pesquise um pouco. Quem quebrou a Argentina foi um cidadão chamado Domingo Cavallo. Os Kirschner, pelo contrário, vinham concertando o país, que sofreu inclusive interferência da justiça americana em favor dos fundos abutres.

      Responder

    Alan Cepile

    04 de março de 2019 às 16h49

    Não sei se ela voltará, mas bem provável alguém do mesmo lado dela.

    Responder

Naldo

03 de março de 2019 às 12h38

O caminho é estar nas ruas,parabéns argentinos

Responder

Renata

03 de março de 2019 às 12h35

Os argentinos tem a coragem de enfrentar .
Concordo com o cafezinho

Responder

Nelson

02 de março de 2019 às 22h45

Em setembro de 2016, o eminente economista argentino, Jorge Beinstein, que, infelizmente, nos deixou em janeiro passado, concedia uma esclarecedora entrevista.

Ele fez uma longa análise da conjuntura mundial em que destacou a imensa crise por que passa o sistema sócio-econômico-produtivo em que está mergulhada quase totalidade da humanidade, o capitalismo,

Quase ao final da entrevista, Beinstein fez uma observação que explica toda a ação que vem sendo desenvolvida pelo Sistema de Poder que domina os Estados Unidos na nossa América Latina. Ele afirmou o seguinte:

“Os Estados Unidos, apoiado em certos casos por outras potências ocidentais, destruiu países como o Afeganistão, Iraque, Líbia ou Síria, tenta cercar militarmente a Rússia, afundar a sua economia, está começando a fustigar militarmente a China, encontra-se embarcado na recolonização integral da América Latina à qual reserva um destino mexicano.”

Então, é a isso que estamos assistindo, amigo. O projeto dos EUA está em curso e pretende transformar Brasil, Argentina, Venezuela e os demais países latino-americanos em estados falidos, totalmente dominados de fora. O projeto é nos jogar no mesmo lugar em que foi jogado o México, notadamente após a assinatura do Nafta.

Brasil e Argentina já estão “em boas mãos”, em mãos de quem se dispôs a aplicar, bovinamente, os planos dos EUA, Macri, Temer, e agora Bolsonaro. A Venezuela resiste em seu caminho de soberania. Esta é a razão principal para a pressão brutal, violentíssima que está a sofrer.

Brasil e Argentina não devem mais investir em pesquisa e tecnologia. Devemos nos limitar à exportação de commodities. Indústria de ponta, só serão permitidas nos países ricos, notadamente nos EUA.

O caminho adotado por Temer, de jogar nossas refinarias em grande ociosidade e exportar cada vez mais petróleo cru para os EUA, para depois comprar mais e mais combustíveis de lá, demonstra muito bem isso. Acabar com o nosso parque industrial e a nossa capacidade tecnológica, este é o objetivo.

Na Argentina, eleito Macri, os setores público-estatais de tecnologia avançada passaram a ser deliberadamente inviabilizados, sucateados. Para suprir as necessidades do país, Macri passou a apelar aos EUA e a Israel. Vejamos o que diz o Observatório CyT-CLAE:

“Desde que la alianza neoliberal Cambiemos asumió el gobierno argentino en diciembre del 2015 se produjeron drásticos recortes presupuestarios en todas las áreas relacionadas con la Ciencia y la Tecnología (CyT), con el consiguiente desmantelamiento de las empresas estatales de tecnología nuclear, espacial, agraria, industrial, entre otras, sustituyendo el conocimiento estratégico soberano por contratos con empresas estadounidenses e israelíes.”

Então, amigo, o projeto está claro demais. Será que o povo argentino e o povo brasileiro não vão dar um jeito de se cientificar deste projeto? Será que não vão agir com a devida firmeza na defesa de seu futuro, na defesa de suas nações?

Já passou da hora de uma reação digna de quem realmente tem grande apreço pela terra onde nasceu.

Responder

    LUPE

    03 de março de 2019 às 13h32

    Caro Nelson
    O brilhante Jorge Bernstein era um judeu que se opunha a “eles”,
    por saber que “eles” são o grande Mal
    de toda a HUmnidade,
    e poderão dar causa a uma Terceirona (e definitiva)
    Terceira Guerra Mundial….

    Responder

    CARLOS

    04 de março de 2019 às 02h21

    Seguramente vc não sabe administrar nem o troco do pão. Nao entra na cabecinha de bosta de vcs esquerdopatas que quem banca o pais são investimentos pesados e esse dinheiro vem de grandes empresas privadas e do imposto gerado. Quando esse dinheiro é mal distribuido pra pagar churrasco na lage e bolsa VADIO um dia ele termina, seu saco de lixo. Os investidores vão embora pq nao tem confiança na economia. É muito difícil entender isso??? Quando o estado é inflado ele é caro de manter e tem o apetite de um leão magro de fome. Nada tapa o buraco, a população se acostuma a depender cada vez mais de miserias. Esses pensamentos esquerdistas são destrutivos para humanidade. Vcs NÃO APRENDEM. SÓ SABEM CRITICAR QUEM PROSPERA PQ TEM PREGUIÇA DE FAZER SOZINHOS. VCS SÃO VERDADEIROS CARRAPATOS DA ECONOMIA EMPOBRECIDOS DE VIRTUDES.

    Responder

      ari couto

      04 de março de 2019 às 11h57

      Carlos, vc está bem? Porque não vai para a rua, pula um pouco no carnaval? De repente melhora e deixa de fazer papel de idiota?

      Responder

      lucio

      04 de março de 2019 às 20h02

      carlos,
      entao porqué na era PT os investimentos no brasil quintuplicaram e in termos de IDE o brasil se posicionou no 3° lugar do mundo atras só de china e eua?

      Responder

Paulo

02 de março de 2019 às 21h50

Que o Capitão atente para isso, pois o efeito Orloff parece estar se propagando. Seria a Argentina, hoje, o Brasil amanhã?

Responder

Deocler Maria da Rocha

02 de março de 2019 às 15h16

Papagaio de pirata detetado. E o nosso País, senhor Renato? Está bem? Vai exportar mais “laranjas”? O filme da Argentina, é o mesmo daqui, desde 2016. Já não acha que não “cola mais” Venezuela, Cuba, Venezuela, Cuba. vamos falar dos problemas daqui………………começando pelos corruptos eleitos em 2018, das falcatruas pipocando todos os dias nos noticiários desde 01/01/19…….aff, me cansa falar com alienado.

Responder

Renato

02 de março de 2019 às 14h37

Engraçado, os venezuelanos já estão sem voz de tanto gritar contra Maduro, mas o Cafezinho não dá uma notinha ! a

Responder

    LUPE

    02 de março de 2019 às 15h13

    Caro Renato
    Os ( ) patrões estão atacando e destruindo o Mundo inteiro…
    Brasil, Argentina, França (Macron), Grécia etc. etc.
    e estão por trás do Trump e atrás do petróleo da Venezuela.
    Alguns países entenderam o Mal maligno e
    já retomaram dos ( ) patrões os respectivos bancos centrais e respectivas mídias noticiosas:
    ## A Rússia deu um ponta-pé na b…. dos Rothschild;
    ## A Hungria deu umponta-pé na b….. dos Rothschild
    ## A Polônia está estatizando a Mídia.
    E tem brasileiros lesa pátria sem escrúpulos que trabalham e trabalham para os inimigos…
    em dólares…..

    Responder

      lucio

      02 de março de 2019 às 16h48

      só um pequeno detalhe… na europa é a falsa-esquerda, filha de obama-clinton, que leva para frente os interesses dos patroes.
      parece incrivel mas a direita europeia está a favor de maduro.

      Responder

      Renato

      03 de março de 2019 às 17h35

      Um país quem tinha/tem governos da estatura de Chaves/Maduro não precisa de inimigos externos para destruí-las. Só os trouxas ficam arranjando culpados externos para o fracasso do socialismo bolivariano!

      Responder

        Sergio Araujo

        04 de março de 2019 às 09h37

        Renato,

        a ideologia è sacra para os talibãs vermelhos, a culpa dos fracassos è sempre dos outros.

        Responder

          Alan Cepile

          04 de março de 2019 às 11h18

          Tão sacra quanto ser obrigado a reproduzir slogan do governo.

          Sergio Araujo

          04 de março de 2019 às 11h57

          Si,

          Los Que Queiram Patria Vengan Camigo…vai là !! Kkkk

          Alan Cepile

          04 de março de 2019 às 16h53

          ahhhh! essa de não ter resposta e responder qualquer @#$¨% é mais velha que a privataria tucana rsrsrs

    Alan Cepile

    02 de março de 2019 às 15h13

    Estive na Argentina no final de 2018 e é incrível como há unanimidade do povo contra Macri. Buenos Aires está toda pichada com dizeres contra o governo, e algumas pichações, inclusive, a favor de Nestor Kirchner. Parece que o povo gosta mais dele do que da Cristina.

    É bem verdade que o povo se encheu da Cristina Kirchner, acreditou nas promessas do Macri e hoje se considera traído. Macri disse que assumiria e não aumentaria o custo de vida dos argentinos, porém, logo nos primeiros meses aumentou tudo, o pão aumentou quase 20 vezes e o povo está enfurecido.

    A situação política argentina é bem parecida com a do Brasil, um governo dito popular, porém corrupto, foi perseguido e derrotado por um que se dizia honesto, mas que só queria destruir a concorrência.

    Responder

      LUPE

      02 de março de 2019 às 16h52

      Caro Alan Cepile
      Onde for possível, no Mundo inteiro “eles” estão atacando
      (ver meu comentário ao “Renato” acima).
      Estão atacando as pensões dos aposentados e as escolas públicas nos Estados Unidos, França, Inglaterra….etc.
      Dominam a Grande Mídia em praticamente todos os países do Mundo ocidental.
      Com a Grande Mídia em suas mãos destruíram a reputação e a imagem da Cristina Kirshner. Como fizeram com a Dilma aqui no Brasil.
      Com isso botaram no Poder o Macri para pilhar, saquear a Argentina.
      Como fizeram no Brasil com o anterior presidente e o atual.
      Tudo para pilhar e destruir.
      Nada para construir….

      Responder

    Carlos Eduardo

    02 de março de 2019 às 15h18

    Renato, vc pelo visto não lê nenhuma fonte né? Até portais da direita golpista já reconheceram que Maduro tem o apoio da maioria da população venezuelana, caso contrário ele teria caído nesses últimos 10 dias com a pataquada do Guaidó.

    Responder

      Sérgio Araújo

      02 de março de 2019 às 16h22

      Carlos Eduardo,

      Fidel Castro também teve o apoio da maioria dos cubanos, foi constantemente eleito por 60 anos…e continua com os sucessores.

      Não é ?

      Responder

        Robinson Barbosa Pimentel

        02 de março de 2019 às 18h37

        E lá em Cuba, ninguém morre de fome e nem por falta de assistência médica. Essa é uma verdade que não se pode negar, não é?

        Responder

          ari couto

          02 de março de 2019 às 20h53

          Como se fala contra a Venezuela e contra Cuba simplesmente baseado no que diz nossa mídia. Elogia-se uma sistema eleitoral americano e fala-se contra o Cubano, desconhecendo totalmente a realidade.deste país. Democracia é participação e, neste sentido, Cuba é muito mais democrática do que os USA. O mesmo se diga com relação à Venezuela. Como em Cuba o poder do dinheiro não tem qualquer efeito nas eleições, poucos políticos brasileiros seria escolhidos por lá. E no Brasil onde as fraudes, o que inclui a prisão do Lula, permitiram a chegada do fascismo ao poder? E a compra de votos? Olhe-se o nosso congresso? Quantos participantes originários do mundo do trabalho? Via de regra, quem manda de fato? As mesmas classe sociais, ou seja, latifúndio, banca e burguesia.

          Sergio Araujo

          03 de março de 2019 às 19h05

          Ari Couto,

          Democracia em Cuba com o PArtido unico ?

          Voce è uma pessoa sèria ?

          Edi Passos

          04 de março de 2019 às 11h44

          E que tal a democracia dos “Esteites”, onde o gnomo falastrão e alaranjado foi eleito com dois milhões de votos a menos que a concorrente?! Ou a do “Reino Unido”, governado há sessenta e poucos anos pela mesma pessoa, que por sinal nunca recebeu um voto? Ou ainda da Arábia Saudita, aliado de todas as horas do “mundo livre” e governado por uma família de déspotas estupradores desde 1932?

          Sergio Araujo

          04 de março de 2019 às 12h00

          Edi Passos,

          nào gostou do sistema eleitoral Americano ou de quem ganhou ? Kkkk

          LUPE

          03 de março de 2019 às 17h16

          Caro Robinson
          Deixe-me aproveitar seu perfeito comentário para concluir que
          Cuba é um país pobre
          (por causa da massacrante e impiedosa perseguição/bloqueio econômico dos Estados Unidos).
          Mas, é civilizada.
          Desemprego praticamente zero, índice de criminalidade idem.
          Além das realidades que você mencionou em seu comentário.

          Alexandre

          03 de março de 2019 às 18h42

          Desemprego praticamente zero pagando aquela mixaria que os cubanos recebem é fácil. Quero ver desemprego zero pagando o que os americanos , ou até mesmo os brasileiros , recebem.Queria ver os bundões petistas trabalhando e vivendo com os salários pagos em Cuba !

          lucio

          04 de março de 2019 às 20h12

          alexandre seu ignorante,
          em cuba os salarios sao baixios mas tambem o custo de vida é extremamente baixo, tanto que o pib per capita ppc (paridade de poder de compra) é de 21.000 dolares por ano, bem maior do brasileiro que é de 14.000. o cubano medio é 50% mais rico que o brasileiro medio. numeros do world bank.

          https://d3fy651gv2fhd3.cloudfront.net/charts/cuba-gdp-per-capita-ppp.png?s=cubagdppercapppp&v=201804181529a1&lang=all

          Sergio Araujo

          04 de março de 2019 às 20h34

          Fantastico,

          pareçe que liberaram atè Whattsapp ultimamente em Cuba, podemos mudar pra là em massa agora…uma conquista atàs da outra !! Kkk

          LUPE

          05 de março de 2019 às 01h18

          Caro Alexandre e Sergio Araujo e… outros a serviço no Cafezinho
          Cuba não é este (infelizmente para mim que sou da terra e gosto daqui)
          país de merda que se chama Brasil,
          Brasil País atrasado, primitivo, agora com (criminosos) milicianos entrando em cena com o aval do excelentíssimo presidente.
          Criminalidade pra todo lado, vergonha quando se viaja ao exterior.
          Falta de trabalho para quem nos vem após (filhos, sobrinhos, etc).
          60% na pobreza e na miséria, passando fome,
          mendigos em cada esquina,devastador
          tiroteios logo ali na frente, onde você vai passar de carro (ou a pé….).
          Salário mínimo de fome, de semi escravidão. Prá passar fome sim senhor.
          Enquanto Cuba é pobre
          (devido ao criminoso e avassalador paralisante bloqueio econômico dos EUA)
          mas, é civilizada
          (ninguém passa fome, todos têm emprego, casa financiada a 2% do salário, quando não é própria , etc)

          LUPE

          05 de março de 2019 às 01h38

          Caro Alexandre
          Cuméquié.
          80% (oitenta por cento) na miséria e/ou na pobreza, gente passando fome MESMO.
          Isso é Brasil. País horroroso nestes termos, uma VERGONHA!!!!!!!
          Isto é que você cita como digno de ser citado??

          Renato

          03 de março de 2019 às 18h45

          Os bois criados nas fazendas da Friboi também não morrem de fome e nem por falta de assistência médica !

        Alan Cepile

        03 de março de 2019 às 17h59

        Exatamente!

        Os Castro, por terem o apoio do povo cubano – ATÉ HOJE – é que não cairam.

        Apoio do povo = TUDO!

        Responder

          Sergio Araujo

          03 de março de 2019 às 19h03

          Lupe e Alan,

          vcs sào pessoas sèrias ?

          Alan Cepile

          04 de março de 2019 às 08h38

          Ah eu dou umas risada de vez em quando, quando leio teus “comentários” por exemplo rs.

          Sergio Araujo

          04 de março de 2019 às 09h24

          Alan Cepile,

          acabou de xingar o degas, voce è ridiculo.

          Alan Cepile

          04 de março de 2019 às 11h20

          Nossa, sério??? rs

          Sergio Araujo

          04 de março de 2019 às 11h34

          Sim, um palhaço purinho.

          Roque

          04 de março de 2019 às 09h26

          Lupe e Alan são a mesma pessoa, kkkkkkkk. Estes militontos tem uns dez nomes cada um, eles fazem isto para parecer que tem muito esquerdopatas comentando, kkkkkkk. Na verdade hoje em dia são pouquíssimas pessoas que se sujeitam a prestar este serviço sujo de defender os bandidos da esquerda. São pelegos esfomeados, que se vendem a troco de um PM + SG + CC… (Traduzindo, pão com mortadela + suco de groselha + camisa da cut…. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          Sergio Araujo

          04 de março de 2019 às 09h48

          Roque,

          pelo contrario, sào brancos, ricos de esquerda que vivem dos juros financeiros que os brasileiros pretos, pobres de direitas paga para eles…duvida ?

          Alan Cepile

          04 de março de 2019 às 16h57

          roke e sergio:

          DÉBI & LÓIDE

          Sergio Araujo

          04 de março de 2019 às 17h21

          Alanzinho, Alanzinho…de novo xingando…voce de novo ?

          Alan Cepile

          04 de março de 2019 às 19h32

          Apenas comparando vcs com uma criação da sétima arte.

          Tenho que explicar tudo pra criança….

          LUPE

          05 de março de 2019 às 01h27

          Caro Sergio Araujo
          Nem sei se sou sério.
          Se for sério é ser canalha, traidor da pátria, pago em dólares
          para vir ao Cafesinho trabalhar para os inimigos do Brasil e dos brasileiros,
          achincalhar as matérias, os artigos que expõem
          a malignalidade dos ( ) patrões
          ser lesa pátria , escroto, traidor da pátria,
          ah isso eu não sou.
          Você …………………………………


Deixe uma resposta