Paris Café: O que esperar da classe média para 2022?

Moro e Mandetta abrem diálogo para 2022

Por Redação

03 de março de 2021 : 10h38

O ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta (DEM), e o ex-juiz Sérgio Moro abriram um diálogo visando a eleição presidencial de 2022.

De acordo com O Globo, os dois se reuniram na semana passada para expressarem suas insatisfações com o Governo Bolsonaro.

No momento, a maior infelicidade de Moro são as anulações dos processos da Lava Jato.

Já Mandetta conseguiu se acertar com o presidente Nacional do DEM, ACM Neto, após o imbróglio de Neto com o ex-presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), na eleição para presidência da Câmara.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

ANGELO MARCIO SANTOS SILVA

03 de março de 2021 às 17h24

Quer queira ou não, moro tem sim um grupo de defensores judiciário, globo, alguns alienados….se houver úniao com dem e PSDB, há sim chances claras de ir 2 turno…com poucos votos mas há, considerando que a esquerda tera Ciro X Haddad, dividindo votos……moro perdeu muito desidratar….mas o suficiente para não ir 2 turno….não sei
…essa semana deu Paraná 67 % dizem lava jato foi.boa o.para Pais…..

Responder

James

03 de março de 2021 às 15h05

Espera, deve ter alguma coisa errada com essa notícia. O DEM não fazia parte da grande aliança de esquerda-direita do Ciro?

Responder

Alan C

03 de março de 2021 às 14h13

Esses tem carimbo na testa:

MINISTRO DO BOZO.

Responder

Alexandre Neres

03 de março de 2021 às 11h05

“A base do partido virou uma geleia. ‘Posso estar com Doria, Bolsonaro, Mandetta, Huck ou Ciro’. Daqui a pouco até Lula vai aparecer como cotado para receber o apoio”, disse Mandetta.

Do jeito que as coisas vão até o marreco poderá estar no arco de alianças de Ciro Gomes, depois do bolsonarista ACM Neto nada mais me surpreende.

Responder

    Alex D

    03 de março de 2021 às 14h02

    A lógica da política no Brasil é não ter lógica.

    Responder

Deixe uma resposta