Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Imagem: Agência Brasil

Gilberto Maringoni: Golpe in Progress

Por Redação

22 de janeiro de 2023 : 12h25

Por Gilberto Maringoni

ATÉ A NOITE DA SEGUNDA-FEIRA (16), pode-se contabilizar sete ataques a torres de transmissão de energia no Paraná, São Paulo e Rondônia. Todos aconteceram após o terror fascista de 8 de agosto, em Brasília e nenhum resultou em interrupção no fornecimento de energia. Até aqui, as forças de segurança não têm pistas dos criminosos. Detalhe: nos três estados, Jair Bolsonaro saiu-se vitorioso em 30 de outubro.

Examinando a sequência de atentados, fica difícil entender a destruição das sedes dos três Poderes como uma tentativa clássica de golpe. Vamos combinar que, por mais violentos que fossem as depredações – e mesmo se houvesse GLO, como sugeriu José Múcio ,- dificilmente a extrema direita conseguiria derrubar o governo naquele dia. A reação interna – incluindo as manifestações populares – e externa foi fulminante. Não vai aqui uma subestimação do inimigo, mas a tentativa de entender qual o roteiro desenhado pelo inimigo e suas táticas sediciosas.

PENSANDO ALTO, VAMOS ENUMERAR:

  1. O TERROR EM BRASÍLIA – ao contrário dos golpes de 1964 e 2016 – entre outros pelo mundo – não foi precedido de nenhuma ação política visando ampliar as bases de apoio ao fascismo. Ao contrário, a ação mereceu condenação popular ampla (como mostrou o Datafolha);´
  2. PARECE POUCO CRÍVEL que alguém dê golpe atacando de uma só vez e em bloco os três poderes. Se o golpe visasse derrubar Lula, a direção do ataque principal seria o palácio do Planalto. Ao fazer uma investida atabalhoada às sedes do Executivo, Legislativo e Judiciário, até mesmo um bolsonarista de ocasião, como Arthur Lira, fica obrigado a condenar o terror;
  3. GOLPE SE DÁ A PARTIR DE ALGUM PROJETO, mesmo que tosco. Os golpistas de1964 tinham projeto, os picaretas de 2016 também, idem os que derrubaram Evo Morales em 2019. Agora a meta é colocar os coturnos de volta no planalto, com boquinhas para a família militar, e pedir a volta de Paulo Guedes? Detalhe: apesar do apoio expressivo, foi derrotado nas urnas;
  4. SE CONSIDERARMOS tentativa de golpe o que houve no dia 8, temos de completar o raciocínio e afirmar que ele foi derrotado pela prisão de cerca de 1500 criminosos e que o inimigo está desorganizado.

Neste último item está uma questão chave: não me parece que o ataque tenha sido derrotado. Os mandantes militares, a família militar e as instituições militares estão até aqui limpas. Não se pode cantar vitória quando apenas a arraia miúda e um governador pagarão o pato.

O que parece haver é algo mais sofisticado, um processo ou sequência de agressões muito violentas para produzir um efeito de choque e pavor – shock and awe – para deixar a sociedade em permanentre sobressalto. A cada semana ou quinzena, uma propriedade pública será atacada: um palácio, uma torre de transmissão, uma adutora de água etc, numa dinâmica de geurrilha de desgaste permanente do governo Lula.

Isso não é novo: todo o governo Bolsonarocom sua sucessão de ameaças, chantagens, iniciativas dentro e fora do Congresso se fez no sentido de acabar com qualquer lógica cartesiana de ação política. O objetivo sempre foi o de nos desnortear para se manter na ofensiva. Agora na oposição, os talheres são outros, mas o padrão continua.

É uma espécie de golpe em processo, ou golpe in progress. Que não para por aqui.

O texto não reflete a opinião do Cafezinho, sendo de total responsabilidade do autor

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Paulo

22 de janeiro de 2023 às 23h12

Não sei o que exatamente se entende por “guerrilha”, no texto do articulista, mas guerrilha – no sentido militar – não é para a direita, definitivamente…Qual o precedente histórico? Agora, se há um plano em ação que se desdobrará no tempo o próprio tempo haverá de dizer. Eu acho que a direita bolsonarista foi definitivamente derrotada, em 08/01/2023, pela própria estupidez dos atos praticados. É preciso utilizar essa derrota como ensinamento. Bolsonaro não é e jamais foi solução pra nada. Quiçá seja o princípio da mudança!

Responder

Fanta

22 de janeiro de 2023 às 22h01

Os esquerdoides bananeiros são presunçosos, arrogantes e auto proclamados detentores da democracia.

Tudo que não é governo de esquerda é automaticamente ilegítimo, é “gopi”, é fascismo E asneiras afins…

Responder

WILMAR SOUZA

22 de janeiro de 2023 às 21h41

Gostaria de saber qual foi o golpe de 2016, que o retardado escreveu, em 2016, a Dilmanta foi apeada do poder pelas próprias cagadas dela e da quadrilha chamada PT, aliás, o impeachment dela foi referendado pelo congresso nacional, pelos deputados federais e senadores da República e não houve contestação, então, caro redator de bosta, não houve golpe, golpe é um idiota escrevendo essas bobagens. Mas tudo bem FAZUÉLI, e escreve aí: ESTAMOS SENDO ROUBADOS, DE NOVO …

Responder

Luiz Alberto

22 de janeiro de 2023 às 20h29

Triste ver que tem gente , até aqui, apoiando essa milicada corrupta e entreguista. Subvertem a história e não veem adiante do nariz.

Responder

Tony

22 de janeiro de 2023 às 19h05

Lula sabe muito bem que as asneiras e as mentiras que ele fala para os brasilerios com as forças armadas nao colam.

Lula sabe muito bem que diante as forças armadas é sò fantoche, um canastrao aposentado de quinta categoria.

Responder

Dudu

22 de janeiro de 2023 às 17h56

O pertralhume sabe muito bem que Lula é um pilantra, um criminal puro e também sabem que não há ninguém nas forças aramadas que pula atrás de um carro de som feito mongolóides trocando socos.

Nas forças armadas também sabem muito bem quem livrou Lula da cadeia e o elegeu.

Também sabem que ideologias para retardados mentais nas forças armadas não colam.

Essa esquerda de idiotas faz sucesso entre milhões de carnavaloides analfabetos, nas forças armadas.

Sabem muito bem disso assim como Lula sabe que as conversas fiadas, a retórica bananeira, a hipocrisia rasteira de ele nas forças armadas valem tanto quanto um cocô de pombo.

Os brasileiros vc dobra eles u os compra fácil quando quer,.as forças armadas é mais difícil.

Não é a toa que o sonho de todo esquerdista raiz seria não ter mais as forças armadas no meio dos pés como foi lá atrás quando estragaram a tentativa de imitar Fidel.

Responder

Deixe um comentário