CCJ: Feliciano revela motivo da oposição ter desistido de chamar Dino

‘Obcecado’: Rosangela Moro ataca Gilmar Mendes em rede social

Por Clarice Candido

10 de maio de 2023 : 10h46

A deputada federal Rosangela Moro (União-SP) usou as redes sociais, nesta terça-feira (9), para atacar e repudiar posicionamentos do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes. Para a deputada, o ministro teria uma “obsessão” pelo seu marido, o senador Sérgio Moro.

Pelo Twitter, Rosangela reagiu à entrevista de Gilmar ao Roda Viva, feita na última segunda-feira (8), em que expressou uma fala polêmica sobre o estado de Curitiba. “Curitiba gerou Bolsonaro. Curitiba tem o germe do fascismo. Inclusive todas as práticas que desenvolvem. Investigações a sorrelfa e atípicas. Não precisa dizer mais nada”, afirmou o ministro do STF.

Pelas redes, Gilmar tentou se retratar, alegando que “jamais quis ofender o povo curitibano”. Ainda assim, a fala não repercutiu bem entre os internautas.

Dada a situação, a deputada aproveitou para deixar sua opinião. “Gilmar Mendes, além de ser obcecado pelo meu marido, inaugura uma cruzada contra Curitiba e contra os curitibanos. Eu, como natural dessa terra, repudio sua fala. A República de Curitiba, nas últimas eleições, mandou um recado claro ao Brasil de que não irá desistir da luta contra a corrupção, elegendo Sérgio Moro e Deltan”, declarou Rosangela.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alexandre Neres

11 de maio de 2023 às 02h05

Fico pasmo em ver a pessoa nem saber do que está falando.

Compactua com a perseguição e as injustiças, sim. Seja homem! O pior cego é aquele que não quer ver.

Quando o Presidente Lula foi vítima de lawfare, sofreu condução coercitivo sem ter sido intimado antes. Quando apareciam 300 policiais camuflados para uma busca e apreensão. O que acontece com a reputação de uma pessoa depois disso. Coloca o cara no meio de um PowerPoint, advocacia visual. O capo.

Pimenta nos olhos dos outros é refresco, né? Quando é o retirante nordestino, o operário, o seu desafeto, aí pode atropelar todas as garantias fundamentais e as liberdades democráticas, que todo mundo acha bom.

Não aguento hipocrisia e hipócritas!

serjumorto está simplesmente colhendo o que plantou.

Responder

Paulo

10 de maio de 2023 às 20h19

Moro não tem sede de Poder, nem de dinheiro. Ele acertou na Lava-Jato, errou ao adentrar o Governo Bolsonaro (foi ingênuo, na minha avaliação). Nas eleições ao Senado, ele vestiu a camisa de seu algoz, a quem havia denunciado, para ser eleito e fugir da perseguição política atroz que sofre e ainda vai sofrer. Era uma questão de sobrevivência econômica e até física. Na política, viu seus sonhos desmoronarem e agora se apega a ela por instinto de sobrevivência. Mas alguém observou bem, hoje, na tv, que Lula foi a Portugal e Espanha e assinou acordo de proteção de testemunhas para isentar Tacla Durán e tentar, assim, atingir Moro. Pra mim, isso é desvio de finalidade. A forma como as coisas estão se encaminhando fazem crer que existe uma perseguição bem engendrada da esquerda a Moro e Dallagnol, que querem expungir da vida pública e colocar na cadeia. Essa é a turma da democracia e do respeito ao voto. Dito isto, não votaria em Moro…Não compactuo com a injustiça e a perseguição política – nem com nenhuma outra forma de perseguição, é que a perseguição política sempre aponta para males mais abrangentes…A temporada de caça a Moro e DD está aberta…

Responder

João Ferreira Bastos

10 de maio de 2023 às 14h53

Roubou as criancinhas da APAE.

Meu Deus, as criancinhas da APAE.

Responder

EdsonLuíz.

10 de maio de 2023 às 12h56

Sérgio Moro não é obcecado por dinheiro. Do que Sérgio Moro gosta mesmo é de poder.
▪Como juiz, Sérgio Moro cumpriu como missão um árduo e duro combate à corrupção. Seria mais fácil e lucrativo para ele se corromper junto e se aproveitar de grana de corruptos:: Lula, Odebrecht, Joeslei do boi, etc…

…Mas era o poder de ser o “paladino da justiça que o movia e ele não se corrompeu e, pelo contrário, ele combateu os corruptos.

=> Ato contínuo, seria de se esperar que Sérgio Moro, “paladino” contra a corrupção, tivesse alergia a corruptos e deles mantivesse distância, não é??

Só que não!!!

▪Sérgio Moro viu mais chance de poder em ser político do que em continuar juiz e, para ter mais votos e garantir sucesso eleitoral no Paraná, Estado bolsonarista, Moro se agarrou, se esfregou, noivou e casou com…

…Jair Bolsonaro!

Por quê?
Por poder!

Responder

Mandrake

10 de maio de 2023 às 11h36

Gilmarzinho é um mulo de carga e tem obsessao por Moro, a mesma obsessao que o Careca Nazistoide tem por Bolsonaro.

Responder

Alexandre Neres

10 de maio de 2023 às 11h33

Rosangela Moro é uma vergonha que votou contra a lei proposta desde as eleições por Simone Tebet no sentido de que as mulheres que executem o mesmo trabalho que os homens recebam o mesmo salário. O Presidente Lula acatou a proposta. No Brasil, infelizmente é preciso repisar o óbvio.

Vamos dar nome aos bois das traíras: Moro, Cunha, Kicis, Zambelli e caterva. Os partidos das mulheres que votaram contra os direitos delas próprias também merecem ser expostos: PL, União Brasil, Novo, Cidadania etc. É cringe!

Responder

Patriotário

10 de maio de 2023 às 11h06

Canja de puta !!!!!! Pra casar com uma baranga dessa, tem de ser por interesse, por dinheiro.
Mas já foi falado que o marreco gosta mesmo é de dinheiro…

Responder

Deixe um comentário