Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

O antipetismo, o ódio à discordância e por que voto em Dilma

Por Camilo Árabe

17 de outubro de 2014 : 14h13

17.10 - Pablo


O escritor e crítico de cinema, Pablo Villaça, gravou um ótimo vídeo discutindo o clima de ódio que tomou conta do país, das consequências e explica por qual motivo, como mineiro, não vota em Aécio Neves e, sim, em Dilma.

Pablo, que foi um dos 66 blogueiros processados por Aécio, toca em diversos assuntos da gestão de Aécio em Minas, como a censura, a política de educação e o choque de gestão, que aumentou a dívida pública do estado.

“45 eu não aperto nem no microondas. Pesquisem, essa é a diferença do lado de lá e do lado de cá. Nós podemos dizer isso com toda tranquilidade: vai no google e pesquisa todas as informações. Se você for, você vai ver que eles estão mentindo”

Assista!

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

33 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Aide Silva Lopes

18 de outubro de 2014 às 21h55

a realidade nua e crua.

Responder

Edson

18 de outubro de 2014 às 15h44

VOCÊ DEFENDE ALTERNÂNCIA DE PODERES?
Você votou no Beto Richa e Alvaro Dias?
Em São Paulo Alckmin e Serra?
QUANTA COERÊNCIA NO ARGUMENTO!

Responder

Marina

18 de outubro de 2014 às 11h47

#DILMAIS É 13 !

Responder

Neria Minette

17 de outubro de 2014 às 20h46

Sou petralha, sou Dilma13! !!!!

Responder

Neria Minette

17 de outubro de 2014 às 20h46

Sou petralha, sou Dilma13! !!!!

Responder

SERGIO GOVEA

17 de outubro de 2014 às 16h26

Olá,

Já divulguei o filme do Pablo no meu filme e peço que todos façam filmes, denunciando a imprensa e divulgando os Blogs progressistas.

https://www.youtube.com/watch?v=B_rmT8UN28A

Valeu.

Responder

ViVi Lima

17 de outubro de 2014 às 19h15

#Dilma13]

Responder

Carlos Alberto

17 de outubro de 2014 às 16h14

Parabéns Pablo é isso mesmo eles não aceitam a existência do PT .Continua não te mixa para eles vamos de DILMA e de Tarso aqui no RS.

Responder

Maria Helena

17 de outubro de 2014 às 15h54

A cena num noticiário, na época do fhc(minúsculo mesmo), de um idoso nordestino tentando pegar calango na ruas para alimentar nunca saiu da minha mente.Reportagem muito triste.
Pablo Villaça, você falou tudo que está engasgado na garganta de muitos mineiros que sofreram os desmandos desse dissimulado. Os brasileiros não merecem essa sina.

Responder

Gabriel Paraizo

17 de outubro de 2014 às 18h53

Carol Déda Pablo Alves Moniza Oliveira Larissa Chagas Matheus Ramalho Nathália Mattos Guilherme Silva

Responder

Moab Dos Reis Pereira Starling

17 de outubro de 2014 às 18h30

Dilma13

Responder

Moab Dos Reis Pereira Starling

17 de outubro de 2014 às 18h30

Dilma13

Responder

Maria Flor

17 de outubro de 2014 às 18h19

É assim que também tenho visto o rumo que essa campanha tem tomado. É realmente abominável esse discurso de ódio, que não sabe o que é debater ideologias e nem sequer sabe o que é respeito ao outro, mesmo que esse outro não compartilhe de suas mesmas opiniões. Cada um de nós tem direito a voto e cada voto tem o mesmo valor, igualzinho. Não é porque eu penso diferente de alguém que meu voto vai valer mais ou menos, que eu sou a inteligente e aquele é o burro. Cada um com suas convicções e que se saiba defendê-las sem agredir ninguém. Isso é democracia. E que vença a opção da maioria e que essa opção tenha se baseado em ideologias, que seja pró algo a que acreditem e não simplesmente baseada num discurso de ódio.

Responder

Maria Flor

17 de outubro de 2014 às 18h19

É assim que também tenho visto o rumo que essa campanha tem tomado. É realmente abominável esse discurso de ódio, que não sabe o que é debater ideologias e nem sequer sabe o que é respeito ao outro, mesmo que esse outro não compartilhe de suas mesmas opiniões. Cada um de nós tem direito a voto e cada voto tem o mesmo valor, igualzinho. Não é porque eu penso diferente de alguém que meu voto vai valer mais ou menos, que eu sou a inteligente e aquele é o burro. Cada um com suas convicções e que se saiba defendê-las sem agredir ninguém. Isso é democracia. E que vença a opção da maioria e que essa opção tenha se baseado em ideologias, que seja pró algo a que acreditem e não simplesmente baseada num discurso de ódio.

Responder

Miro Vidal

17 de outubro de 2014 às 17h57

DILMA 13

Responder

Miro Vidal

17 de outubro de 2014 às 17h57

DILMA 13

Responder

José Geraldo Silva Prates

17 de outubro de 2014 às 17h43

Dilma13Dilma 13

Responder

Reginaluz Vitória

17 de outubro de 2014 às 17h43

Dilma 13

Responder

Fabiano S. Netto

17 de outubro de 2014 às 17h42

45

Responder

Fabiano S. Netto

17 de outubro de 2014 às 17h42

45

Responder

Taynah Carvalho

17 de outubro de 2014 às 17h36

Juliana Corvino de Araújo

Responder

Taynah Carvalho

17 de outubro de 2014 às 17h36

Juliana Corvino de Araújo

Responder

Mari Iop

17 de outubro de 2014 às 17h34

#Dilma13

Responder

Mari Iop

17 de outubro de 2014 às 17h34

#Dilma13

Responder

Ludmila Pacheco

17 de outubro de 2014 às 17h32

Muito bom depoimento Pablo Vilaça

Responder

Ludmila Pacheco

17 de outubro de 2014 às 17h32

Muito bom depoimento Pablo Vilaça

Responder

Silvia Martinez Vargas

17 de outubro de 2014 às 17h23

#Dilma13

Responder

Silvia Martinez Vargas

17 de outubro de 2014 às 17h23

#Dilma13

Responder

Joao Daniel de Oliveira

17 de outubro de 2014 às 17h22

AH Ó!

Responder

Joao Daniel de Oliveira

17 de outubro de 2014 às 17h22

AH Ó!

Responder

Lúcia Santos

17 de outubro de 2014 às 17h19

#DILMA13MINAS

Responder

Lúcia Santos

17 de outubro de 2014 às 17h19

#DILMA13MINAS

Responder

José Estanislau Filho

17 de outubro de 2014 às 14h19

Gostei.

Responder

Deixe um comentário