Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Grupo de fascistas invade Universidade de Brasília e agride estudantes

Por Redação

18 de junho de 2016 : 17h21

no twitter do jornalista Georg Marques

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

28 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Pedro Contabeis

20 de junho de 2016 às 21h03

O mais triste é ver esse povo enrolado na bandeira do Brasil, quando na verdade querem acabar com ele. O falso nacionalismo perfeito, típico!!!!!

Responder

Antonio Paschoali

20 de junho de 2016 às 17h28

Grande Merito e responsabilodade total a isso o “NazoFascismo” pertence a #REDEGLOBOGOLPISTA que a mais de 3 anos bombardeia as cabeças manipulaveis do Brasileiro, por isso acho imperativo e temos obrigação Tirar do ar a RedeGlobo (concessão) e tudo que ela veicula, só assim os Brasileiros poderão voltar ao Estado Democratico de Direito.
Por isso o #GolpistaTemer quer tirar a EBC /TVBrasil do ar.

Responder

Roberto

20 de junho de 2016 às 11h36

alunos invadindo a a invasão de alunos!

Nenhum dos grupos foi para estudar!

Responder

timteobatalha

20 de junho de 2016 às 01h32

Isso é provocação!! A imprensa está do lado deles…eles provocam para justificar ataques da justiça, da polícia e do governo golpista contra quem é A FAVOR DA DEMOCRACIA e dos direitos universais!!!
Se reagirem com violência, serão denúnciados feito culpados e eles ganharão fama de heróis!!! Não façam nada…fiquem em silêncio!!! Mesmo que saquem de armas e venham atté mesmo a matar…não façam nada…e então o mundo saberá quem de fato eles são …e sarão lançados no esquecimeto eterno…eles passarão , e nós seguiremos passarinhos!!!!!

Responder

willams will

20 de junho de 2016 às 01h05

A bandeira brasileira não é para fascistas e preconceituosos doentes! Essa Turma de doentes, são perturbados mentais! Uns doidos e subserviente aos caprichos de opinião do Bolsonaro! Mentes psicóticas e perversas com suas falas fascistas! Se todos lutam por uma causa, essa turma do Bolsonaro é a mais estúpida criaturas vis, sua vileza é nojenta, porque eles lutam com dolo de
preconceito. Isso é crime hediondo! Cadeia neles! Qualquer cidadão que se sentir discriminado por eles, deve processá-los por preconceito! Qualquer cidadão que eles agredirem moralmente e fisicamente. Ferrem esses psicopatas perseguidores de gays, pobres, negros e pessoas com ideologia contrária a eles. Coloquem eles na cadeia! Façam campanhas nas redes sociais e os tornem minúsculas e miseráveis criaturas rastejantes do Bolsonaro. Eles desejam os 5 minutos de glória! Cadeia nessas cadelas e nesses fascinaras que as acompanham como bandidos da desordem! É esse tipo de gente que o Bolsonaro espalha. Deputado ordinário e nojento! E eles gritam o nome de Sergio Moro! Ovacionando o ato preconceituoso que está por trás desse juiz.

Responder

    Felipe Gabriel Oliveira

    20 de junho de 2016 às 08h45

    Viva Balsonaro. Criminaliza o MST, revogue a CLT, criminalize o Foro de São Paulo e também o Comunismo e o Socialismo. da Constituição deveria ser revogado e criada outra com pena de morte, prisão perpétua e trabalhos forçados. Os impostos deveriam ser diminuídos, empresas estatais cendidas, o sistema universal de saúde deveria ser abolido é substituído por um 100% privado, bem como a educação também deveria ser privatizada. Menoridade deveria ser reduzida para 8 anos. Viva a extrema direita ultraconservadora.
    O papa Pio XII proibiu o Comunismo para católicos em 1949. Aqueles que desobedecem deveriam ser excomungados, segundo o documento.

    Responder

Maria Thereza G. de Freitas

19 de junho de 2016 às 20h53

Os alunos deviam processar essa pessoas. Pelo menos as que aparecem no vídeo. Pode não dar em nada, considerando a anomalia institucional que vivemos, mas pelo menos vai dar trabalho a eles. Deviam também exigir a troca da empresa que faz a segurança na universidade. Li, em algum blog, que não só não fizeram nada, como riram dos estudantes.

Responder

Claudio

19 de junho de 2016 às 18h42

Eis os frutos de Bosonaro e Moro. A justiça já tem os nomes dos líderes perseguidores de estudantes, trabalhadores, pobres, esquerdistas e classe média. Moro de Torquemada, o inquisidor do Paraná e seu fiel general Jair Bolsonaro Himmler. tudo isso patrocinado pelos O Globo Der Stürmer, seuvlíder Santos com seu editor chefe Julius Streicher Marinho.Pensei que iria morrer sem presenciar a grande perseguição de Diocleciano.

Responder

edumarcondes

19 de junho de 2016 às 12h09

“[…]

Na
primeira noite eles se aproximam
e roubam uma flor
do nosso jardim.
E não dizemos nada…

Responder

Octavio Filho

19 de junho de 2016 às 10h31

Viva a DEMocracia!! Alexandre Frota para reitor da UNB!!! Vamos parar de gastar dinheiro com educação. Educação é coisa de petista. Nas democracias ninguém estudo e não há universidades.

Responder

    willams will

    20 de junho de 2016 às 01h13

    Esse quer a putaria na UNB. Vai à merda, seu fascista cretino! Vai a merda seu preconceituoso! Cara de bosta!

    Responder

      Octavio Filho

      20 de junho de 2016 às 20h35

      Não sabe nem reconhecer uma ironia!! Hein?

      Responder

maria nadiê rodrigues

19 de junho de 2016 às 09h01

O Reitor se pronunciou dizendo ter convocado a PM de imediato e vai pedir séria investigação sobre o que chamou de homofobia e racismo.
Pelo que entendi, a candidatura de Bolsonaro será nesse estilo.

Responder

    Octavio Filho

    19 de junho de 2016 às 10h34

    Ou isto tudo aconteceu muito rápido ou o reitor esperou um pouco (algumas dezenas de horas) para chamar a polícia. Acho que vamos ter que começar a mandar os nossos filhos armados para a escola. Primeiro começam a retirar a merenda. Depois querem acabar com toda a educação. Tenho certeza que naquele grupo tinha eleitores do PSDB.

    Responder

17Abril2016

19 de junho de 2016 às 04h29

D O D I S C U R S O D E O D I O A O A T O D E O D I O. Valeu coxa-golpustaMais um passo rumo ao F A S C I S M O

Responder

    Octavio Filho

    19 de junho de 2016 às 10h35

    Temos que lembrar que foi o Hitler brasileiro, chamado Aécio Never, que começou isto tudo.

    Responder

Helena Yfb

19 de junho de 2016 às 04h16

Tem um abaixo assinado no site da Casa Branca pedindo que os Estados Unidos denunciem o golpe e não reconheçam o governo Temer. Se conseguirmos 100 mil assinaturas até dia 26, eles são obrigados a discutirem o assunto!

https://petitions.whitehouse.gov/petition/us-government-should-publicly-recognize-coup-brazil-and-reject-interim-illegitimate-government

Tem que colocar email válido. Eles mandam um email pra verificar que você é de verdade e que assinou só uma vez.

Responder

Itaguary Poranga

19 de junho de 2016 às 00h20

Esses que gritam pago imposto, pode pode botar a receita atrás… o ministério do Golpista, está cheio de brasileiros com o discurso igual a a essa homofóbica alienada.

Responder

Biana

18 de junho de 2016 às 23h51

Isso parece a ‘” KKK, tupinikim”, quanta apelação. Tentando intimidar estudantes…. que atitude pequena.

“Sou empresária”
– Quem vai querer fechar algum contrato com uma vândala que invade uma faculdade para agredir estudantes ?
– Essa delinquente deve ser empresária do ramo do tráfico humano ou de narcóticos, pois só esse tipo de pessoa não valoriza quem se esforça para vencer pelo estudo.

“pago impostos”
– Todo mundo paga, e os de bebidas alcoólicas e cigarros são realmente caríssimos.

Esse ataque parece mesmo ter sido encomendado, como os dos “Black seiláoquê”

Quantos crimes de uma só vez, completem a lista :
– formação de quadrilha
– invasão
– material explosivo
– agressão física
– desrespeito aos símbolos nacionais
– ….

Responder

    Maria Thereza G. de Freitas

    19 de junho de 2016 às 20h50

    uso de arma exclusiva da polícia

    Responder

CIANOTON_PACE

18 de junho de 2016 às 21h35

Pois é, coxinhada, a casa caiu. Não fiquem envergonhados; faz parte do aprendizado. Não adianta transformar falta de inteligência política em rancor. O melhor a fazer agora é guardar as panelas, esconder a camisa da cbf e ler um livro. Sugiro A Resistência ao Golpe de 2016 – editora Praxis, em todas as livrarias pelo módico valor de R$ 60. #AbaixoOGolpe. #QueHorasElaVolta? Lula2018.

Responder

Arcanjo Mello

18 de junho de 2016 às 20h36

Esses canalhas golpistas estão desesperados. Estão agindo como bichos acuados. São ladroes e saqueadores. Um bando de vagabundos e canalhas corruptos e violentos.

Responder

Antonio Passos

18 de junho de 2016 às 18h32

É preciso reagir, mas dentro da lei e sem exageros. Só não podemos é recuar diante dessa canalhada.

Responder

Robinson Pimentel

18 de junho de 2016 às 18h15

Mas esses estudantes são frouxos mesmo! Porque não juntaram em uns 50 e não deram um pau nesses vagabundos!

Responder

    marlene

    18 de junho de 2016 às 23h05

    Era isso que esses canalhas estavam querendo: confronto com sangue.
    Têm as imagens, se a policia quiser ela chega nos caras. Só tem uma coisa, como é uma instituição federal, é a PF que deverá cuidar do caso.

    Responder

      Avelino Oliveira

      19 de junho de 2016 às 09h10

      Oi Marlene
      E caiu na mão da PF, contra o PT, eles identificam e vão dar medalhas.

      Responder

        Octavio Filho

        19 de junho de 2016 às 10h27

        PatifFaria. As nossas instituições acabaram!

        Responder

        Biana

        19 de junho de 2016 às 23h36

        Foi uma líder bolsonete, ou será rodabolsanera

        Responder

Deixe um comentário