03.04 Coletiva do Ministro da Saúde

Juiz que “fechou” Instituto Lula manda a PF sequestrar 37 funcionários do BNDES

Por Miguel do Rosário

12 de maio de 2017 : 16h13

(Foto: térreo da sede do BNDES, no centro do Rio, agora há pouco. Crédito: um amigo do BNDES)

Recebo relatos de que o mesmo juiz que mandou “fechar” o Instituto Lula, com base num pedido do Ministério Público que nunca existiu, ordenou nesta manhã a condução coercitiva de 37 funcionários do BNDES.

A condução coercitiva, como vem sido aplicada por juízes coxinhas, é expressamente ilegal (até a OAB, apoiadora do golpe, a denuncia como ilegal), porque oposta ao que diz o Código do Processo Penal brasileiro.

Então a gente deve sempre chamá-la pelo nome correto: sequestro.

É uma violência apenas explicável numa ditadura, e visa unicamente produzir terrorismo político, visto que nenhum dos funcionários foi advertido antes, incluindo uma moça de gravidez avançada, que obviamente não poderia sofrer um stress desse tipo.

O corpo de funcionários do BNDES, a maioria dos quais pessoas de classe média, com pensamento comum de classe média, ou seja, conservadores, estão em estado de choque.

É por causa de ações como essa que a ditadura midiático-judicial imposta pelo golpe vem recebendo o repúdio cada vez maior da sociedade brasileira.

Depois os golpistas não entendem porque Lula cresce nas pesquisas e mais de 50 mil pessoas, a despeito de todas as acusações que se fazem ao ex-presidente, foram lhe prestar solidariedade em Curitiba.

A operação coordenada pelo juiz Ricardo Leite, da 10º Vara Federal do Distrito Federal, é mais um desses espetáculos bizarros, como foi a Carne Fraca, e que se tornaram comuns desde a Lava Jato.

Eles retrataram uma burocracia completamente enlouquecida ideologicamente, em especial aqueles que detêm poder jurídico: juízes, procuradores, delegados.

Todos querem ser Sergio Moro. Todos querem ficar famosos e ganhar rios de dinheiro dando palestras nos Estados Unidos.

A operação “Bullish” investiga supostas fraudes em financiamentos para a JBS.

É mais uma ação dos setores burocráticos – provavelmente sem disso ter muita consciência – da estratégia do “capitalismo do desastre”, que parece estar se tornando hegemônica na esfera jurídica-policial do Estado: é preciso destruir tudo.

Luis Roberto Barroso e sua tese de que o judiciário está “refundando o Brasil” é o príncipe desse Estado de Exceção nascido do processo de desestabilização que levou ao impeachment da presidenta Dilma.

Depois da devastação provocada no setor de construção pesada, e dos prejuízos impostos à Petrobrás, a Eletrobrás, ao projeto do submarino nuclear (que, ao que parece, também será destruído por uma sabotagem judicial, com ajuda de procuradores franceses), os novos mandarins estão determinados a ajudar o governo Temer em sua agenda de pôr fim ao BNDES.

O BNDES, é bom lembrar, durante o governo Lula e Dilma, deu lucro, ampliou de maneira formidável o volume de financiamento a projetos nacionais, além de multiplicar em várias vezes o número de beneficiados, abrindo o banco para micro, pequenas e médias empresas.

A primeira medida de Temer, por outro, foi, em plena crise, roubar R$ 100 bilhões do BNDES para fazer uma super-pedalada fiscal, além de paralisar completamente a liberação de novos financiamentos. Outra medida foi aumentar – brutalmente, diga-se de passagem –  os juros do BNDES, o que naturalmente também resulta em queda dos investimentos e, portanto, em mais crise.

Com essa operação da PF, está claro que a paralisia do BNDES vai se agravar, e isso em plena recessão, quando o banco poderia ser usado para destravar crédito e ajudar o Brasil a sair da crise.

Onde os golpistas querem chegar? A crise fiscal cresce a cada dia, junto com o desemprego. O governo não acena com nenhuma medida de estímulo à economia e ao emprego.

A grande mídia apenas oferecer espetáculos judiciais, tratados como circo romanos, sem promover nenhum tipo de debate com economistas de variadas origens sobre saídas possíveis para a crise.

Grande mídia e governo golpista tem apenas uma obsessão: aprovar as reformas antissociais, que, por si só, não garantem um emprego, não representam nenhum estímulo de curto prazo à economia, não apenas porque demorarão ser implementadas, como porque acrescentam uma série de inseguranças jurídicas ao mercado brasileiro.

Os ministros do Supremo não trazem uma palavra de conforto a quantidade crescente de brasileiros, ilustres ou não, que vem denunciando a escalada da violência política, o aumento da repressão policial, a falta de diálogo, a ilegitimidade do governo. Ou seja, os ministros chancelam a invisibilidade de um setor social que, hoje, é maioria do eleitorado (vide a liderança de Lula nas pesquisas), promovida pela grande imprensa.

Miguel do Rosário

Miguel do Rosário é jornalista e editor do blog O Cafezinho. Nasceu em 1975, no Rio de Janeiro, onde vive e trabalha até hoje.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

182 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

maria da consolacao

14 de maio de 2017 às 00h12

Não basta acabar com as políticas desenvolvimentistas do Lula. Tem que acabar até com as de Getúlio.

Responder

Treme Terra

13 de maio de 2017 às 15h37

Canalha. Nós voltaremos. Vai ter troco para essa conta.

Responder

Roberto Machado Cassucci

13 de maio de 2017 às 11h24

Olá! Bom dia a todos os leitores/seguidores deste “O Cafezinho”…

Será que ainda existem pessoas (Normais, medianamente esclarecidas), que duvidem da Urgente Necessidade da implantação da “Lei de Abuso de Autoridade”???

Responder

enganado

13 de maio de 2017 às 10h23

Qual é seu preço???

Responder

Jair Teixeira da Silva

13 de maio de 2017 às 09h50

Voltaram aos tempos da Gestapo???

Responder

Jorge Viana

13 de maio de 2017 às 04h21

E não é que a Lava Jato chegou até a classe média de onde muitos apoiaram o Golpe, talvez acreditando serem inatingíveis! Será que já deu pra sacar que ninguém esta a salvo num Estado de Exceção. Será que já se esqueceram que na Ditadura Civil-Militar de 64 até mesmo a mídia que apoiou o Golpe Militar sofreu intervenção e foi censurada? Como no passado, somente uma Eleição Direta poderá nos restituir ao Estado Democrático de Direito.

Responder

Julia Veiga

13 de maio de 2017 às 01h24

Funcionários concursados sob ataque por todos os lados, reestruturações, transferências, ameaças de demissão para acelerar privatizações (a tal de “demissão voluntária” e perseguição para coagí-los)pagamentos atrasados e agora mais uma novidade: http://maisvisto.com/2017/05/12/urgente-senadora-cria-projeto-de-lei-que-preve-demissao-de-servidores-concursados-em-todo-o-pais-saiba-mais-e-compartilhe/

Responder

Tiago Bevilaqua

13 de maio de 2017 às 04h08

Esse juizecos, mas que ganham extremamente bem, estão convencidos de que tudo podem.

Responder

Estela

13 de maio de 2017 às 00h54

Excelente matéria

Responder

enganado

13 de maio de 2017 às 00h40

Ué!!! O general VILLAS BÔAS disse que o país está a deriva. Disse mais ainda, que o seu pessoal=Tropa de Ocupação está atento as Leis da Constituição, ou seja, não se preocupem que está tudo CERTO. É, é, é, só se for o País dele, pois o meu País=ex BRASIL já acabou há muito tempo, pois a troca de nome já se faz necessária, para dar melhor andamento na entrega ((de graça)) TOTAL do solo e sub-solo aos seus Patrões ANGLO_SIONISTAS. Fiquem calmos, o COVIL só quer Entregar aos ANGLO_SIONISTAS o Banco do BRASIL, Caixa Econômica e BNDES, isto por enquanto. Aguardem as próximas ENTREGAS!!!!___P.S : Novo nome sugerido para este PUTEIRO: estadUS unidUs dUS braZiUSA e Algarve aos USraHell.

Responder

Simone Benatti

13 de maio de 2017 às 02h17

A roubalheira via BNDES é 10 vezes maior que a Petrobras. Vem muita lama por aí!! Aguardem e verão!!

Responder

    Julia Veiga

    13 de maio de 2017 às 01h26

    e a culpa é do funcionalismo, os dos governos federais anteriores à Lula?

    Responder

Iara Almeida

13 de maio de 2017 às 02h00

Ditadura chegando à todo vapor.

Responder

Abdias Martins Filho Souza

13 de maio de 2017 às 01h40

Será que eu ajudo a pagar o instituto lula? E pra que serve mesmo esse instituto é pra benefício próprio?

Responder

Rita Andreata

13 de maio de 2017 às 01h40

Bom mesmo. A verdade nua e crua

Responder

Cida Matos

13 de maio de 2017 às 01h28

Os mortandelas com papelao estao apavorado agora q abril a caixa preta B N S juntou com os marqueiro sera se a marisa vai leva culpa ?

Responder

    Julia Veiga

    13 de maio de 2017 às 01h27

    mortadela, não O PATO. A direita que sempre esteve à frente dos maiores roubos à nação. E agora ainda tiram direitos dos trabalhadores, públicos e particulares, até a armada brasileira está sucateada, além da justiça estar sendo regida por um grupo de serviçais do capital.

    Responder

    Clá

    13 de maio de 2017 às 08h04

    Cida: acho melhor você melhorar o seu português (mal dá para entender o que você quer dizer) antes de acusar “mortandelas” e quaisquer outros. Leia um pouco mais.

    Responder

Rute Fonseca

13 de maio de 2017 às 01h01

Cadê o STF ninguém reage essas loucuras do juizeco parece que tá brincando de juiz.

Responder

Kali Pistelli Lithordi

13 de maio de 2017 às 00h42

Esse país tá que nem madeira velha. Toda carunchada

Responder

Lília Moema Santana

13 de maio de 2017 às 00h32

Phudeu…

Responder

Antonio Cerqueira

13 de maio de 2017 às 00h30

E SEGUE A JUSTIÇA BRASILEIRA, AVACALHADA E EM COMA.

Responder

Edy Ribeiro

13 de maio de 2017 às 00h16

Deve ser um louco

Responder

Leonilda Lucia Amoroso

12 de maio de 2017 às 23h22

Gente, parem de assistir a Globo! Só mentiras! Kkkk

Responder

Leonilda Lucia Amoroso

12 de maio de 2017 às 23h18

Cadê a OAB ? Isso é sequestro! Cadê as leis deste país?!!

Responder

Daniel Dantes

12 de maio de 2017 às 19h51

Não existe conciliação possível entre a Casa Grande e a Senzala no Brasil, diz Mino Carta
http://marcozero.org/nao-ex
Mino acerta em cheio,
“O Lula comete um engano fatal ao achar que a conciliação é sempre possível. A verdade é que a conciliação no Brasil só é possível entre as elites. Uma conciliação que se dá dentro das Casas Grandes ou dentro dos Sobrados, esses lugares fantásticos. Conciliação entre iguais, entre aqueles que se consideram iguais”.
“..Nos conformamos facilmente. Cruzamos os braços diante das maiores barbaridades. O que está acontecendo no Brasil é algo terrível que não se dá em nenhum outro lugar do mundo. Exatamente porque somos fracos, medrosos e achamos que é assim mesmo, que a vida é sofrimento”.

O Brasil tem 9% de Capitães do mato. Coxas da classe mérdia a serviço da Casa Grande em troca da possibilidade remota de virarem donos do Capital.

Responder

    Clá

    12 de maio de 2017 às 21h03

    Daniel Dantes: concordo totalmente com você. Imagine que, diante de uma agressão desmedida que estamos sofrendo por parte do conglomerado Estado+Capital e ainda estamos divididos em categorias.
    Tome como exemplo, Daniel as concessões, na PEC 287. Eu não vejo as concessões como sendo algo bom. Pelo contrário, eu as vejo como um enfraquecimento da nossa luta, como engodo e como vitória do “Postiço”. Elas sempre serão feitas cedendo ao lobby das categorias que têm maior representatividade. Se considerarmos essas categorias em um contexto amplo, pensando no Brasil como um todo, elas englobam uma minoria da população. Por exemplo: os policiais. É uma categoria com grande representatividade, com um lobby muito forte. Mas, considere os policiais em relação ao Brasil como um todo; são minoria. Se os policiais forem contemplados com concessões, o que vai acontecer? Eles se sentirão “menos prejudicados”, sentirão que a pressão que fizeram deu resultado. A concessão, provavelmente, agirá como um fator que diminui a tensão mental interna, o desprazer que eles estavam sentindo e essa diminuição da tensão/desprazer interno, faz com que eles se abstenham da luta. Claro, ué! Eles já conseguiram obter o que queriam! Aqui está o engodo: será que conseguiram mesmo?
    Pense na perfeição do mecanismo do golpe: uma máquina extensa, com engrenagens bem azeitadas, movidas pelas altas voltagens do capitalismo financeiro. Se o “Postiço”(e equipe) estão fazendo concessões é porque estas já integravam uma margem de negociação que nada interfere no bom andamento do mecanismo como um todo. Então, o “Postiço” não está perdendo nada! Ele não está fazendo concessões porque está enfraquecido diante da pressão das ruas ou porque está com medo de não conseguir os votos necessários no plenário. As concessões já estavam lá, muito bem planejadas, exatamente para serem concedidas! E se, ao fazer concessões, o lobby , a pressão sobre o Congresso diminui e facilita a aprovação, então, ponto para o maldito “Postiço” !
    E os policiais, do nosso exemplo? Estes perderão. Perderão a força porque desertarão da luta – que é de uma Nação inteira e não de uma categoria! – , embebidos por uma falsa sensação de bem estar imediato e passageiro. Perderão, sobretudo, porque a reforma da previdência não pode ser pensada de forma isolada das demais peças legislativas que estão sendo aprovadas, e também, das que já foram aprovadas.
    A mídia leva as pessoas a raciocinarem a respeito das concessões na reforma da previdência a partir do modelo das relações de trabalho que existem hoje. Exemplo: “Ah, agora sim, melhorou, se eu posso contribuir x e me aposentar com y, então ok”. Só que esse cálculo torna-se absolutamente inviabilizado quando a reforma da previdência é contextualizada no modelo de relações de trabalho imposto pela reforma trabalhista mais terceirização! Esse é o engodo! É aí que a categoria que acha que foi beneficiada com concessões irá perder, juntamente com uma Nação inteira de pessoas! Se você articular a reforma da previdência, com a reforma trabalhista mais terceirização e inserir essa articulação no contexto da PEC 55 (que pouquíssimas pessoas compreenderam do que se trata), é ainda um outro parâmetro de realidade!
    Sinceramente, acho que precisamos resistir até o último momento; mas tenho para mim que seremos derrotados nessa guerra…e seremos prisioneiros… de guerra.

    Responder

Clá

12 de maio de 2017 às 19h44

O nome da operação – Bullish – é muito sugestivo: Bullish é um termo inglês, derivado da palavra Bull, que significa Touro. O touro é um animal que ataca de baixo para cima. No mercado financeiro, a palavra Bullish é usada para designar a tendência de valorização de preços. Na bolsa de valores, a palavra Bullish é usada para se referir ao crescimento das cotações da generalidade das ações e, portanto, reflete um sentimento de otimismo relativo à evolução de um determinado mercado.
Miguel: Bullish é a posição atual do conglomerado criminoso formado pelo Estado + Capital. É o Estado/Capital que vai atacar o campo social de baixo para cima. Não sobrará pedra sobre pedra. Não estou otimista.

Responder

Marcio Koiki

12 de maio de 2017 às 22h44

Invadir e sequestrar huahuahuahuaha

Responder

Simone Dos Santos

12 de maio de 2017 às 22h28

Depois ainda tem gente que diz que vivemos em uma democracia

Responder

Reginaldo Gomes

12 de maio de 2017 às 19h24

Juiz em surto psicótico, não quer mais julgar crimes, que julgar estratégias de governo!!! Tá na profissão errada . Deve sair dessa profissão , se filiar a um partido , pedir voto pro povo e , se eleito, defender essas ideias.

Responder

Anderson Felipe

12 de maio de 2017 às 22h08

Kkkkkkk pra cima deles! Fora instituto lula! Fora!

Responder

Leninha Arruda

12 de maio de 2017 às 22h06

Uma hora ELES vão achar o que procuram. – HERCÍLIO

Responder

Rodolfo Souza

12 de maio de 2017 às 21h46

o judiciário esta perdido mesmo !!!!

Responder

Humberto Redivo Neto

12 de maio de 2017 às 21h46

Marcos Raymundo

Responder

Gonçalo Jr.

12 de maio de 2017 às 18h40

uiz agora manda invadir e sequestrar, Essa esquerda é um lixo mesmo. Se diz jornalista? Não sabe que quem pede a prisão é o MP ou a PF e o juiz é quem apenas decide após análise de tais pedidos, fundamentados em inquéritos policiais que contém anexos probatórios circunstaciais e PRINCIPALMENTE materiais?

Joga fora o seu diploma meu caro. Você não serve pra isso. Ao invés de agir com independência e imparcialidade, só pelo título do seu texto com as palavras “invadir e sequestrar”, mostra o tipo de profissional tendencioso e principalmente calcado em viés político-ideológico.

Tipos como você são um PESO MORTO na República.

Responder

Gonçalo Jr.

12 de maio de 2017 às 18h39

Juiz agora manda invadir e sequestrar, Essa esquerda é um lixo mesmo. Se diz jornalista? Não sabe que quem pede a prisão é o MP ou a PF e o juiz é quem apenas decide após análise de tais pedidos, fundamentados em inquéritos policiais que contém anexos probatórios circunstaciais e PRINCIPALMENTE materiais?

Joga fora o seu diploma meu caro. Você não serve pra isso. Ao invés de agir com independência e imparcialidade, só pelo título do seu texto com as palavras “invadir e sequestrar”, mostra o tipo de profissional tendencioso e principalmente calcado em viés político-ideológico.

Tipos como você são um PESO MORTO na República.

Responder

Andrea Cristina Marcolino

12 de maio de 2017 às 21h35

Como assim?????

Responder

maria do carmo

12 de maio de 2017 às 18h35

Estou aguardando a moderacao do meu comentario, grata!

Responder

Vera Prates

12 de maio de 2017 às 21h35

Artigo sensacional.

Responder

Maria Celeste Freire Corrêa

12 de maio de 2017 às 21h34

Ana Paula Freire Artaxo, Odenildo Sena

Responder

Maria Celeste Freire Corrêa

12 de maio de 2017 às 21h32

Luiz Carlos de Carvalho, Mário Tarcitano, Claudio Nogueira,

Responder

Maria Celeste Freire Corrêa

12 de maio de 2017 às 21h32

Bepi Cyrino, José Bessa, Denise Mattos Dias, Bolivar Carvalho

Responder

Leda Carlucci Gouveia

12 de maio de 2017 às 21h24

QUE HORROR!

Responder

Eliane Luiza Cardoso

12 de maio de 2017 às 21h13

Deu a louca no judiciário

Responder

Rivera Lisandro Guianze

12 de maio de 2017 às 21h13

Não é de hoje que Barroso flerta com o fascismo.

Responder

Fernando Vidal

12 de maio de 2017 às 21h12

Juiz faz o que quer é a ditadura da toga.

Responder

Railma Carvalho

12 de maio de 2017 às 21h12

Vixe, surtando….

Responder

Gilvanete Rosa de Oliveira

12 de maio de 2017 às 21h00

Quem não deve não teme

Responder

Mozart Zago

12 de maio de 2017 às 20h59

Os loucos tomaram conta…Parece algum filme de comédia dos anos 70…

Responder

Girlene Calado

12 de maio de 2017 às 20h59

Este juiz está se achando!

Responder

Malu Dias

12 de maio de 2017 às 20h55

Brincadeira! ! Parece piada! !!

Responder

Sergio Sena Gonçalves

12 de maio de 2017 às 20h48

Ele deve estar com a “convicção” de que o Lulinha é o dono da Friboi

Responder

Cleiton De Souza Paulo

12 de maio de 2017 às 20h48

#BOLSONARO2018 E PAU NOS VAGABUNDOS

Responder

ben alvez

12 de maio de 2017 às 17h44

Melhor chamar de Bullshit.

Fica mais apropriado.

Responder

Claudio Vacilio

12 de maio de 2017 às 20h40

O pior e que essa guera sera assim mate seu patrão infelizmente o pior e sei que tem algumas pessoas boas como patrões . Isso esta virando só contra os pobres e quem os representam.

Responder

Claudio Vacilio

12 de maio de 2017 às 20h35

Na minha opinião esses caras estão realmente querendo uma guerra civil no nosso pais.

Responder

Vagner Gonçalves

12 de maio de 2017 às 20h35

Chegou no BNDES, agora vai terminar de fuder com o lula!

Responder

Maria Inês da Silva

12 de maio de 2017 às 20h31

Sim, e aí?! QUEM VAI pegar o juiz fascista ????!!!!

Responder

Andrea Prates

12 de maio de 2017 às 20h28

Afff.. interna esse celerado!

Responder

Esther Torinho

12 de maio de 2017 às 17h27

Os golpistas estão levando o país para um buraco cada vez mais fundo.
Está difícil. Um ano com o #ForaTemer e só perdas. Para o país como um todo e para cada um.
Lamentável.

Responder

Rita Silveira Das Neves

12 de maio de 2017 às 20h27

acham que vão achar provas contra Lula, kkkkkk vão achar contra essa quadrilha que usurpou o poder.

Responder

Antonio Normandio Teixeira Antonio

12 de maio de 2017 às 20h25

Por baixo de uma falsa ideologia rola um mar de lama!!!

Responder

Jailde Cavalcanti

12 de maio de 2017 às 20h23

Credo!

Responder

Ana Carolina Ostetto

12 de maio de 2017 às 20h22

Caça as bruxas!

Responder

Joao Barros Guimaraes Filho

12 de maio de 2017 às 20h17

Tudo normal para a policia politica do III Reich….ou seria da SS.

Responder

Alexandre Carvalho

12 de maio de 2017 às 20h17

Mais um moro buscando o amparo da globo?

Responder

Auzelita Crescencio Granjeiro

12 de maio de 2017 às 20h16

Kkkkkkkkkkkk

Responder

Joelma Almeida

12 de maio de 2017 às 20h14

Oxi??? E isso fica assim???

Responder

Sergio Telles

12 de maio de 2017 às 20h14

parabéns pela cobertura Miguel!

Responder

Aparecida Avari

12 de maio de 2017 às 20h13

A PODRIDÃO DO JUDICIÁRIO BRASILEIRO ESTÁ A CADA DIA MAIS ENTERRANDO O BRASIL EM UM MAR DE LAMA CORRUPTA. ACORDA BRASIL ACORDA POVO BRASILEIRO ENXERGUEM A VERDADE.

Responder

Zenira Melgaço

12 de maio de 2017 às 20h13

Deve tá rasgando dindin o louco

Responder

Will Batista

12 de maio de 2017 às 20h13

Porra louquice desvairada…

Responder

Waldenir Coelho Costa

12 de maio de 2017 às 20h12

Sabe quem agradece…o q está em 2º lugar…….isso vai custar Muito Caro!

Responder

Elaine Maria Santos

12 de maio de 2017 às 20h12

O negócio é mandar coordenadas para Coréia do Norte. Juiz ficha pôdre., pensando que pode?

Responder

André Do Alemão

12 de maio de 2017 às 20h12

A devassa no BNDES vai ser a pá de cal no Lula, o PT acabou, a partir de 2018 vai virar partido nanico. Ninguém vai querer vestir camisa vermelha mais. E com a reforma trabalhista que acaba com a obrigatoriedade da contribuição sindical as milícias sustentadas por elas vão ter que mudar para a Venezuela. Aceitem que este é o fim do projeto comunista no Brasil. BOLSONARO vem ai é melhor JAIR se acostumando !!!! Kkkkkkkkk tchau meus queridos !!!!

Responder

    Marise Saretta

    12 de maio de 2017 às 20h22

    Acho q vou torcer p bolsonaro ser presidente…. vou me ferrar mas compensara o prazer de ver uns idiotas pobres mas com atitude, prepotência e pensamento de rico se descabelando!

    Responder

    André Do Alemão

    12 de maio de 2017 às 20h28

    Marise boa tarde !!!! Nós escolhemos os nossos candidatos

    Responder

      GERALDO

      12 de maio de 2017 às 18h14

      Você parece gostar de dá o fiofó pra milico.

      Responder

    Joao Batista Gomes Gomes

    12 de maio de 2017 às 20h30

    Falou a Direita 3D.Demente.Delinquente.Diareia.

    Responder

    Antonino Barros

    12 de maio de 2017 às 20h35

    Não vai lutar pela sua sobrevivência não e verás o que poderá acontecer com o arrocho do TEMEROSO.

    Responder

    Ninha Silva

    12 de maio de 2017 às 20h48

    Será que pessoas iguais a esse André, acreditam mesmo no que falam? Pq é tão surreal que parece que estão de brincadeira.

    Responder

    Elizabete B C Oliveira

    12 de maio de 2017 às 21h30

    Para os Bolsonaros

    Responder

    André Do Alemão

    12 de maio de 2017 às 21h39

    Quem está querendo acabar com os direitos do povo não é a direita não !!!! É o temer que a esquerda inteligente colocou lá !!!

    Responder

      Clá

      13 de maio de 2017 às 08h17

      É, André: parece que você também não sabe o que é direita e o que é esquerda…

      Responder

    André Do Alemão

    12 de maio de 2017 às 22h08

    Ninha, surreal é acreditar no Lula!!!! um político que se vê obrigado a ter que pagar pessoas para lhe aplaudir… o meu candidato é ovacionado pelo povo onde quer que ele vá. Pede para o seu candidato viajar em algum vôo junto com a população, depois me conta o que aconteceu !!!! Aí você vai ver o que significa surreal !!!!

    Responder

    Simone Dos Santos

    12 de maio de 2017 às 22h29

    Se você cair de quatro, relincha, com certeza

    Responder

    André Do Alemão

    12 de maio de 2017 às 22h55

    Simone é uma pena que alguns petistas como você não tenha argumentos para expressarem suas ideologias com textos circunstanciados e partem logo para ignorância. Pessoas como você desqualificam o seu partido, o seu candidato, deixa transparecer que quem é de esquerda não tem argumentos… seja mais educada, isso ajuda a dar uma Boa imagem as causas que você defende. Boa noite !!!!!

    Responder

    Leonilda Lucia Amoroso

    12 de maio de 2017 às 23h20

    Kkkkk André, fugiste da escola?!!!

    Responder

    Luís Felipe Menegon

    12 de maio de 2017 às 23h38

    Defendem o bandido do Lula e querem chamar o cara de burro kkkkk. Não é a toa q a esquerda está sendo varrida da política brasileira. Antes tarde q nunca.

    Responder

    André Do Alemão

    12 de maio de 2017 às 23h49

    Luiz obrigado pelo seu comentário. Você já notou que alguns petistas só sabem dar respostas mal educadas ?!?!? Será que é por causa dos recentes fatos que eles ficaram sem argumentação ?

    Responder

      Clá

      12 de maio de 2017 às 21h19

      André do Alemão: concordo com você em relação à falta de educação na rede. Nada justifica. Aproveito a oportunidade para perguntar a você, apenas por curiosidade: você é de direita porque você é milionário e, portanto, defende as políticas de Estado que beneficiam a iniciativa privada e a sua classe social ? Se for, eu entendo perfeitamente a sua posição e inclusive, respeito. Agora, se você não é milionário e é de direita, então, eu não consigo compreender: como uma pessoa pode ser de classe média ou baixa e defender políticas de Estado que irão espoliá-la e derrotá-la para favorecer os “milionários”? Se, por acaso você for responder às minhas questões, por gentileza, peço que o faça de forma educada. O fato de sermos de direita ou de esquerda não precisa nos colocar em um ringue de agressões; apenas pensamos diferente e, se usarmos argumentos sólidos, baseados em conhecimento filosófico e sociológico, as nossas diferenças vão nos enriquecer. Pode ser?

      Responder

    Cecilia Fenicio

    13 de maio de 2017 às 00h50

    É, essa bagunça e péssima educação ainda é herança do governo militar

    Responder

    Marise Saretta

    13 de maio de 2017 às 00h53

    André eu não iria medir a popularidade com a “população” de um vôo. Defendo aquela população que não tem acesso a avião. E essa população para muitos políticos em seus planos de governo é invisível ou só é vista para servir os que andam de avião.

    Responder

    André Do Alemão

    13 de maio de 2017 às 01h06

    Marise você tem razão !!! Políticos sempre acham mais fácil fazer discursos para pessoas mais pobres e menos esclarecidas, essas pessoas são a grande maioria e são mais fáceis de se manipular. Por isso os políticos gostam sempre de separar essa massa de pessoas dos restantes e colocar a culpa do sofrimento dos menos favorecidos na conta dos mais favorecidos. Acho que é por ai, a esquerda ficou no poder 13 anos e não resolveu o problema. Temos que mudar esse sistema socialista que fracassou em todas as partes do mundo, ou você conhece um país socialista que prosperou ?

    Responder

    Conceiçaõ Ramos

    13 de maio de 2017 às 01h30

    Eu vou continuar a vestir a. Camisa do PT, !!!!!

    Responder

    André Do Alemão

    13 de maio de 2017 às 01h33

    Democracia é isso Conceição !!!!

    Responder

    Gisele Ladeira Venancio

    13 de maio de 2017 às 09h00

    André Do Alemão o PT nunca foi socialista ou comunista ele surgiu dos anseios dos trabalhadores por direitos. Eles não queriam acabar com o capitalismo e reenventa-lo. E defender o Bolsanaro é o fim.
    LULA 2018

    Responder

    Gisele Ladeira Venancio

    13 de maio de 2017 às 09h00

    * sim reenventa-lo

    Responder

    André Do Alemão

    13 de maio de 2017 às 09h12

    Gisele bom dia !!!!! Pesquisa sobre o significado das bandeiras dos países e você verá qual é o significado da cor vermelha nelas.

    Responder

      Clá

      13 de maio de 2017 às 12h03

      André do Alemão: no momento atual, não se trata de gostar do comunismo ou do capitalismo ou de qualquer outro regime. O que estão em questão, agora, André, é um governo totalitário. Um Estado que se uniu à iniciativa privada, formando um conglomerado que exclui o campo social das decisões do país. Isso é um governo totalitário, André, e tanto faz se é de esquerda, de direita, se é comunista ou capitalista: sendo totalitário, todos nós que fazemos parte do campo social (inclusive você e a sua família) seremos espoliados e despojados. Você gosta disso, André? É um direito seu gostar. Mas, o problema é que eu tenho a impressão que você não está entendendo o que é que está em jogo, agora. Você está entendendo qual é a conjuntura que você, sua família e todos nós estamos inseridos, André?

      Responder

    Sandra Empereur

    13 de maio de 2017 às 17h05

    É o povo pobre de direita e pobre de espírito.. .quanta imbecialidade…o povinho..

    Responder

    Davi Baeta

    13 de maio de 2017 às 17h47

    Felizmente tudo indica o contrário e em 2018 teremos novamente um projeto de nação soberana, e não de privataria, no poder.

    Responder

Regina Luiza

12 de maio de 2017 às 20h07

Não se pode tomar atitude quando um juizeco desses entra em surto psicótico ?

Responder

Ana Maria Lima De Oliveira Baia

12 de maio de 2017 às 20h07

Se o povo continuar assistindo passivamente a destruição do Brasil não vai sobrar pedra sobre pedra!

Responder

Levy Vieira Louzada

12 de maio de 2017 às 20h07

É isso aí! VAMOS COLOCAR ORDEM NESSE PAÍS… o BNDES é uma CAIXA PRETA que esconde a maiores FALCATRUAS do LULARÁPIO e seus séquitos que se organizaram na MAIOR QUADRILHA DA CORRUPÇÃO que assaltou o Planalto e limpou os cofres do País…

Responder

    Helena Amaral

    12 de maio de 2017 às 20h13

    Provas por favor!!!!!!!!!
    moro agradece!!!@

    Responder

    Mariângela Ferreira

    12 de maio de 2017 às 20h17

    Esse cara mora aonde? Por favor, mostre as provas.

    Responder

    Joao Batista Gomes Gomes

    12 de maio de 2017 às 20h37

    A Direita 3D.Demente.Diarreia.Delinquente.

    Responder

    ari

    12 de maio de 2017 às 18h48

    Que imaginação! Quanta criatividade! Já pensou em ser roteirista em Hollywood?

    Responder

    Levy Vieira Louzada

    13 de maio de 2017 às 13h20

    No mensalão valeu a tese do DOMÍNIO DOS FATOS… Nada mais há que se provar, basta prestar atenção no que já vem sendo REPETIDO desde o início do processo do PETROLÃO: LULA É O CHEFE DE TODO ESQUEMA DE CORRUPÇÃO. Agora um pouco mais enfático com as declarações do João Santana e da Mônica (chicletes) Moura que vão ser corroboradas pelo Italiano (Palocci) que decidiu ENTREGAR O CHEFE e “cumpanheiro”, O MAIOR SALAFRÁRIO de que se tem notícias.

    Responder

Aparecida Lopes

12 de maio de 2017 às 20h03

Inacreditável
#1anodeGolpe contra a Democracia Brasileira

Responder

Thiago Alpendre da Rocha

12 de maio de 2017 às 19h58

“Sequestrar”???

Que eu saiba a condução coercitiva é legal, e não se trata de sequestro!

MAIS UMA MENTIRA MORTADELA!!!

Responder

    Miguel do Rosário

    12 de maio de 2017 às 17h07

    Não. É ilegal, segundo o Código do Processo Penal.

    Condução coercitiva só vale se há recusa em colaborar, diz presidente da OAB

    http://www.oab.org.br/noticia/29361/conducao-coercitiva-so-vale-se-ha-recusa-em-colaborar-diz-presidente

    Responder

    Luiz Doleron

    12 de maio de 2017 às 20h07

    Ela é legal se for dentro da lei. A pessoa precisa ser intimada e se negar. Só assim cabe ao juiz determinar esse regime de condução . Caso contrário é anticonstitucional e, assim, ilegal.

    Responder

    Adma

    12 de maio de 2017 às 17h10

    Condução coercitiva só é legal quando oa pessoa se recusa a depor. O que a PF está fazendo chama-se arbítrio.

    Responder

    Thiago Alpendre da Rocha

    12 de maio de 2017 às 20h12

    O tempo nesses caso ajuda o criminoso!
    Até a PF tentar levar o sujeito pra depor, ele se negar e a PF conseguir a ordem judicial o criminoso já teve tempo de destruir todas as provas…

    TÁ MAIS DO QUE CERTO!

    Responder

    Esther Torinho

    12 de maio de 2017 às 17h28

    Os golpistas estão levando o país para um buraco cada vez mais fundo.
    Está difícil. Um ano com o #ForaTemer e só perdas. Para o país como um todo e para cada um.
    Lamentável.

    Responder

    Esther Torinho

    12 de maio de 2017 às 17h30

    Engana-se por completo. A condução coercitiva só é legal se a pessoa foi chamada antes e não compareceu.
    Informe-se.

    Responder

    Luiz Doleron

    12 de maio de 2017 às 21h32

    Pode ser certo pode ser errado mas não é o que está na lei.

    Responder

    Thiago Alpendre da Rocha

    13 de maio de 2017 às 19h29

    E o que diz a lei sobre a presidente da república avisar investigados sobre sua prisão preventiva decretada?

    Sobre a propina que Mercadante ofereceu a DELCIDIO tendo sido gravado?

    Responder

Joaquim Fernando Solano Baptista Solano

12 de maio de 2017 às 19h56

Sequestrar?? kkkkk. Tudo errado.Só os investigados que estão certos!KKKKK

Responder

Silvio Silva

12 de maio de 2017 às 19h54

Toda e qualquer indústria brasileira que de alguma forma ameaçar a hegemonia das tradicionais multinacionais que dominam o mercado mundial será destruida. A Globo está salva porque o que produz só os idiotas brasileiros assistem.

Responder

Elder Campos

12 de maio de 2017 às 19h54

Samuel Cardoso Aline S Card Rodrigo Pilha Katia Roa Cris Penha Luciana Rossi Tadeu Porto Doney Corteletti Stinguel Tezeu Freitas Bezerra

Responder

Gustavo Brunes

12 de maio de 2017 às 19h53

Gabriela Alice :o ?

Responder

darci

12 de maio de 2017 às 16h53

A Justiça classista se desnuda a luz do sol, mostra suas entranhas que o povo da periferia já conhece e sabe muito bem que não se faz justiça aos pobres. Agora a classe média, que bateu panela, vai sentir a dor da injustiça na pele, que coberta de marcas de griffes a faz pensar que pertence a elite. Imagina que pobreza de espírito. Nem Moro, nem Cunha são da elite dominante, não passam de instrumentos úteis que logo serão descartados ou mesmo presos. O Cafezinho cumpre valioso papel na resistência ao golpe, nos dando as informações objetivas e análises inteligentes da conjuntura nacional. Tomara que essa crise ajude a despertar a consciência de parte da classe média e que afaste de nós as idéias fascistas, para que o Brasil possa ressurgir melhor do antes.

Responder

Elizabeth Dene

12 de maio de 2017 às 19h52

Maria Celeste Freire Corrêa Maria Inês Pereira Tita Beltrão Jussana Scienza Scapini Luciane Castello Branco Karlesso Nespoli

Responder

darci

12 de maio de 2017 às 16h50

A Justiça classista se desnuda a luz do sol, mostra suas entranhas que o povo da periferia já conhece e sabe muito bem que não se faz justiça aos pobres. Agora a classe média, que bateu panela vai sentir a dor da injustiça na pele que coberta de marcas de griffes a faz pensar que pertence a elite. Imagina que pobreza de espírito. Nem Moro, nem Cunha são da elite dominante, não passam de instrumentos úteis que logo serão descartados ou mesmo presos. O Cafezinho cumpre valioso papel na resistência ao golpe, nos dando as informações objetivas e análises inteligentes da conjuntura nacional. Tomara que essa crise ajude a despertar a consciência de parte da classe média e que afaste de nós as idéias fascistas, para que o Brasil possa ressurgir melhor do antes.

Responder

Nazareth Nazareth Amaral

12 de maio de 2017 às 19h49

BANESTADO…. Bndes…. sempre confundo…..

Responder

Maria Aparecida Dutra de Oliveira

12 de maio de 2017 às 19h48

Responder

Lucas Pimenta

12 de maio de 2017 às 19h48

Ditadura jurídico-midiática mostrando os dentes..

Responder

Paulo L Maia

12 de maio de 2017 às 19h46

Responder

Noélia Pereira

12 de maio de 2017 às 19h44

Gente,wue doideira é essa?.

Responder

Alex Vieira

12 de maio de 2017 às 19h44

Um cerco gigantesco ao STF e protestos em frente às casas dos ilustres ministros do STF são as únicas soluções! Eles são os protetores da Lei e continuam incólumes no meio do caos!

Responder

Edson Gurgel Barreto

12 de maio de 2017 às 19h42

Judiciário enlouqueceu ou o que!

Responder

Luiz Fernando Soares De Souza Lima

12 de maio de 2017 às 19h40

é inacreditável. todos os dias uma novidade. tudo parecido com a ascenção do fascismo na Italia.

Responder

Darci Vieira Lopes

12 de maio de 2017 às 19h40

Responder

Moises Calazans

12 de maio de 2017 às 19h39

O circo montado de novo para noticia do JN! Sera que esse juiz nao tem chefe, ou fica somente a serviço do JN.Cortina de fumaca para as votacoes do congresso que arrebentao com os direitos dos trabalhadores.

Responder

Paulo L Maia

12 de maio de 2017 às 19h35

Papagaios comem milho,
periquito leva a fama.

Responder

Redson Mello

12 de maio de 2017 às 19h34

Querem que voltemos a pegar financiamentos com os Bancos estrangeiros, como o Banco zMundiall, o BID, etc., É pagarmos os juros escorchantes e nos submetemos a exigências absurdas.

Responder

Severino Alves

12 de maio de 2017 às 19h34

O judiciário está fazendo seu show particular.

Responder

Elisete Goncalves

12 de maio de 2017 às 19h33

Quanta soberba desse judiciário, acho que não estavam preparados para tanto poder, ou não estão preparados juridicamente, porque cometem arbitrariedade há todo momento

Responder

Fernando Basso

12 de maio de 2017 às 19h31

Ditadura

Responder

Nando Gaia

12 de maio de 2017 às 19h29

A roubalheira do BNDES tem que investigar, já deu muito prejuízo para o país, boa juiz.

Responder

    ari

    12 de maio de 2017 às 18h51

    Cara, investigar não é fazer um circo

    Responder

José A Pinheiro

12 de maio de 2017 às 19h28

Mais uma ação golpista para favorecer os bancos privados com a conivência do STF. Lei contra o abuso de autoridade já!

Responder

Fernando Souza Santos

12 de maio de 2017 às 19h27

Poxa, não deixam as ratazanas tomarem cafezeinho em paz, e ainda confiscaram a mortadela do lanche.

Responder

Flávio Luiz

12 de maio de 2017 às 19h26

A
O trem tá pegando fogo

Responder

Roselaine Chiari Cesarino

12 de maio de 2017 às 19h25

O partido da toga está descontrolado e perigoso.
#foraditaduratucanadotemer

Responder

Elizabete B C Oliveira

12 de maio de 2017 às 19h25

Responder

Joel Araujo

12 de maio de 2017 às 19h25

Até quando aguentaremos essa ditadura togada? Cadê o STF?

Responder

Allan

12 de maio de 2017 às 16h25

Esse parágrafo está incompleto: “A primeira medida de Temer, por outro, foi, em plena crise, roubar R$ 100 bilhões do BNDES para fazer uma super-pedalada fiscal, além de paralisar completamente a liberação de novos financiamentos. Outra medida foi aumentar os juros do BNDES, o que naturalmente também”

Responder

Elizabete B C Oliveira

12 de maio de 2017 às 19h24

Ditadura do judiciário a pior que tem! Quem nos defenderá? A coisa está feia eles se achavam agora se acham os deuses!

Responder

Luiz Henrique Coelho Garcia

12 de maio de 2017 às 19h23

Quem achava que ditadura militar era a pior coisa, verão o que é a ditadura do judiciário.

Responder

    ari

    12 de maio de 2017 às 18h54

    Comentando o caso da Panair, um ex-funcionário dizia que, na ditadura de 64, praticamente só se denunciava (e com razão) a tortura física. Pouco se falava do que faz o judiciário. Afinal, não jorra sangue.

    Responder

Alice Pasquinelli

12 de maio de 2017 às 19h22

Mas e os funcionários???

Responder

Gerard L. P. Pereira

12 de maio de 2017 às 19h21

Toma PTralhada…

Responder

Dantis Wal

12 de maio de 2017 às 19h21

Revolução no BNDES , funcionarios avaliam fazer greve em virtude da agressão da PF

Responder

Wilson Alves

12 de maio de 2017 às 19h20

Sabe por que eles fazem isso? Se avisar as provas vão para o beleléu rsrs O poder Judiciário é criticado quando fere os destronados, mas se um deste que deram o golpe for preso nestas condições, quem critica vai dizer que o poder é independente e que esta fazendo justiça. Coisas da demo!

Responder

Izaac Leal

12 de maio de 2017 às 19h20

Ditadura do judiciário agora o povo brasileiro esta vendo de onde
Esta vindo a corrupção do judiciário corrupto

Responder

Roberto Oliveira

12 de maio de 2017 às 19h20

O juiz que milita não faz justiça. O País virou bagunça. Quem irá impedir esses falsos ministros da lei? A situação fica cada vez pior.

Responder

    Cida Almeida

    12 de maio de 2017 às 19h48

    O Brasil vai depender do direito internacional, como no caso da lei Maria da Penha, que só se consolidou depois que a Maria foi à ONU.

    Responder

João Valente

12 de maio de 2017 às 19h18

Canalha

Responder

Rita Candeu

12 de maio de 2017 às 19h17

agora temos a cada hora uma nova bomba pr implodir mais um pedaço do Brasil?
até quando isso?
esse judiciário podre quer chegar aonde?

Responder

    Antonio Normandio Teixeira Antonio

    12 de maio de 2017 às 20h27

    Podre são os corruptos que brasileiros indignos os escondem debaixo do tapete. O Juiz Sérgio Moro é um Juiz corajoso, pois enfrentar essa quadrilha é por a vida em risco!

    Responder

    Rita Candeu

    12 de maio de 2017 às 20h28

    Antonio Normandio Teixeira Antonio kkkkkk
    nossa!!! quanta coragem não?
    tnta coragem que se lixa pra Leis

    Responder

    Ninha Silva

    12 de maio de 2017 às 20h45

    Será que pessoas iguais a esse Antonio, acreditam mesmo no que falam? Pq é tão surreal que parece que estão de brincadeira.

    Responder

      ari

      12 de maio de 2017 às 18h57

      José Woytechumas se diz jornalista. Seus comentários são repercutidos em mais de 400 rádios (a maioria de orientação religiosa). Ele é a prova de que se pode ser pior do que Alexandre Garcia e Marco A. Villa. Pois bem, em seu comentário de hoje, na rádio Cidade, de Juazeiro/Ba (espírita) ele disse que Moro é um juiz acima de qualquer suspeita.

      Responder

    Rita Candeu

    12 de maio de 2017 às 20h46

    parece mesmo Ninha _ eu nõ sei o que esses caras bebem , ou fumam

    Responder

    Rita Candeu

    12 de maio de 2017 às 20h48

    Antonio Normandio Teixeira Antonio

    veja quem é esse juiz
    é isso que vc. defende por puro desatino
    leia tudo

    http://www.nocaute.blog.br/brasil/juiz-que-acaba-de-interditar-o-instituto-lula-e-ficha-sujissima.html

    Responder

    Carmem Stewart

    12 de maio de 2017 às 21h02

    Infelizmente, poderuamos esperar esse tipo de situação desde o impeachment.
    A Constituiç?o foi lesada para legalizar um crime inexistente.
    A partir dai o pais ficou sem regras, prevalecendo a lei do maus forte.

    Responder

    Rita Candeu

    12 de maio de 2017 às 21h03

    Carmem Stewart a partir daí é um vale tudo
    quem pode mais chora menos

    Responder

    Cecilia Corrêa

    13 de maio de 2017 às 03h14

    Até aonde a gente permitir.

    Responder

    Antonio Normandio Teixeira Antonio

    13 de maio de 2017 às 13h20

    Rita Candeu coragem sim do Dr. Moro, vc não leu o que aconteceu com o prefeito de São Bernardo, Celso Daniel!

    Responder

Deixe uma resposta