Paris Café Extra: Finanças Funcionais, uma revolução copernicaniana na economia

Foto: Evaristo Sá / AFP

Em meio ao caos na pandemia, rejeição a Bolsonaro sobe sete pontos e beira os 60%, diz Atlas

Por Redação

27 de janeiro de 2021 : 09h57

O caos na saúde pública, a quebradeira na economia e o fim do auxílio emergencial provocou um aumento de sete pontos na rejeição ao presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o levantamento do Atlas Político, 59% dos brasileiros reprovam a atuação de Bolsonaro ante 52% da pesquisa anterior divulgada em dezembro de 2020.

Fonte: Atlas Político

Já na avaliação do governo Bolsonaro, o índice de ruim/péssimo subiu sete pontos e já alcançou o patamar de 53% ante 46% do último levantamento feito em 2020. Na avaliação de ótimo/bom, houve queda de três pontos. Agora, o Governo Bolsonaro é bem avaliado por 28%.

Fonte: Atlas Político

No que diz respeito a continuidade do auxílio emergencial para amenizar o drama dos trabalhadores atingidos pela pandemia, cerca de 72,7% são favoráveis a prorrogação do benefício. Já 16,6% são contrários a medida e 10,6% não souberam responder.

O Atlas ouviu entre os dias 20 e 24 de janeiro 3.073 homens e mulheres de diferentes regiões, faixas etárias e nível de renda. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alexandre Neres

27 de janeiro de 2021 às 23h57

Não sei por que este blogue não divulga o resultado da pesquisa presidencial do Atlas Político. Talvez seja porque Ciro esteja amargando a quarta colocação. Nada de novo no front. Os jornalões vão afirmar que é uma escolha difícil. Alguns que abdicaram de pensar por conta própria vão dizer que é a tal polaridade simétrica.

Civilização versus Barbárie. O melhor presidente de todos os tempos X O pior presidente de todos os tempos. Do jeito que as coisas andam por essas plagas, deve vencer o pior. Os incautos vão dizer que não sabiam direito quem é Bolsonero. Só se derem uma segunda chance pra ele vão ter a certeza de quem ele é. Outros persistirão na tese de que precisamos evitar de todo jeito que o PT se eleja, que Bolsonero é o mal menor, que todos os problemas que temos de enfrentar, inclusive a gestão caótica durante a pandemia, são culpa do PT.

Responder

Paulo

27 de janeiro de 2021 às 18h11

28%, 30% é o tamanho da boiada…

Responder

Deixe uma resposta