Haddad no Ceará, ao vivo

Tulio Ribeiro: Comentários sobre Lula na UERJ

Por Tulio Ribeiro

09 de dezembro de 2017 : 06h10

(A foto foi enviada por um militante ao colunista Tulio Ribeiro).

O nosso colunista Tulio Ribeiro esteve presente ao ato na UERJ com o presidente Lula, e teceu alguns comentários críticos – alguns até mesmo engraçados – sobre a desorganização do evento.

***

Por Tulio Tibeiro

A situação da UERJ, que sofre uma desconstrução proposital na tentativa de privatizá-la, e a presença do maior presidente da História do Brasil, me levaram a assistir o discurso de Lula.

A concha-acústica da universidade estava cheia, o povo brasileiro fez mais uma vez uma recepção calorosa ao ex-presidente que, em reciprocidade, fez uma belo discurso. A primeira vez que assisti um discurso de Lula foi há 25 anos e ele continua muito bom, sabe dialogar diretamente com as pessoas. Fala de temas complicados de forma simples, um dom que ele aprimorou. Isso tudo já sabia!

Como fiquei muito perto, pude perceber algo que me preocupou. Em que pese que o ex-mandatário brasileiro seja alguém tão popular, necessitava ter uma burocracia mais competente em suas caravanas no Rio de Janeiro. Aquela ideia de que o grande candidato permitiria uma desorganização imperceptível. Não é assim!

Com uma vasta presença de apoiadores, Lula sempre está acompanhado de políticos importantes e líderes de movimentos sociais. E aí aparece a falta de organização que pode atrapalhar, tanto quanto a perseguição que sofre. Diante de muitos discursos os microfones não funcionavam, falhavam, quando não simplesmente paravam. Em várias vezes a coordenação de comunicação sequer percebia e o público gritava pedindo corrigir o erro de som. Rodeado de gente experiente de outras campanhas, os protagonistas procuravam o improviso que cada vez mais no palco foi utilizado.

A uma certa altura, uma zoada forte, caiu o som. A coordenação de comunicação se voltava ao público e cobrava um coro para encobrir a desorganização. Pareceu um staff de programa de auditório, que o ex-presidente não merece! Em outra situação, a confusão fazia as pessoas do palco parecerem aqueles bandos de aves que mudam o sentido do voo.

Enquanto Lula transitava no palco com muita confiança, os organizadores ou desorganizadores afastavam as pessoas de Lula, como se, diante de tanto amor a ele, alguém pudesse lhe fazer mal.

Quando converso com admiradores do presidente, a grande maioria, e os críticos também, surge sempre aquela pergunta: mas com quem o Lula vai governar? Ontem eu tive essa preocupação: o problema não é o staff de outros partidos e sim os burocratas do PT! Lula não deve ter medo de buscar seu staff fora, pois dentro é o grande problema.

Presidente, não deixe os burocratas atrapalharem sua campanha!

Tulio Ribeiro

Túlio Ribeiro é graduado em Ciências econômicas pela UFBA,pós graduado em História Contemporânea pela IUPERJ,Mestre em História Social pela USS-RJ e doutorando em ¨Ciências para Desarrollo Estrategico¨ pela UBV de Caracas -Venezuela

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

26 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Sergio Roberto Pereira ANNIBAL

14 de dezembro de 2017 às 12h45

Excelente análise da situação. Não basta Lula.

Responder

Ricardo Luiz Malta Malta

10 de dezembro de 2017 às 23h52

LULA FOREVER

Responder

Ricardo Luiz Malta Malta

10 de dezembro de 2017 às 23h51

LULA 2018

Responder

Fernando Araujo

10 de dezembro de 2017 às 23h14

Gostei das observações do Tulio Ribeiro, isso realmente faz parte deste processo!

Responder

Aloisio Onofre De Souza Lui

10 de dezembro de 2017 às 20h34

Todo cuidado e pouco com o nosso Futuro Presidente. Porque os CANALHA .CAGABUDOS DO P.S.D.B. e P.M.D.B. São capazes de mandar Matar LULA.

Responder

Ajsbuarque@ig.com

10 de dezembro de 2017 às 15h22

Salve Lula!

Parabéns Guerreiro do Povo Brasileiro trabalhador e honesto!

Responder

Daliane Morandi

10 de dezembro de 2017 às 13h33

Preocupada com a segurança do presidente, muito fácil acesso a ele, estamos num momento ímpar do país, Johnn Kennedy foi assassinado e um dia depois seu assassino foi morto! Teoria da conspiração é um perigo latente!

Responder

Claiton de Souza

10 de dezembro de 2017 às 07h05

Centro, direita e esquerda, não existem, são somente divergências derivativas do conviver em sociedade usados para definir oposicionistas cretinos demagogos. Os oportunistas usam as possíveis divergências e os imbecilizados as compram como se verdades fossem.

Responder

Wilde Gomes

10 de dezembro de 2017 às 01h01

Mas é interessante vermos essa “desorganização” porque parece natural, autêntico! Sabe numa casa cheia de gente da família com bastante alegria!? A caravana de Lula demonstra ser exatamente assim! Ah! Deixa ele conversar com o povo, ouvir o povo! E deixa o povo extravasar, barulhar, protestar… E que contagie o país! Os engomadinhos estão lá, botando pra quebrar no povo! Enquanto a caravana passa com esperança!

Responder

Pedro Jorge Almeida

09 de dezembro de 2017 às 22h41

Realmente! O evento foi muito desorganizado, percebi que muitas pessoas da organização, que deveriam ajudar, só atrapalharam. O Lula, que é uma pessoa próxima ao povo foi cerceado de seus eleitores por esses burocratas que pareciam seguranças .

Responder

Dirce Sousa

10 de dezembro de 2017 às 00h02

Há que se considerar as observações.
Cuidado com Lula e as apaixonadas.
E os “apaixonados “

Responder

Petista de coração

09 de dezembro de 2017 às 21h46

Acho que essa direção do Rio é a burocracia da forma mais escancarada. Eles não tem alma de petista! Eles não tem sangue nas veias de irem para as ruas defender os direitos perdidos depois que tomamos o golpe. Esses burocratas ninguém quase os vê em manifestações de rua! a Militância vai as ruas e eles???? onde se escondem????

Responder

Acrab

09 de dezembro de 2017 às 21h32

Para complementar escreveria que tinha gente ali do staff do PT que só aparece nessas horas.

Responder

Badaró

09 de dezembro de 2017 às 19h14

Lula tá sendo boicotado dentro do próprio partido? É quem tem gente de bom senso no PT e sabe e que Lula não vai disputar e eleição e ainda vai queimar qualquer outro candidato.

Responder

Eliana Beatriz Sartoretto Matte

09 de dezembro de 2017 às 18h28

Uau! Até parece que estamos nadando em dinheiro e economizando na questão técnica apenas por muquiranice… Quando se tem tão pouco para dizer, é melhor calar a boca.

Responder

    Helton

    09 de dezembro de 2017 às 22h33

    Lula não devia permitir burocratas animadores de palco atrapalhando.
    Tem muito voto o ex-presidente e vai ser uma campanha dura pra ter amador na coordenação.
    Competência não é dinheiro.

    Responder

Mar

09 de dezembro de 2017 às 17h37

Interessante, o PIG noticiou que a caravana do Lula no Rio foi morna em relação a quantidade de pessoas. Não é isso que vejo nas imagens, imaginem se fosse quente!

Responder

    Badaró

    09 de dezembro de 2017 às 19h12

    Não foi morta, foi fraquíssima. Onde deu um pouco mais de gente foi na UERJ.
    Procure ver nas outras cidades como Belford roxo, por exemplo.
    Tremendo fracasso. Aliás, já viu a caravana de Lula em Cachoeiro do Itapemirim? Uma multidão de 40 pessoas.

    Responder

    Paulo Werneck

    10 de dezembro de 2017 às 06h10

    Eu fui militante do PT no Rio, e desisti depois das intervenções da nacional impedindo o Wladimir Palmeira de se candidatar a governador. Não sou palhaço de trabalhar e ir a convenções cujo resultado é rasgado. Mas não é o momento de ficar discutindo falhas do PT – quem não as tem – e sim de lutar contra o desmonte do Brasil.

    Responder

Sebastian Rojas Archer

09 de dezembro de 2017 às 14h38

Se tivéssemos uma burocracia! Este quadro degenerativo apenas é síntese da despolitização alcançada com as intervenções da nacional. Uma nacional que dá base à esta incompetência operacional, com custos absurdos e colocação de pessoas na condução que dialoguem com parte dos públicos. Afinal ninguém conhece a Jandira Russeff como vc. deve ter reparado, entre choques de som ou pedidos de recuo no palco! As vezes o cerimonial civilizatório, colocando todos os convidados ao palco, devidamente sentados evita o atropelo de uma foto com nosso “padinho”. O reconheço também como a maior liderança da história da AL! A fala da Zeidam na UERJ, depois de ter aprovado as contas do Pezão, me preocupa também neste desafio conjuntural do golpe para capilarizar o movimento de massas do contragolpe!

Responder

    Gabriele

    09 de dezembro de 2017 às 22h46

    Concordo com você!

    Responder

Rodrigo

09 de dezembro de 2017 às 14h05

Já fui tentar resolver coisas na sede do PT , a maioria enrola.
Prefiro ler coisas do partido na blogosfera

Responder

Camila

09 de dezembro de 2017 às 14h03

Até que enfim um pessoa de coragem.
O Lula é dez, mas os burocratas de seu partido são o cancro.
Me lembra os burocratas da antiga Rússia.
O PT do Rio não tem comunicação, não sabe organizar uma festa de criança.
Os movimentos sociais salvem Lula de seus burocratas.
Viva a militância , abaixo os sangue sulgas

Responder

Pascoal Jacinto da Silva

09 de dezembro de 2017 às 13h17

É verdade. É melhor escolher gente capaz independente de partido desde que não venha cometer traições depois

Responder

Joana Castro

09 de dezembro de 2017 às 13h01

O Lula é nota dez, já a organização do PT no Rio, nota zero! Infelizmente.

Responder

Alesandra Quêdo

09 de dezembro de 2017 às 14h42

Muita gente querendo aparecer. Custaram a deixar Lula falar.

Responder

Deixe uma resposta