Análise da reunião ministerial de Bolsonaro

Rio lança serviço de monitoramento online de casos de coronavírus

Por Gabriel Hammer

31 de março de 2020 : 20h03

Objetivo é ampliar acesso da população às informações sobre a doença

Agência Brasil -A Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro (SES) lançou hoje (31) o serviço de monitoramento online de casos de coronavírus (covid-19) no estado. O objetivo é ampliar o acesso da população às informações. O painel da secretaria mostra, entre outras informações, os casos confirmados, além de óbitos por município, faixa etária e gênero dos pacientes.

As atualizações serão disponibilizadas diariamente na plataforma pelo link painel.saude.rj.gov.br.

De acordo com o secretário de Saúde, Edmar Santos, a iniciativa vai se somar às várias medidas já adotadas no enfrentamento da covid-19 para dar mais transparência às ações nesse momento.

‘’Manter a população informada também é uma maneira de combater e prevenir o coronavírus. Toda a equipe técnica da SES está empenhada em disponibilizar as melhores ferramentas para que haja acesso unificado e simples à informação. É um momento [em] que precisamos informar mais e melhor, assim como tem feito a imprensa, que vem, mais uma vez, demonstrando seu papel fundamental’’, disse Santos.

A população também pode tirar dúvidas sobre covid-19 pela central telefônica 160, que funciona gratuitamente 24 horas por dia, além do site www.coronavirus.rj.gov.br , canal oficial do governo do estado sobre coronavírus.

Edição: Nádia Franco

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »


Deixe uma resposta