Comentários sobre o áudio vazado de André Esteves (BTG Pactual)

Ciro, Lula e FHC prestam solidariedade a Dilma após ataque de Bolsonaro

Por Redação

29 de dezembro de 2020 : 09h48

Na noite desta segunda-feira, 22, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) foi atacada pelo presidente Jair Bolsonaro que ironizou as torturas sofridas por ela durante a ditadura militar.

“Dizem que a Dilma foi torturada e fraturaram a mandíbula dela. Traz o raio-X para a gente ver o calo ósseo. Olha que eu não sou médico, mas até hoje estou aguardando o raio-X”

Após o ataque de Bolsonaro, a ex-presidente reagiu imediatamente afirmando que o presidente não merece a confiança do povo brasileiro e o classificou como “fascista” e com “índole de torturador”.

Fonte: Reprodução / Twitter

Na sequência, o ex-presidentes Lula (PT), Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e o vice-presidente Nacional do PDT, Ciro Gomes, saíram em defesa de Dilma.

Fonte: Reprodução / Twitter
Fonte: Reprodução / Twitter
Fonte: Reprodução / Twitter

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Alan C

29 de dezembro de 2020 às 15h24

Não tem a menor ideia de como presidir a nação então tem que apelar de novo, mais uma vez, novamente, pra batida polarização mofada com o PT e só mostra como essa mula tá desesperada.

Fim rs

Responder

EdsonLuiz.

29 de dezembro de 2020 às 12h08

Agora, mais do que antes, toda vez que eu entrar neste ‘ocafezinho’ vou desejar que na parede tenha uma placa pendurada:
FORA bolsonaro!
Mentiroso é você!

Pode ser uma placa pequena e simples, mas será nosso grito diário até que acabe o pesadelo de ter à frente do país e no comando das forças armadas um desequilibrado com índole de torturador.

Responder

    Batista

    29 de dezembro de 2020 às 15h48

    Sem essa de “grito diário” e outras mimi-mumunhas mais.

    Ajoelhe aí no humilho do chão e desembuche autocrítica diária, por ter eleito ‘bolsonazi’ diretamente com o voto ou indiretamente por omissão.

    Tanto faz como fez, a estupidez é a mesma.

    Responder

      EdsonLuiz.

      30 de dezembro de 2020 às 00h46

      Batista,
      Essa narrativa de vocês, de que quem votou em branco ou nulo em 2018, se negando a votar no PT, ajudou a eleger bolsonaro pode servir para apaziguar a sua consciência e a sua culpa, mas não cola.

      Destruir a economia provocando a maior recessão da história da república em um país cuja economia havia acabado de ser razoavelmente arrumada, queda do PIB de 8,6% (disputa com a queda de 1981/83, dependendo de revisão que sempre é feita e que pode mudar entre 0,1 e 0,3%) e inflação, desemprego e dívida saindo do controle e querer que não tenha consequências? Não dispute os dados comigo, eu sempre verifico primeiro antes de pensar as culpas para não ser injusto e errado e também para não torcer os fatos e pensar errado. Do que adiantaria enganar-me a mim mesmo? Enganar-me só iria me desqualificar pessoal e profissionalmente. Obs.: faz um ano que não atualizo os dados, mas 0,1; 0,2% não vão mudar o tamanho da tragédia. E para não passionalizar os dados, basta apenas recordar de como estava o tecido social no Brasil em 2013. A tragédia já estava construída e foi muito grande.

      Eu em 2016 e depois, em 2018, em sala de aula, já me vi com professores de sociologia criando narrativas raciocinando com dados distorcidos ou por desconhecimento ou por má fé. Me calei porque da primeira vez que tentei repor os fatos e dados com informação correta a coisa ferveu. Eles preferem ou enganar outrém ou enganaren-se a si próprios. (Os dados acima são do Comitê de Datação dos Ciclos Econômicos. São os dados oficiais para pesquisa).

      Não tenho nenhum desprezo com quem é de esquerda, de direita ou de um dos extremos, só discordo delas, mas narrativas inconsistentes com a realidade por guerra política só atrapalham. Atrapalham ainda mais quando os narradores usam isso como artimanha para transferir para outros o que é culpa deles.
      Em 2018 eu até teria considerado votar caso fosse o PSOL e fosse firmado um compromisso do PSOL de defesa da democracia como valor universal e permanente, não como instrumentalização e tática diversionista, mas no PT, não.
      O PT, e só o PT é o culpado pela ascensão da família bolsonaro.

      Tem muito mais coisa nisso, como os ataques permanentes para desmoralizar as outras forças políticas e atores, sempre com distorções, desinformação e ódio. Eram – são – pessoas dignas, e muito da capacidade técnica desse país. Fragilizada a democracia por arrogância. Uma gente sem preparo e que por final, vê-se que nem moral e eticamente possuem qualidade.

      A tecnologia de ódio que hoje é usada pelo bolsonarista foi toda desenvolvida pelo PT.

      Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?