Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Foto: Divulgação

SP: França confirma que comunicou a Lula sobre sua pré-candidatura ao governo

Por Redação

27 de junho de 2022 : 16h13

O ex-governador de São Paulo, Márcio França (PSB), confirmou nesta segunda-feira, 27, que comunicou ao ex-presidente Lula sobre a continuidade de sua pré-candidatura ao governo estadual.

“Eles sabem qual é a minha opinião. Eu defendo que uma candidatura como a nossa amplia mais do que uma candidatura do partido dele”, disse o socialista. Ele participou de um evento na Associação Comercial de São Paulo.

Nas palavras de França, uma disputa com ele no 2° turno seria mais difícil para os concorrentes do que contra o ex-prefeito Fernando Haddad (PT). “Um eventual segundo turno comigo, que tenho de 15 a 20 pontos nas pesquisas, seria muito difícil para todos”.

No último sábado, 25, falamos sobre a sinalização do PSB em manter a pré-candidatura de França mesmo após uma conversa com o ex-presidente Lula, ocorrida na sexta passada (24).

Hoje mais cedo, presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, afirmou que é muito difícil o Partido dos Trabalhadores eleger o próximo governador de São Paulo. A declaração foi dada durante entrevista ao Valor.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

2 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Estrangeiro

28 de junho de 2022 às 12h34

Falou tanto em pesquisas
Mas quando estás desfavorecem nem cita mais

Responder

Sá Pinho

28 de junho de 2022 às 11h09

Escorregou… escorregou… escorregou, para no limite acabar optando pela sugestão feita há meses por Haddad:

Saírem ambo candidatos a governador e quem tiver mais café no bule vence, e caso um dos dois não tenha-o suficiente para ir ao segundo turno, passa a apoiar o companheiro de coligação, sem frescuras, para elege-lo governador.

Simples assim!
Não sei, sabendo, por que demorou tanto para decidir pela opção, já que acredita ter café suficiente no bule para tanto.

E toque-se em frente que em 96 dias veremos à chegada.

Responder

Deixe um comentário

O Xadrez para Governador do Ceará Lula ou Bolsonaro podem vencer no 1º turno? O Xadrez para Governador de Santa Catarina