Live do Cafezinho (19h): que segurança pública que queremos?

Com 56,2% dos votos válidos, João Campos é eleito prefeito de Recife

Por Redação

29 de novembro de 2020 : 19h07

Com 98,4% das urnas apuradas e 58,4% dos votos válidos, Delegado Pazolini (Republicanos) é eleito prefeito de Vitória. Apoiado pelo ex-presidente Lula, João Coser ficou com 41,5%.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Rafael

30 de novembro de 2020 às 06h56

Foi uma surra, em nenhum momento teve o equilibrio que as pesquisas falarm.

Responder

Gedeon

29 de novembro de 2020 às 21h44

Acabando o serviço começado em 2018 os brasileiros fizeram questão de varrer definitivamente do mapa do Brasil a quadrilha petista.

Responder

jose carlos rodrigues arana

29 de novembro de 2020 às 20h23

“Nunca vi nada tão podre, tão sujo, tão rasteiro com foi a eleição de João Campos. Nós tivemos uma lavagem de compra de votos e de boca de urna que nós temos centenas de vídeos. Se a Justiça não anular a eleição de Recife, pode fechar a Justiça Eleitoral. Não tem serventia. Porque não existe um caso tão ululante de compra de votos como aconteceu em Recife”.
Liana Cirne Lins

Responder

    Alan C

    29 de novembro de 2020 às 23h22

    Essa Liane Cirne é uma lulopetista desvairada ultra fanática. Perto dela a Gleisi é uma santa canonizada.

    Chega de extremos.

    Responder

Sebastião

29 de novembro de 2020 às 19h30

Lula sempre fazendo cag*** em Recife. Impôs Humberto Costa em 2012 e perdeu. Agora em 2020 impôs Marília e esta perdeu. Ela, desde quando entrou no PT, comprou briga lá querendo se destacar. Os diretório lá era contra a candidatura dela, vai Lula e Gleise impôs.

O PT só vai melhor a imagem quando Moro for julgado suspeito. Porque a imagem de Lula está associado ao PT. Ainda o fato do PT não se posicionar contra o regime da Venezuela como faz o PSOL. Espero que depois desta eleição, o PSOL venha a representar a esquerda. Embora, o eleitorado tenha um conservadorismo alto e o PSOL venha a ter que readequar o discurso.

A mídia vai dizer, que: LULA E BOLSONARO, FORAM OS MAIORES PERDEDORES DESTA ELEIÇÃO. Os extremos enxotados e Dória sendo fortalecido pra 2022. Dória, terá palanque em várias capitais, porque ninguém vai deixar de apoiar Dória pra apoiar candidato de esquerda contra Bolsonaro.

Duas derrotas emblemática pra Lula: Recife que ele impôs Marília, e SP que Tatto nem sequer foi pro segundo turno. E olhe, que é a capital que o partido dele governou três vezes.

Ou Lula deixa o PT ter pernas próprias, ou corre o risco de minguar. Porque, se depender do judiciário, ele vai continuar inelegível… E assim, continuando a prejudicar o PT.

Responder

Marcio

29 de novembro de 2020 às 19h15

As pesquisas erraram feio.

Responder

Deixe uma resposta