Análise em vídeo das manifestações do 2 de outubro e as vaias a Ciro

Imagem: Divulgação

Lula janta com líderes do MDB em Brasília

Por Gabriel Barbosa

07 de outubro de 2021 : 16h53

Na noite desta quarta-feira, 6, o ex-presidente Lula (PT) foi ao jantar na casa do ex-presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), no Lago Sul em Brasília. O ex-presidente foi ao evento com sua esposa, Janja.

Além do anfitrião, estavam presentes líderes graúdos do MDB como o ex-ministro Edison Lobão, o senador Veneziano Vital (MDB-PB), os deputados Walter Alves (MDB-RN) e Raul Henry (MDB-PE), ambos do grupo político do senador Jarbas Vasconcelos.

Ao longo do jantar, Lula falou sobre economia, governabilidade, crise hídrica e energética, pobreza e a volta do Brasil ao mapa da fome. O ex-presidente também deixou claro que não vai adotar uma postura extremista nas eleições de 2022 e que vai conversar com todos, numa postura equilibrada.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Netho

10 de outubro de 2021 às 16h34

A “turma da bufunfa” de volta para o futuro.

Responder

O Demolidor

07 de outubro de 2021 às 22h08

E teve protesto fake de 7 ciristas/dilmistas ainda por cima….

Responder

Paulo

07 de outubro de 2021 às 21h07

Lula janta e a gente é engolida…

Responder

Max

07 de outubro de 2021 às 17h42

E tudo certo com essa estratégia? RS.
Nenhuma crítica?
Já sei não irão aprovar o comentário.

https://mobile.twitter.com/albertocalmeida/status/1362423166895800321

Bora defender o indefensável e contradição só dos outros que não o Lula merecem comentários depreciando.

Responder

Marco Vitis

07 de outubro de 2021 às 17h14

Foi notada a ausência de Eduardo Cunha, Gedel, Temer, Moreira Franco, Cabral, Pezão…
Há quem diga que Romero Jucá esteve presente.
Este filme eu já vi. Chama-se “De Volta ao Passado”.

Responder

Deixe um comentário