Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Crédito: Allan Lira / Folhapress

Miséria: No RN, famílias comem calangos e restos de carne para enganar fome

Por Redação

07 de dezembro de 2021 : 11h11

Enquanto o Governo Bolsonaro promove o maior escândalo de corrupção da história da República com o chamado “Orçamento Secreto”, famílias do sertão do Rio Grande do Norte tentam enganar a fome em meio a miséria que assola os mais pobres.

De acordo com reportagem da Folha, na cidade potiguar de senador Elói de Souza, famílias passaram a comer restos de carne. A crise no estado foi agravada pela seca e também pela pandemia.

Na reportagem, o agricultor Adailton Oliveira, 52, afirma que o valor de R$ 170 pago pelo Bolsa Família “não dão para nada” e que as coisas pioraram depois que o auxílio emergencial foi banido pelo governo.

Adailton revela que não come carne desde o início de novembro quando tirou o couro de uma vaca morta para o consumo da sua família. O agricultor relata que não poderia deixar o “alimento” para os urubus e os cachorros e fala que a seca ajuda a piorar a situação

“A última vez que comi carne já tem mais de um mês. Foi quando ajudei a tirar o couro de uma vaca. […] Ao invés de deixar a vaca para urubu e cachorro, a gente tem que comer. É isso porque não tem outro jeito. Sem chuva não se planta o que comer e se acabam os animais. Também não existe mais passarinho para desfrutar, e a gente não tem condição de pedir no mercado ‘bota 1 kg de carne com osso’. A gente tem que pegar os bichinhos para fazer a mistura”, disse.

Já o vizinho de Adailton, Emanuel Gomes da Silva, 57, afirma que sua geladeira está vazia e que não tem perspectiva de quando vai se alimentar decentemente.

Emannuel diz que a situação está tão grave que não é mais possível recorrer a répteis ou avoantes para comer, animais que praticamente fazem parte da dieta dos sertanejos afligidos pela seca na região.

“A mistura, às vezes, é ovo. Às vezes, não tem. Nem calango, nem lagarto tijuaçu tem mais aqui. Eles migram atrás de água.” Há quem diga que os que ficam ‘são pequenos como lagartixas’.”

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Galinzé

07 de dezembro de 2021 às 23h32

Como se fosse alguma novidade.

Responder

Ronei

07 de dezembro de 2021 às 15h33

“…maior escândalo de corrupção da história da República”. Kkkkkkk

Os imbecis que escrevem essas asneiras são os mesmos “checadores de fake news”….kkkkkkkk

Responder

Kleiton

07 de dezembro de 2021 às 15h28

E qual seria a novidade ?

Responder

Deixe um comentário

Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade Auxilio Brasil x Bolsa Família: O que mudou? As Refinarias da Petrobras À Venda pelo Governo Bolsonaro O Brasileiro se acha Rico ou Pobre?