Paris Café: O PT tem um projeto de governo? Qual é?

Bolsonaro ataca relator da CPI e diz que vai provar suposta “fraude” nas eleições de 2014

Por Redação

20 de julho de 2021 : 12h03

Jair Bolsonaro concedeu manhã desta terça-feira, 20, entrevista a Rádio Itatiaia de Minas Gerais e voltou a atacar o relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros (MDB-AL), ao dizer que o relatório final da comissão “é para jogar no lixo”.

Bolsonaro está acuado diante das denúncias de corrupção na compra de vacinas contra Covid-19 pelo Ministério da Saúde e sob o comando do então general Eduardo Pazuello, seu braço direito.

“O relatório do Renan é para jogar no lixo. É uma palhaçada o que eles estão fazendo. Eles estão nos acusando de comprar, por exemplo, a Covaxin. De comprar não, de se corromper. Não pagamos um centavo sequer da Covaxin, é só narrativa”, esbravejou.

“CPI não quer investigar nada, quer desgastar o governo. Quantas mortes a CPI evitou? O tempo todo acusações, pessoas desqualificadas vão depor lá como se fossem grandes lobistas. A tentativa de corromper o governo existe sim, Brasília é o paraíso dos lobistas, mas conosco não tiveram sucesso”.

Ainda na mesma entrevista, Bolsonaro também voltou a dizer que vai provar que houve “fraude” nas eleições de 2014 e que o verdadeiro vitorioso daquele pleito presidencial foi o então candidato Aécio Neves (PSDB).

“Vou entregar provas na semana que vem que o Aécio Neves ganhou as eleições”, afirmou.

“Nós vamos apresentar uma fraude de 2014, no segundo turno, em que, segundo as pessoas que trabalharam em cima disso, o Aécio Neves ganhou as eleições. Isso vai ser comprovado e qualquer pessoa vai notar essa realidade”.

Em declínio nas pesquisas, Bolsonaro começou a fazer uma defesa patológica do “voto impresso auditável” e diz, sem provas, que as urnas eletrônicas “não são confiáveis”.

Na Câmara, sua tropa de choque adiou a votação da PEC do Voto Impresso pela iminente derrota que sofreria na Comissão Especial sobre o tema. Cerca de 11 partidos do Centro e da própria direita já se posicionaram contra o voto impresso.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Kleiton

20 de julho de 2021 às 18h04

Será que estas provas chegarão antes da Copa de 2030?

Responder

    Paulo

    20 de julho de 2021 às 22h22

    Nunca chegarão…Qualquer prova de fraude no voto eletrônico possivelmente esteja perdendo de 1×7 para fraude no voto cedular/manual…

    Responder

EdsonLuiz.

20 de julho de 2021 às 16h48

Vai csgar, bolsonaro!

Responder

Marco Vitis

20 de julho de 2021 às 16h45

Até quando o TSE vai aceitar ser qualificado como criminoso por Bolsonaro ? Sim, fraude é crime.
Toffoli, Gilmar Mendes, Fux, Rosa Weber e Barroso são fraudadores, criminosos ?
Bolsonaro está dizendo que são e diz ter provas (mas não as apresenta). E os ministros seguem omissos. Será que Bolsonaro tem razão ?

Responder

Natalia

20 de julho de 2021 às 12h44

A tomada de 3 pinos da 10 a = a essa palhaçada de CPI.

Responder

    Natalia

    20 de julho de 2021 às 12h44

    10 a 0

    Responder

Deixe uma resposta