Bahia: Refinaria privatizada provoca desabastecimento de Gás de Cozinha

Velocidade Máxima – Moro condenou Cunha mas o alvo é Lula.

Por Bajonas Teixeira

31 de março de 2017 : 18h41

Por Bajonas Teixeira, colunista de política do Cafezinho.

Os advogados de Cunha estão perplexos com a velocidade com que Sérgio Moro o condenou a 15 anos. Não é comum a justiça brasileira ser multada por excesso de velocidade. E nem seria uma sina de Cunha ser julgado de forma veloz. Tanto é assim que, enquanto ele agia como presidente da Câmara, o STF levou uma eternidade para decidir o seu afastamento, tempo que ele usou para aprovar o impeachment de Dilma. Então, não é engraçado que, num momento, a Justiça seja tão morosa com Cunha e, em outro, tão veloz?

O que está acontecendo? Não devemos esquecer que, há duas semanas, em entrevista ao jornalista Ricardo Boechat, no dia em que a Lava Jato completava três anos, Dallagnol disse que até o meio do ano sairia a primeira sentença contra Lula.

Ora, um dos princípios do método de Moro é usar a popularidade em seu favor e, como arma, contra seus alvos. E o grande alvo é Lula. E há uma boa notícia internacional para as intenções de Moro: a recém-destituída ex-presidente da Coréia do Sul foi presa na madrugada de ontem, 30.

Mas há também notícias ruins. Acontece que o fracasso das manifestações desse domingo, 26, rendeu uma anotação no livro de registro da história: a popularidade de Moro e o fascínio da Lava Jato estão regredindo. Qual a intensidade dessa maré vazante? Se continuar assim, daqui a dois meses, digamos, Sérgio Moro terá ainda algum cacife para condenar Lula?

E se agora, logo após sentenciar Cunha, e se aproveitando do gás recebido com esse trunfo, ele divulgar a sentença condenatória de Lula? Qual será o efeito dessa proeza para restituir sua popularidade junto ao público de classe média?

Muito provavelmente, não teria o efeito esperado. A classe média nutria um ódio canibal por Lula quando estava sob o feitiço da mídia golpista. Mas, nesse momento, ela vive uma amarga decepção e não serão fatos puramente políticos que a irão tirar desse torpor. Não é o sangue de Lula que a classe média quer beber hoje, mas o de Temer.

E Moro, ao assinar a sentença de Eduardo Cunha, assinou a alforria de Temer, livrando-o indiretamente das incômodas denúncias que, através de suas perguntas, o ex-presidente da Câmara dirigiu ao ex-amigo dileto.

Moro, como todo ídolo que sente os primeiros sinais de enfado do seu público, fará tudo para recuperar a velha fascinação. Mas, dentro do sistema que é o seu mundo encantado de masmorras, conduções coercitivas, violações de sigilos, divulgação de conversas privadas indevidamente gravadas, e outras práticas do gênero, que recursos ele dispõe para virar o jogo?

De um, ele acaba de lançar mão,  o de condenar Cunha. Que outro recurso teria na manga? Na perspectiva em que ele se põe, a equação cuja incógnita é a recuperação de sua influência sobre seu público, só teria uma resposta: a condenação de Lula.

Mas é um erro. A realidade nesse momento já não se arma com as peças do quebra-cabeça que estava na ordem do dia, para as forças  anti-petistas, até há alguns meses atrás. Desde que a classe média desertou do esquema, a partir do momento em que ela descobriu a trapaça, o jogo se arma de outro modo. Temer já não é a solução, ele é o grande problema. E se Moro condena Cunha e defende Temer, mais cedo do que se espera, a classe média vai sentencia-lo ao degredo sem perdão.

E estará ele muito enganado se, para salvar a pele da sua popularidade, quiser entregar à classe média o escalpo de Lula. Muita gente pode não acreditar mas, se a reforma da previdência vencer, o bandido Lula se tornará um mártir para a classe média, e seu escalpo será venerado como um santo sudário. Moro escreverá sua própria sentença se escolher profanar um escalpo quando ele começa a valer como uma relíquia sacra.

Sim, os tempos de Lula logo serão lembrados pela classe média como os tempos da bonança, o Éden, o Shangri-la, a terra sem mal, onde abundavam os bens terrestres, e até aposentadoria era franqueada aos simples mortais.

COMPARTILHE. Visite e curta a MÁQUINA CRÍTICA: https://www.facebook.com/MaquinaCritica/

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

37 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Roberto Neiva

01 de abril de 2017 às 21h22

Será ?……….mas logo o Lula o honestíssimo cidadão ?

Responder

Roberto Alves

01 de abril de 2017 às 20h38

O alvo deles é o LULA, mas se não tem bala agulha”provas”, só convicção não basta.

Responder

Manuel Pio

01 de abril de 2017 às 18h53

Se ele quiser viver sem susesego pelo resto dá vida ele faça isso

Responder

Andre Luchesi

01 de abril de 2017 às 13h24

Ta demorando muito pra DILMA E LULA irem para a cadeia.

Responder

Natan Mota

01 de abril de 2017 às 06h44

Aí um blog emite uma opinião, gera um link, e todo mundo toma isso como verdade. E compartilha. Pra isso serve esses blogs pelegos.

Responder

Paulo Vaz Vieira

01 de abril de 2017 às 03h56

Está todo cagado , já vem tarde prisão de lula kk

Responder

Leila Piccoli

01 de abril de 2017 às 03h37

LULA É LULA, LIDER DA NAÇÃO! Cunha serviu apenas de capacho para eles se instalarem no poder, já teve sua serventia, agora…………..cadeia nele! Bem feito!

Responder

Gustavo Pacheco

01 de abril de 2017 às 02h48

Como pode isso? O Cunha era inimigo dos petistas. Essa tese de que Lula é o perseguido fica enfraquecida.

Responder

Gustavo Pacheco

01 de abril de 2017 às 02h40

As provas para condenar o Eduardo Cunha foram cabais. Logo, fica fraca a tese de que a Lava Jato esteja perseguindo determinada pessoa ou partido.

Responder

    Pollyana Gusmao

    01 de abril de 2017 às 13h46

    E os restante dos delatados sem foro privilegiado q sequer forem investigados….o que vc me diz?

    Responder

    Saulo Portes Sthel

    01 de abril de 2017 às 21h37

    Aí mesmo que reforça a perseguição, provas cabais. Contra Lula apenas suspeitas, não existem provas. Inclusive dezenas de testemunhas já confirmaram a inocência dele.

    Responder

Wagner

31 de março de 2017 às 23h10

Apenas divagações…
” Três coisas devem ser feitas por um juiz: ouvir atentamente, considerar sobejamente e decidir imparcialmente.”( Sócrates)
Mais:
” Ñ há diferença entre um juiz perverso e um juiz ignorante .” (Cicero).
São apenas pensamentos bobos
de um certo Sócrates e um certo Cícero,completamente superados por gênios brasileiros contemporâneos.

Responder

Ana Lucia Elizabeth Rodrigues

01 de abril de 2017 às 02h09

Pior que é mesmo!

Responder

Alzeni Andrade

01 de abril de 2017 às 01h57

Concordo plenamente com você Aristoteles Azevedo Azevedo.

Responder

Alzeni Andrade

01 de abril de 2017 às 01h55

Lula,2018.

Responder

Alba Carlota

01 de abril de 2017 às 01h31

RSRSRS…PODEM FALAR. MOSTRAR SEUS PONTOS DE VISTA. DEIXO AQUI O MEU TAMBÉM….QUEM TÁ LÁ NA CADEIA, OU TODOS QUE ESTÃO ATÉ HOJE SÃO CORRUPTOS PAGANDO O QUE NOS ROUBARAM E ROUBAM. E OS QUE AINDA FOREM JULGADOS TABÉM NOS ROUBARAM. SIMPLES ASSIM: CORRUPTO CADEIA. PENSE EM UM JUIZ “PORRETA”. RSRSRSRS.

Responder

Simone Ambrósio

01 de abril de 2017 às 01h14

Acho prudente que ele não toque em Lula.

Responder

Renato Medrado

01 de abril de 2017 às 00h59

Já tinha cantado essa pedra. Moro tá armando o bote! A militância tem que invadir Curitiba!

Responder

Adalberto Cardoso

01 de abril de 2017 às 00h54

nos ja sabemos desde que prendeu cunha

Responder

Regina Lós Reis

01 de abril de 2017 às 00h34

O PROBLEMA É QUE ESSA PANTOMIMA É PAGA POR NÓS A PESO DE OURO, COMO SE VALESSE ALGUMA COISA!!!
Inútil e deletério, como todos os serviços governamentais: O GOVERNO VERDADEIRO É O DOS MORTOS (como dois mais dois são quatro!)!!!

Responder

C.Poivre

31 de março de 2017 às 21h04

Não sei como os golpistas conseguem se equilibrar no poder usurpado, pois o QI definitivamente não é o forte deles. Principalmente a globo e a Farsa a Jato tanto perseguiram (e perseguem) o ex-Presidente Lula que o transformaram de maior líder popular do país em herói, agora em mártir e falta pouco para transformá-lo em santo aos olhos da nação.

Responder

Antonio Cerqueira

31 de março de 2017 às 23h49

VERDADES QUE DOEM, LULA TERROR DAS ELITES E DOS POLÍTICOS GOLPISTAS.

Responder

Antonio Cerqueira

31 de março de 2017 às 23h49

Responder

Aristoteles Azevedo Azevedo

31 de março de 2017 às 22h41

Ao condenar Cunha ele quer justificar que é “imparcial”! Cunha só foi preso e condenado por causa das provas enviadas pela justiça Suíça, o que não ocorre contra Lula, onde sequer existem indícios, o que existe é que o processo foi movido com base na teoria do “direito penal do inimigo” do jurista alemão Gunther Jakobs. Lula é inimigo de parte da sociedade brasileira, que aceita os 120 anos de nascimento da Favela do Morro da Providência no Rio, uma elite que tem em seu caráter à inoculação do vírus da escravatura, Lula é perseguido por não aceitar à senzala, é por isso que Lula é nego fujão, e seus algozes querem caça-lo, a todo o custo.

Responder

Regina Lós Reis

31 de março de 2017 às 22h27

Esse picareta vai ter que devolver o valor da empreitada judicial toa, SE DESSA VEZ TIVER SIDO DE NOVO SÓ PARA A FARRA JUDICIÁRIA!!!
NÃO VAI FICAR ASSIM!!!
SEMIDEUSMORO VAI SE DAR MAL!!!

Responder

Des

31 de março de 2017 às 19h22

Por isso mesmo ele planeja escafeder-se, só soubemos que ele era o juiz do Banestado muito recentemente, voltara ao Brasil daqui 3 anos para ser empossado como desembargador, ou mesmo como ministro do STF, pois quem aceita Moraes…

Como Rui Costa disse, muitos se indignarão com a prisão de Lula mas muitos poucos se moverão e por pouco tempo. A Lavajato tem prazo para durar, e não tempo contado, ao menos enquanto grande parte da coxinhada de direita e sim, de esquerda continua a apoiá-lo com viés eleitoral.

Quem não viu Randolfe dividir espaço com Marina para acusa o PT de se unir ao PSDB e PMDB para estancar a lavajato. Quantos abobalhados não compram a ideia de que a PL do abuso de autoridade é relatoriada por Renan e não Requião?

Até no jornal satirizando O Globo de hoje, Moro foi poupado, pois entre seus abusos o nome de LUla que era o mais óbvio para a ser o objeto de sua bravata foi sequer citado.

Responder

Wake up

31 de março de 2017 às 19h14

Sera que teremos que partir pra uma guerra civil?prefiro nao precisar mas ja tem gente com disposicao esperando a oportunidade.entao vamos partir pro linchamento moral.vamos invadir suas paginas mensagens indgestas.vamos carimbar a nossa marca.escancarar os erros grotescos desse juizeco burro entreguista.o cara foi reprovado na OAB apontados por colegas de faculdade por mediocre.o pai desse tucanalia togado acharcava comerciantes no PR.

Responder

Rosimar Pereira

31 de março de 2017 às 22h10

Pode gerar algo pior do que o que está

Responder

Rosimar Pereira

31 de março de 2017 às 22h10

Acho que é aí que a coisa vai pegar

Responder

Paulo Só

31 de março de 2017 às 19h01

Estou iniciando uma pesquisa histórica sobre a aposentadoria dos juízes da Inquisição no século XVII. Para já posso adiantar que poucos chegaram a Roma. A maioria morreu em celas de convento que em pouco diferiam das celas dos condenados, não executados, pelo Santo Ofício. Uma vez redigida prometo enviar uma cópia com dedicatória ao Juiz Moro.

Responder

Jose Manoel Martins

31 de março de 2017 às 19h01

O objetivo é prender Lula, é o fechamento do golpe, e deixar o pobres órfãos, do único político que olhou para as classes menos favorecidas. LULA 2018 é meu voto

Responder

Claudio Martins

31 de março de 2017 às 21h49

cunha foi boi de piranha!!!

Responder

Deixe um comentário