Mais de 70% dos eleitores já estão decididos sobre o voto presidencial, diz DataFolha

Foto: Divulgação

Nova pesquisa presencial na Bahia mantém vitória de ACM Neto no 1° turno

Por Gabriel Barbosa

08 de setembro de 2022 : 15h48

O Instituto Séculus divulgou nesta quinta-feira, 8, sua nova rodada de pesquisa eleitoral para o Governo da Bahia que mantém a vitória do ex-prefeito de Salvador, ACM Neto (União Brasil), no 1° turno.

Na pesquisa, Neto tem uma vantagem de quase 40 pontos sobre o candidato do PT, Jerônimo Rodrigues. Enquanto o ex-prefeito soteropolitano fica com 57,3% de preferência dos baianos, o petista registra 18,3%. Na terceira colocação, João Roma (PL) é mencionado por apenas 6,8% dos entrevistados.

A Séculus ouviu 1526 eleitores baianos, de forma presencial, de 72 municípios do estado. A margem de erro da pesquisa é de 2,5% e o nível de confiança de 95%.

O levantamento foi feito entre os dias 1° e 4 de setembro de 2022 e foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código BA-08907/2022.

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM. Pós-graduando em Comunicação e Marketing Político.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Tiago silva

08 de setembro de 2022 às 18h55

Se o Lula não buscar ocupar o polo da esquerda ao invés de tentar aparecer como Terceira Via (do Capital)… vai acabar perdendo Governadores e deputados (governabilidade) em Estados em que não se deveria nem imaginar essa hipótese como Bahia ou outros Estados do Nordeste com Golpistas (ops. não sei se o PT pode falar essa palavra) na liderança para Governador.

Responder

Deixe um comentário