Jornal da Forum: Lula quer reindustrializar o Brasil!

Eleições 2020: Camilo assume articulação e acordo entre PT e PDT pode acontecer em Fortaleza

Por Gabriel Barbosa

24 de agosto de 2020 : 12h12

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), assumiu as articulações em torno de um acordo entre PT e PDT em Fortaleza.

Nesse caso, o PT ocuparia a vice na chapa do PDT, as conversas estão em ritmo acelerado e poderá ter um desfecho em breve.

O núcleo estadual do PT têm alertado o ex-presidente Lula sobre o risco de lançar candidatura própria na capital cearense e que não seria prudente o partido lançar um nome sem ter avaliação prévia do cenário local e por acabar de prejudicar os outros partidos de esquerda.

Por isso que a articulação de Camilo têm por objetivo não prejudicar outras candidaturas mais competitivas.

Além do PDT, que ainda não definiu o pré-candidato, o PSB também entrou na disputa e lançou o ex-chefe da Casa Civil da gestão Camilo, o sociólogo Élcio Batista, ligado aos movimentos sociais.

(Com Roberto Moreira)

Gabriel Barbosa

Jornalista com passagens pelo Grupo de Comunicação O POVO (Ceará), RedeTV! e Band News FM.

Apoie O Cafezinho

Crowdfunding

Ajude o Cafezinho a continuar forte e independente, faça uma assinatura! Você pode contribuir mensalmente ou fazer uma doação de qualquer valor.

Veja como nos apoiar »

1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site O CAFEZINHO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie.

Escrever comentário »

Marco Vitis

24 de agosto de 2020 às 12h38

Nunca é demais enfatizar a constatação de Ricardo Cappeli, a única saída para derrotar o fascismo:
” Rafael Correa repete o gesto da ex-presidenta da Argentina, Cristina Kirchner. Dois gigantes colocando o interesse nacional acima de seus projetos pessoais e/ou partidários “.

Responder

Deixe um comentário

O 2021 de Bolsonaro O 2021 de Ciro Gomes O 2021 de Lula Parlamentarismo x Semipresidencialismo: Qual a Diferença? Fernanda Montenegro e Gilberto Gil são Imortais na ABL: Diversidade